PlanetGeek

Notable PHP package: Doubles

20-08-2019 | 13:54 | Manuel Lemos

By Manuel Lemos
One way to test applications based on classes that implement important behaviors is to create mock objects.

These are objects that behave like objects of the classes that you want to test but you can change them to make them behave according to the aspects that you want to test about the class features.

This package can be used to create mock objects by creating similar classes that have additional features that are useful for testing purposes like counting how many times among other features.

Read this article to learn more details about how this notable PHP package works.

TP-Link Kasa ganha acções "inteligentes" (mas limitadas)

20-08-2019 | 12:09 | A Minha Alegre Casinha


A TP-Link tem investido no sector da automação doméstica com a sua gama de produtos Kasa, que agora ganham "Smart Actions" para maior versatilidade... mas que acabam por ser bastante limitadas.

Com as Smart Actions os utilizadores podem encadear uma sequência de comandos em resposta a determinadas acções, enquadradas em quatro categorias: detecção de movimento; mudança de um interruptor; agendamentos; temporizadores.

Com isto os utilizadores podem criar rotinas como, acender luzes caso seja detectado movimento por uma câmara Kasa; ligar múltiplas lâmpadas em múltiplas divisões ao se carregar num único interruptor; ligar um cenário de luzes pré-programado a determinada hora; ou garantir que não ficam luzes esquecidas, definindo um temporizador para serem desligadas.

É o tipo de funcionalidade básica que qualquer pessoa esperaria de um qualquer dispositivos dito "inteligente"; mas que neste caso depressa se revela ser bastante limitativo. É que embora a TP-Link tenha permitido criar até 50 Smart Actions, decidiu também apenas permitir que apenas se tenham 3 delas activas em simultâneo - o que reduz significativamente a sua utilidade.


... Já seria tempo de todos os fabricantes pararem de tentar reinventar a roda por si mesmos, desperdiçando recursos a fazer coisas que já existem feitas (e muito melhores), e em vez disso se concentrassem em facilitar a interligação dos seus produtos com plataformas já existentes e infinitamente mais versáteis.

Renovação do Cartão de Cidadão online interrompida por certificado de segurança expirado

20-08-2019 | 11:00 | Aberto até de Madrugada


O esquecimento da renovação de certificados SSL volta a fazer vítimas, desta vez impedindo o funcionamento do serviço de renovação online do cartão de cidadão, e outros serviços pendurados no mordomo.gov.pt.

Para fazer face às intermináveis filas para a renovação do cartão de cidadão, o estado português implementou finalmente um processo de renovação online para agilizar o processo. Infelizmente, por muito bem vindo que seja, o período de férias parece ter feito com que se esquecessem de renovar o certificado SSL necessário para manter o serviço em operação.

O certificado SSL de *.mordomo.gov.pt caducou a 14 de Agosto, fazendo com que o serviço de renovação do cartão de cidadão em Portugal não esteja a funcionar desde essa data.

Mesmo tendo em conta que se teve um feriado e potencial "ponte", isso não serve de desculpa para que um serviço com esta importância se mantenha inacessível durante tantos dias - se bem que, simultaneamente, nos relembra que por vezes os serviços na internet podem falhar pelas coisas mais básicas, como o esquecimento de uma renovação de um domínio ou, neste caso, de um certificado SSL.

Google Duo ganha modo low light

20-08-2019 | 10:00 | Aberto até de Madrugada


A Google continua a melhorar o Duo, e desta vez com uma funcionalidade que será do agrado dos que costumam fazer videochamadas no escuro: o modo low light.

As câmaras frontais dos smartphones já têm por hábito ser piores em ambientes de baixa luminosidade, e uma das formas onde isso mais se faz sentir é nas video-chamadas quando estamos em locais pouco iluminados. Para minimizar esse efeito, a Google adicionou um modo low light ao Google Duo.
Embora não seja tão eficaz como o modo Night Sight da Google Camera, ainda assim é capaz de fazer verdadeiros milagres, transformando situações onde habitualmente nem seria possível ver um rosto, em algo onde se pode ver com quem se está a falar, mesmo que seja com nível de qualidade reduzido e frame rate mais lento (mas, considerando que a alternativa é falar para um ecrã onde nem se vê um rosto, acho que são compromissos mais que aceitáveis).

[modo low light activado vs desactivado - via XDA]


Infelizmente, parece-me que o maior problema do Duo não é a sua qualidade ou funcionalidades, mas sim a falta de utilizadores dispostos a darem-lhe uma oportunidade. E não ajudará que as alternativas facilitem a utilização de todo o tipo de mensagens (vídeo, texto, voz) numa única app, enquanto a Google se continua a diversificar de forma pouco clara por múltiplas apps. E isto sem contar que, quando decidir por o ponto final nos Hangouts, se arrisca a afastar mais um enorme conjunto de ex-fãs, que dificilmente voltarão a confiar na Google para manter os seus serviços de mensagens.

Ganha um smartwatch Bilikay KW19

20-08-2019 | 09:00 | Aberto até de Madrugada

Todas as semanas temos gadgets para vos oferecer, e desta vez é um smartwatch Bilikay KW19.

Os smartwatches têm baixado para preços que seriam considerados impossíveis há apenas alguns anos, chegando ao ponto de ficarem até mais baratos que simples relógios digitais "burros", e é precisamente isso que demonstra este Bilikay KW19.


Já sabem como funcionam os nossos passatempos semanais: ao longo dos próximos dias iremos colocando diferentes perguntas no formulário que se segue, e no final o mesmo será oferecido aleatoriamente entre os participantes que tiverem acertado correctamente pelo menos numa delas (sendo que mais respostas certas melhorarão as vossas probabilidades de ganharem - mas atenção, pois apenas conta a primeira resposta que derem a cada pergunta.)

Loading…



Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal.

TCL prepara tablet dobrável para 2020

20-08-2019 | 08:00 | Aberto até de Madrugada


A TCL prepara-se para se juntar às marcas com dispositivos com ecrãs dobráveis, lançando um tablet com ecrã flexível "Flextab" já no próximo ano.

Os problemas que a Samsung e Huawei estão a enfrentar para fazerem chegar os seus smartphones dobráveis ao mercado parecem não estar a preocupar a TCL, cujos planos incluem o lançamento de um tablet dobrável já no próximo ano, por altura do terceiro trimestre.


Embora não sejam conhecidas características, não deixará de ser interessante ver se a aposta nos tablets dobráveis será melhor recebida que a dos smartphones dobráveis. Já que potencialmente poderá existir mercado para quem achar mais interesse em poder transportar consigo um tablet de dimensões superiores, que até se dobra como um livro, do que um smartphone.

O que é certo é que a TCL certamente estará a aprender bastante com os erros que têm sido cometidos pelas outras marcas e que têm causado sucessivos adiamentos no lançamento dos seus primeiros smartphones dobráveis; esperando-se que não tenha que passar pela mesma situação no próximo ano.

Huawei Mate X actualizado para o Kirin 990 e câmaras do P30 Pro

20-08-2019 | 07:00 | Aberto até de Madrugada


Parece que a Huawei tem outros motivos para o novo adiamento do Mate X com ecrã dobrável, já que além da revisão mecânica também aproveitou para actualizar os componentes internos.

Depois do adiamento inicial - por "precaução" - em resposta aos problemas encontrados no Galaxy Fold da Samsung, a Huawei parece ter aproveitado os meses de refinamento do mecanismo de dobragem do ecrã do Mate X para também o tornar ainda mais apetecível.

Segundo as últimas indicações, a Huawei fez um upgrade ao Mate X, esperando-se que passe a contar com o mais recente e poderoso Kirin 990 que se espera ver no Mate 30 Pro, e também com um conjunto de câmaras idêntico ao do P30 Pro. Alterações que poderão ajudar a explicar o motivo do novo adiamento que atira a data de lançamento de Setembro para Novembro.

Ainda está por comprovar se o mercado está realmente disposto a pagar os preços exorbitantes que estes primeiros modelos dobráveis terão quando chegarem ao mercado. Mas para quem estiver disposto a pagar o que for necessário para ter um smartphone capaz de atrair as atenções, sem dúvida que serão modelos preferenciais.

Google fecha a porta aos operadores no acesso aos dados de cobertura

19-08-2019 | 20:00 | Aberto até de Madrugada


Procurando relembrar que a Google não será a única a "perder" por conta das preocupações adicionais com a privacidade, manda um sinal claro às operadoras ao retirar-lhes o acesso aos dados sobre o estado da rede recolhido pelos Android.

A Google (Alphabet) prepara-se para começar a fazer sentir às operadoras o efeito que as crescentes pressões (e multas) a propósito da privacidade dos utilizadores têm tido: acabando com a partilha do mapa de cobertura que recolhe através dos seus Android.

É quase inimaginável a quantidade de dados que são recolhidos sobre cada pessoa que utiliza um smartphone; mas um deles consiste em saber a cada momento qual a força do sinal dos diversos operadores em cada local. Dados valiosos que permitem aos operadores determinar que zonas têm cobertura reduzida e possam necessitar de um reforço.

Mesmo tratando-se de dados anónimos, a Google diz que irá deixar de os partilhar com os operadores como forma de evitar potenciais problemas, uma vez que tem estado sobre forte escrutínio de como utiliza os dados dos seus utilizadores. Uma medida que, sinceramente, mais parece ser uma forma de pressão para que os operadores comecem a mostrar algum apoio e a dar uso aos seus lobbys para defenderem a Google, Android, e todos os "extras" que a isso estão associados.

Xiaomi, Oppo e Vivo preparam "AirDrop" para Android

19-08-2019 | 17:30 | Aberto até de Madrugada


A Xiaomi, Oppo e Vivo estão a trabalhar num sistema de partilha de ficheiros em Android, para competirem com o AirDrop da Apple nos iPhones.

A Apple resolveu o problema de transferir conteúdos rapidamente e facilmente entre iPhones próximos através do AirDrop, mas o sistema obviamente falha assim que se deseja transferir algo para um Android. Nos Android o cenário tem estado um pouco mais complicado, em parte devido à insistência de algumas marcas imitarem a Apple e criarem os seus próprios sistemas proprietários, que permitem apenas transferências entre smartphones da marca.

Infelizmente, parece também ser esse o caminho que a Xiaomi, Oppo e Vivo querem seguir, criando o seu próprio sistema de transferência de ficheiros entre Androids.

Se por um lado é positivo que o sistema seja multi-marcas (e dizem estar aberto a funcionar com mais marcas que o queiram fazer), não deixa de continuar a contribuir para a fragmentação da plataforma, ainda mais numa altura que o Android passará a contar com o novo Fast Share que teria como missão unificar esta funcionalidade. Por outro lado, tendo em conta os recentes acontecimentos com os EUA e Huawei, não se poderá censurar os fabricantes chineses por não quererem ficar demasiado dependentes dos serviços de um Android cujo acesso lhes poderá ser impedido a qualquer momento.

E no meio de tudo isto, quem sofre são os utilizadores, que depois continuarão intrigados porque motivo não podem passar um conteúdo de um Xiaomi para um Samsung, ou de um Oppo para um LG...

Samsung e Xiaomi aproveitam quebra da Huawei para crescer no mercado europeu

19-08-2019 | 16:32 | Apps do Android


Num mercado altamente competitivo como o europeu, as marcas facilmente vêem os seus resultados alterados num curto espaço de tempo. Segundo a informação disponibilizada pela consultora Canalys, Samsung e Xiaomi são as grandes vencedores do segundo trimestre de 2019, com um crescimento de 20% e 48%, face ao mesmo período do ano transacto. Apple, Huawei e HMD Global, com mais de 16% de redução relativamente a 2018, não têm razões para sorrir.


Se no caso da Apple, estávamos já a entrar um período estagnação, com os olhos a ficarem centrados nos novos modelos, no caso da Huawei e HMD, as razões são obrigatoriamente diferentes. A HMD está a sofrer as já esperadas dores de crescimento, tendo nesta altura de definir qual o seu posicionamento. Inundar os mercados com múltiplos, parece não ter sido a melhor das opções, mas haverá que esperar pelo final do ano, para se poderem tirar conclusões sobre este assunto.


A Huawei divulgou os resultados relativos ao primeiro trimestre de 2019, registando um crescimento superior a 24% face a 2018, com 118 milhões de unidades enviadas para o retalho, mas já havia indícios que o segundo trimestre poderia não ter corrido como esperado. Os dados agora partilhados para a Canalys, são relativos apenas ao segundo trimestre e vêm comprovar isso mesmo, com um decréscimo de 16%, ficando-se a Huawei por 8,5 milhões de unidades colocadas no mercado, contra 10,1 milhões em 2018. É um cenário que aponta para resultados algo diferentes dos que a marca partilhou, pelo que haverá que aguardar por uma clarificação da Huawei sobre este assunto.

Em sentido inverso, tal como já se previa, temos a Xiaomi, que está a invadir a Europa a todo o vapor. Preços baixos e especificações adequadas a cada segmento de mercado, fazem das propostas da Xiaomi, um objectivo a bater pelos OEM. Com 4,3 milhões de smartphones e 9,6% de quota de mercado, a marca chinesa registou um crescimento 48%, face aos resultados de 2018.

A grande vencedora do segundo trimestre no mercado mobile europeu, foi a Samsung, que soube aproveitar o momento menos positivo da Huawei e a sazonalidade das vendas da Apple, para reforçar a sua primeira posição, com 18,3 milhões de smartphones enviados para o retalho, que correspondem a 40,6% de quota de mercado.


Samsung reforça posição na gama média




A suportar estes resultados da marca sul-coreana, temos os smartphones de gama média, com mais de 7 milhões de unidades a chegarem as prateleiras do retalho. Os Galaxy A20e, A40 e A50, conseguiram roubar mercado à concorrência, com a Samsung a conseguir reforçar uma posição onde já chegou a ter um domínio bastante confortável.

O terceiro trimestre será particularmente interessante, pois as vendas do novo iPhone ainda não terão reflexo nos resultados e a Huawei terá de continuar a lidar com a guerra comercial imposta pelos EUA. Irá a Samsung cimentar a sua liderança no mercado mobile europeu, ou haverá uma surpresa inesperada?

Fonte: Canalys

Fita LED para TVs por €9

19-08-2019 | 16:30 | Aberto até de Madrugada


Ver televisão numa sala completamente às escuras é uma experiência que não é lá muito agradável para os olhos, mas felizmente pode ser resolvida de forma bastante fácil e económica com uma fita LED USB.


Fico muitas vezes surpreendido ao ver familiares e amigos verem televisão nas suas salas completamente às escuras - nem sequer se apercebendo no impacto que isso tem nos seus olhos, e que se torna ainda pior quando se tratam de televisores que nem sequer se ajustam automaticamente à luminosidade ambiente e continuam a exibir imagens de alto-brilho, como se fosse de dia.

Para além do correcto ajuste da luminosidade, há algo simples que pode (e deve) ser feito e que resolve rapidamente a questão: colocar um qualquer tipo de luz na parte de trás do televisor, para criar um efeito luminoso na parede em redor do televisor que ajudará os nossos olhos a manterem uma referência luminosa.


Ora, é para isso mesmo que existem fitas LED como esta por menos de €10, que pode ser alimentada directamente por uma das portas USB do televisor.

Neste caso é um conjunto com fitas LED de 2x50cm + 2x60cm, num total de 2.2 metros, suficiente para lidar com televisores de 40" a 60". Para além disso, como se tratam de fitas RGB, podem também ajustar a sua cor e intensidade ao vosso gosto: uns podem preferir uma tonalidade amarelada, outros podem preferir vermelho, etc.

Ter em conta que se trata de definir uma cor - ou efeito - manualmente, e não de uma fita LED que automaticamente crie um efeito ambilight que muda de cor em função das imagens no ecrã. Também existem soluções para isso, mas que ficam substancialmente mais caras. Para efeitos de "custo/benefício", uma destas fitas LED simples é imbatível e já produz o efeito necessário.


P.S. Se não precisarem de 2.2 metros de fita LED, podem encontrar opções ainda mais baratas, como esta com 2x50cm por 5 euros.

Notícias do dia

19-08-2019 | 15:30 | Aberto até de Madrugada

Tesla avança com painéis solares por mensalidade; Vivo iQOO Pro quer ser o smartphone 5G mais barato do mercado; Google ganha dados com até 20 lados; a caixa-forte inundada do Banco de Espanha é real; quanto dura um Tesla Model 3 estacionado; pista de corridas em versão LED; YouTube Originals disponíveis gratuitamente a partir de 24 de Setembro; apps supostamente feitas por AI eram afinal feitas por humanos; e ainda como o anti-virus Kaspersky punha privacidade dos utilizadores em risco.

Antes de passarmos às notícias do dia temos um novo passatempo gadget da semana que te pode valer uns earphones Xiaomi AirDots.

Disney+ chega à Europa em Novembro por €6.99/mês



O final de ano vai ser quente para as plataformas de streaming com a chegada do novo serviço Disney+, que dará acesso à longa lista de exclusivos da Disney, e que englobam os universos Marvel, Star Wars e Pixar, entre outros.

O serviço arranca a 12 de Novembro, sendo que curiosamente também ficará disponível na Europa... mas apenas na Holanda. A expansão a mais países está prometida para ocorrer de forma gradual ao longo dos próximos dois anos (não sei se com as leis do mercado único digital Europeu, será possível disponibilizar o Disney+ apenas na Holanda e não para os demais).

O preço é de €6.99/mês ou €69.99/ano - faltando ainda saber se nesta modalidade base se terá acesso aos conteúdos 4K, e quantos dispositivos o poderão utilizar em simultâneo.


UPS já está a usar camiões autónomos nos EUA



Enquanto a Tesla vai testando os seus camiões eléctricos, a UPS já está a utilizar camiões autónomos nalgumas das suas ligações nos EUA, por intermédio dos sistemas da TuSimple. A parceria começou por fazer a ligação de 1600 km entre Phoenix no Arizona e Dallas no Texas; e os resultados parecem ter sido positivos, com a UPS a anunciar que iria ficar com uma posição minoritária da TuSimple.

O sistema da TuSimple consiste na aplicação de um kit com 9 câmaras e LIDARs a camiões convencionais, dando-lhes a capacidade para conduzirem de forma autónoma em vias rápidas - por agora contando com um condutor e engenheiro a bordo. A automatização dos camiões é considerado uma das primeiras aplicações mais importantes para a condução autónoma, especialmente para os transportes de longo-curso feitos maioritariamente em auto-estrada.


Revolut for Business com gestão de gastos dos colaboradores simplificada



Gerir as empresas dos colaboradores torna-se mais fácil com a nova ferramenta de gestão de gastos e conciliação de contas da Revolut for Business. Os colaboradores podem apresentar as suas despesas, incluindo fotos dos talões e facturas das contas; e do lado da empresa, o processo de as validar resume-se a alguns poucos cliques.

Este novo recurso de gestão de despesas está disponível para freelancers e organizações com planos pagos, e reforça o compromisso da Revolut em se diferenciar das demais plataformas.


EUA dão mais 90 dias à Huawei



Os EUA prolongaram por mais 90 dias a continuidade do acesso a tecnologia norte-americana por parte da Huawei, mas deixando claro que isso não são "boas notícias".

O Departamento de Comércio dos EUA diz que esta medida visa apenas beneficiar os actuais possuidores de equipamentos Huawei, para que possam ter mais três meses para procurarem e adoptarem alternativas aos produtos da marca chinesa; permanecendo a ameaça do bloqueio total no final do prazo.

Refira-se que, ao impedir o acesso ao Android, tecnologia ARM e muitas outras coisas, a Huawei ficará numa posição bastante fragilizada em todo o mercado ocidental.


Curtas do dia


Resumo da madrugada




EMUI 10: Huawei revela datas para disponibilização da actualização

19-08-2019 | 15:21 | Apps do Android


Depois de sabermos que modelos vão receber a EMUI 10, já sabemos também quais as datas em que os primeiros smartphones começarão a receber esta actualização.


A Huawei já revelou as datas de chegada da EMUI 10 baseada no Android Q aos seus primeiros modelos:

Setembro (dia 8)

Huawei P30
Huawei P30 Pro

Setembro (mais tarde)

Huawei Mate 20
Huawei Mate 20 Pro
Huawei Mate 20 X
Huawei Mate 20 RS Porsche Design

Setembro (sob designação Magic UI 3.0)

Honor 20
Honor 20 Pro
Honor V20
Honor Magic 2


São boas notícias para quem tiver estes modelos, mas há que ter em conta que esta ronda se refere ainda a uma versão beta da EMUI 10, e que provavelmente serão necessários vários meses até que a Huawei lance uma versão "final" para estes, e outros, modelos. Uma espera que não deverá afectar quem estiver a aguardar pelo lançamento da nova geração Mate 30, que já deverá vir com EMUI 10 de origem.

IKEA reforça aposta nas casas inteligentes

19-08-2019 | 14:30 | Aberto até de Madrugada


A IKEA percebeu finalmente o potencial que existe no sector da domótica, e para isso vai criar uma nova divisão dedicada exclusivamente à sua linha de produtos para casas inteligentes.

Depois de uma entrada tímida - mas acertada - no sector com as suas lâmpadas inteligentes Tradfri, não têm parados os pedidos para que a Ikea expanda o conceito a mais produtos e mais áreas (como por exemplo os estores motorizados, ou as colunas Symfonisk).

A nova unidade "Smart Home" junta-se a um número crescente de divisões que têm sido criadas para segmentos específicos, como iluminação, cozinhas, texteis, etc. e promete ser uma das mais interessantes de acompanhar nos próximos anos para quem se interessar por esta área das casas inteligentes. Especialmente se continuar a manter preços competitivos, como tem sido o caso das suas lâmpadas inteligentes Tradfri e demais produtos (infelizmente os painéis LED não têm tido o preço mais simpático que se poderia desejar... mas não se pode ter tudo).

Resta apenas esperar que, tal como tem feito até aqui, a Ikea perceba as vantagens de manter o seu sistema aberto e facilmente integrado com outras plataformas; em vez de o querer "fechar" apenas para si própria.

Tesla avança com painéis solares por mensalidade

19-08-2019 | 13:01 | Aberto até de Madrugada


A Tesla está a fazer nova investida no sector solar, com uma nova modalidade que permite instalar e usufruir de painéis solares por uma mensalidade fixa reduzida.

Há cada vez mais pessoas interessadas na instalação de painéis solares fotovoltaicos, mas o valor do investimento torna-se, na maioria das vezes, num entrave. A Tesla quer remover esse entrave, avançando com uma modalidade de aluguer, que - nos EUA - permite que se possa ficar com um sistema de 3.8 kW por apenas $65 por mês.


Quem tiver espaço no telhado e desejar, poderá optar por mais painéis solares e uma maior capacidade de geração: 7.6 kW por $130 e 11.4kW por $195.

A parte mais interessante é que, segundo a Tesla, isto é uma forma garantida de poupar dinheiro; indicando poupanças de $250 a $650 por ano para o sistema mais pequeno, já depois de descontada a mensalidade paga à Tesla. E proporcionalmente superiores para os sistemas maiores. Por outro lado, se é verdade que não se paga nada pela instalação, a Tesla cobra um valor de $1500 pela desinstalação do sistema.


Para Portugal já temos uma página desta modalidade de aluguer solar, mas que infelizmente por agora não faz qualquer indicação quanto às mensalidades que por cá seriam praticadas, pedindo apenas um sinal de €100 para se ficar na lista de interessados.

Pode ser que com as alterações às regras do autoconsumo e a venda da energia gerada ao preço de mercado, a Tesla avance com esta modalidade cá em Portugal em condições que sejam vantajosas para todos.

Notable PHP package: ATK4 PHP Debug Bar

19-08-2019 | 12:54 | Manuel Lemos

By Manuel Lemos
DebugBar is an useful library that can be used to display interesting information for debugging purposes, so it helps developers fixing problems in their applications.

This package provides an integration of the PHP Debug Bar with applications that used the ATK4 framework, by providing collector classes that supply useful information about the applications' activity, like log data and database accesses.

Read this article to learn more details about how this notable PHP package works.

Smartwatch modular Blocks junta-se aos falhanços do crowdfunding

19-08-2019 | 11:00 | Aberto até de Madrugada


O sonho do smartwatch modular lançado pelo projecto Blocks chega ao fim da pior maneira, com os responsáveis a anunciarem que a aventura chega ao fim depois de se terem evaporado os milhões angariados.

Foi no final de 2015 que o Blocks se aventurou no Kickstarter com a promessa de criar um smartwatch modular, onde os utilizadores poderiam encaixar "elos" à medida das suas necessidades: mais bateria, módulo GPS, módulo ECG, sensor de impressões digitais, módulo SIM, etc. A ideia era boa e surgia numa altura em que esse sonho da modularidade ainda estava bem presente - mesmo se o Project Ara modular da Google também já começava a demonstrar motivos para preocupações.

Quatro anos mais tarde, é com tristeza que se confirma o que já se suspeitava há muito: que o Blocks se junta à lista dos projectos milionários falhados do crowdfunding.


O projecto tinha angariado mais de 1.6 milhões de dólares, mas os seus criadores dizem que no final de 2016 sofreram um grande revés quando ficaram simultaneamente sem o fabricante que iria fabricar os smartwatches, como também sem o parceiro que seria responsável por criar o software capaz de lidar com os componentes modulares.

Ao contrário de outros projectos claramente fraudulentos; neste caso o Blocks parece ter sido vítima da falta de experiência de pessoas que até teriam boas intenções, mas que não foram capazes de lidar com a gestão de um complexo projecto envolvendo valores milionários. E no processo, fica também a má experiência para mais de 5000 apoiantes que terão pago pelo menos $200 com a expectativa de receberem um smartwatch modular, que na altura era prometido para Maio de 2016.


Google Drive vai permitir atalhos para ficheiros

19-08-2019 | 10:00 | Aberto até de Madrugada


A Google está a testar uma nova funcionalidade no Google Drive que será do agrado de todos os que se sintam frustrados com a falta de possibilidades de organização dos seus conteúdos: a criação de atalhos para os ficheiros.

A maioria dos sistemas de ficheiros permite a criação de atalhos, que facilitam a gestão de conteúdos quando estes começam a aumentar em volume, permitindo criar "apontadores" para os diversos conteúdos que podem ser movidos ou colocados em diferentes pastas sem afectar a localização do conteúdo propriamente dito. E em breve, também se poderá fazer o mesmo com atalhos no Google Drive.


Um dos casos práticos será facilitar a gestão de documentos partilhados por múltiplos drives partilhados - o que não é possível na forma actual, já que um ficheiro apenas pode pertencer a um único drive, mas que com os atalhos dá a liberdade para que cada utilizador os possa organizar como bem entender, independentemente da localização do ficheiro original.

Por agora a funcionalidade está a ser testada, sendo que neste fase apenas será possível criar atalhos para: Google Docs, Google Slides, Google Sheets, JPGs, PDFs, ficheiros Microsoft Office e
pastas.

Vivo iQOO Pro quer ser o smartphone 5G mais barato do mercado

19-08-2019 | 09:00 | Aberto até de Madrugada


A Vivo quer aproveitar a transição para o 5G para se fazer notar ainda mais, e para isso prepara uma táctica que costuma resultar quase sempre: lançar o topo de gama 5G mais barato do mercado.

O iQOO Pro 5G tem a ambição de ser o topo de gama 5G mais económico do momento, embora o "económico" seja sempre relativo, já que se trata de um smartphone com Snapdragon 855+, 8GB+128GB, ecrã AMOLED de 6.41", câmara tripla de 48MP+13MP+12MP, câmara frontal de 12MP, bateria de 4500mAh, e carregamento rápido de44W.

Segundo os rumores, este o modelo base do iQOO Pro 5G poderás ser lançado na China com um preço de 4498 Yuan (€575), que mesmo sendo mais elevado que a versão não 5G com 12GB+256GB (€511), o deixa bem posicionado para competir com o Axon 10 Pro 5G (€611) que por agora permanece o smartphone 5G mais barato no território.

É o tipo de coisa que já assistimos nas transições para o 3G e 4G, em que os primeiros telemóveis e smartphone a suportarem as redes mais rápidas chegavam ao mercado com preço inflacionado (e autonomia reduzida), mas sendo uma questão de tempo até que isso passasse a ser uma característica comum já implícita a todos os modelos, fazendo com que já nem se pensasse nisso.


Nesta fase, considerando a completa ausência de cobertura 5G no nosso país... não me parece que o 5G deva ser (ainda) uma prioridade na lista de características na compra de um novo smartphone. E mesmo considerando que o venha a ser daqui por 2 ou 3 (ou 4) anos, o melhor será investir num modelo 5G nessa altura, que já contará com CPUs e modems mais evoluídos e eficientes, em vez de estar a investir nisso agora... ficando com o hardware desactualizado quando o 5G realmente chegar.

Live View chega ao Google Maps para uma navegação facilitada

19-08-2019 | 08:32 | Apps do Android



A Google anunciou a disponibilização da funcionalidade Live View em todos os países onde o street view está disponível, com Portugal desta vez a não ficar fora da lista dos escolhidos para receber este update.



A nova funcionalidade recorre à realidade aumentada para mostrar o caminho a pé até ao destino pretendido pelo utilizador. O Live View tinha sido apresentado durante a Google I/O. Juntamente com esta nova funcionalidade, a Google anunciou a disponibilização de mais duas para a gestão de hotéis e voos e para a partilha de experiências com amigos.

Viaje até ao próximo destino com o Google Maps


O Google Maps ajuda-o não só a navegar, a explorar e a concluir tarefas como é também um poderoso companheiro de viagem. Depois de reservar uma viagem, as novas ferramentas irão simplificar cada momento da sua viagem desde o momento em que chega – desde percorrer e descobrir uma nova cidade até ao momento de reviver esses momentos quando regressa a casa.

Mantenha tudo organizado

A partir de agora, pode usar o Google Maps para ver todas as suas reservas de hotéis e de voos num único local – O Google Maps irá ajudá-lo quando estiver a fazer check-in no aeroporto ou a caminho do hotel no seu destino. Bastará tocar no menu com as três linhas horizontais, no canto superior esquerdo do ecrã e depois seleccionar “os seus locais” Depois seleccione a opção "reservas" onde irá aparecer a lista das suas próximas viagens. Ao selecionar sua viagem, as suas reservas serão puxadas instantaneamente e poderá também aceder às mesmas, mesmo se estiver offline. Por isso, não precisa se preocupar se estiver num local sem rede ou numa viagem internacional, sem um plano de dados.

                                                                                                             

                                                                                                          

Percorra as cidades como um local

Não há nada como explorar uma cidade a pé – é uma das melhores formas de viver e sentir um local novo. Mas esta experiência pode ser complicada já que, por vezes, pode ser difícil saber exactamente qual a direcção a seguir. Com a nova funcionalidade Live View, poderá utilizar a realidade aumentada para ver melhor qual o caminho a seguir. As setas e as direcções que surgem em cima, à direita no mapa do telefone ajudam a guiar os utilizadores no percurso. Testámos o Live View com guias locais e a comunidade do Pixel ao longo dos últimos meses e estamos agora a expandir, a partir desta semana, a versão beta para os dispositivos Android e iOS que suportem ARCore e o ARKit.

Mergulhe nas memórias e partilhe-as com os amigos

Qual é a melhor a melhor parte de qualquer viagem memorável? Reviver as memórias e partilhando-as com as pessoas de quem gosta. Se optou por manter activado o histórico de localização poderá utilizar a versão atualizada da Linha cronológica para se lembrar rapidamente daquele restaurante incrível onde jantou ou aquela loja vintage fantástica onde entrou. Também poderá ver todos os locais que visitou num pais ou cidade ou mesmo percorrer as categorias de locais que visitou – incluindo restaurantes, lojas, atracções, hoteis e aeroportos. Da próxima vez que alguém lhe pedir recomendações de viagem poderá facilmente exportar os lugares que gostou para uma lista, incluir anotações sobre exatamente o que gostou (como por exemplo aquele local para um piquenique junto ao Louvre) e partilhar essa lista com amigos e familiares.


A novas funcionalidades (reservas de voos e de hotéis, Live View - nos países onde o Street View está disponível – e a nova linha cronológica ) passarão a estar disponíveis ao longo das próximas semanas. As reservas e o Live View estarão disponíveis para Android e iOS enquanto que a Linha Cronológica está disponível para Android.