PlanetGeek

Oferta do Microsoft 365 bloqueia Windows 10 se não se pagar

04-02-2023 | 21:00 | Aberto até de Madrugada

Quem instalar um Windows 10 arrisca-se a passar por uma péssima experiência, em que uma oferta do Microsoft 365 impede o utilizador de continuar até aceitar pagar.

O processo de instalação do Windows tem ficado cada vez mais intrusivo ao longo dos anos, ao ponto de obrigar a diversas tácticas para se conseguir escapar à obrigatoriedade de criação de uma conta Microsoft, por exemplo. Mas desta vez o caso vai ainda mais longe.

Durante o processo de instalação os utilizadores verão o acesso a uma oferta gratuita do Microsoft 365 (o antigo Office 365), mas que como na maioria das ofertas "gratuitas", exige que o utilizador introduza um método de pagamento para a fase seguinte. E o pior é que, neste momento, não existe qualquer forma para dizer que não se quer a oferta e se quer passar à frente. As opções dadas são a de "Try for free" e "No, thanks", mas quando se carrega nesta última vai-se na mesma para o ecrã que pede os dados de pagamento para iniciar o período de teste!
Os utilizadores têm a opção de avançar com o processo e logo de seguida cancelar a autorização de pagamento, mas é uma táctica seriamente duvidosa e que pode ser equiparada a extorsão.

Curiosamente, parece que uma das formas de escapar a este "bug" é o mesmo que é recomendado para se poder utilizar uma conta offline: desligar a ligação à internet durante a instalação do Windows.

Nesta altura a Microsoft ainda não se pronunciou sobre este erro, nem quando é que a situação será corrigida.

Como adicionar LCDs circulares ao painel de instrumentos de um automóvel

04-02-2023 | 18:30 | Aberto até de Madrugada

O baixo custo dos componentes electrónicos torna possível modernizar o painel de instrumentos de carros mais antigos, neste caso aplicando LCDs circulares ao painel de um Mazda Miata.

Outrora vistos como peças que pareciam saídas de um filme de ficção científica, os ecrãs circulares popularizaram-se com os smartwatches, ao ponto de agora estarem disponíveis para todos os que os quiserem utilizar. Foi precisamente isso que levou à genese deste projecto de aplicar ecrãs LCD circulares ao painel de instrumentos de um Miata - embora o mesmo se aplique a outros modelos que usem mostradores com dimensão compatível com estes LCDs circulares de 1.28".

O custo do ecrã e do micro-controlador utilizado fica por menos de 15 euros, representando a quase totalidade do custo. A aplicação também é quase de troca directa, tendo apenas cuidado com a questão da alimentação e a calibração dos instrumentos.


Tendo em conta as potencialidades deste tipo de sistema, torna-se também possível integrá-los com um leitor OBD2 e apresentar outros dados sobre o veículo que não seriam visíveis no painel de instrumentos original.

How to Implement a Robust ZIP Code Radius Search PHP Script Using Multiple APIs

04-02-2023 | 17:17 | Manuel Lemos

By Manuel Lemos
Many e-commerce sites that sell physical products need to be able to check if the customer addresses are correct.

Usually, those sites use an external API to check if the zip code of a customer's address is correct for a given city location.

This package provides a solution for e-commerce sites with customers in Brazil using the Laravel framework.

It provides a way to check Brazilian CEP zip codes using at least one of many supported APIs. This way, it provides a redundant solution that may still work if one of the zip code API fails, as it can use another of the supported APIs that works.

Teclado Bluetooth dobrável a €32

04-02-2023 | 16:30 | Aberto até de Madrugada

Porque nem sempre é adequado utilizar o teclado virtual num smartphone ou tablet, um mini-teclado dobrável Bluetooth pode ser a solução.

Há situações em que escrever em teclas físicas é bem mais eficiente do que escrever no ecrã de um smartphone ou tablet, e é precisamente por isso que um mini teclado dobrável é um daqueles acessórios que dá sempre jeito ter por perto. Neste caso, temos um teclado que apesar do seu tamanho compacto, também possui um pequeno touchpad para fazer o trabalho completo de escrita e movimentação do ponteiro do rato.
Este mini teclado dobrável Bluetooth está disponível por 32.99 euros na Amazon Espanha.

O teclado pode ser usado com sistemas Android, iOS, Windows, macOS, e todos os que aceitem um teclado Bluetooth standard. Tem autonomia para mais de 560 horas em funcionamento e pode ser recarregado num par de horas. Quando dobrado ocupa apenas 15 x 9.7 x 1.3 cm, e tem ainda a vantagem de permitir o emparelhamento com dois dispositivos em simultâneo, permitindo alternar rapidamente entre um tablet e um smartphone, se tal for necessário.

Acompanha as melhores promoções do dia no nosso grupo AadM Promos.

Netflix recua nas regras anti-partilha - diz que foi "engano"

04-02-2023 | 14:30 | Aberto até de Madrugada

Bastou um dia para a Netflix recuar nas regras anti-partilha de conta, que exigiam o login na rede WiFi principal todos os meses.

Há muito que se sabe que a Netflix está a preparar uma ofensiva contra a partilha de contas entre familiares e amigos. Uma ofensiva que foi revelada pela actualização das regras, que indicava que todos os dispositivos associados a uma conta tinham que fazer login na conta WiFi principal pelo menos uma vez por mês. E complicando a vida a quem desejar utilizar a sua conta fora de casa, com pedido de acesso temporário, ou arriscando-se a ficar com os equipamentos bloqueados e exigindo contacto com o apoio técnico da Netflix.

A medida foi desde logo criticada por não contemplar vários cenários, entre pessoas cujo trabalho obriga a deslocações constantes, pessoas com múltiplas casas, pessoas que vivem em auto-caravanas, etc. E, não demorou para a Netflix recuar, dizendo que as regras tinham sido publicadas por erro e que não se aplicam aos EUA. O "erro", afinal, vai apenas aplicar-se aos países que têm servido como beta testers do combate à partilha de passwords: Chile, Costa Rica, e Peru.

Um dia depois da regra da netflix ter sido recebida como um absurdo pelo público, a empresa diz q foi um "erro". Entretanto, ainda vão aplicar o "erro" em 3 países da América do Sul! Esse povo tem MÉTODO e @doctorow já conta quais são! https://t.co/NdzBUlQEjB

— libido de targaryen (@Guipadre) February 4, 2023

A Netflix diz que nunca aplicaria tais regras sem informar os clientes atempadamente... coisa que certamente irá intrigar os utilizadores nos países em causa, que não receberam qualquer pré-aviso sobre a entrada em vigor deste novo sistema.

Como criar um mostrador de areia digital

04-02-2023 | 13:49 | A Minha Alegre Casinha

Este projecto mostra como se pode criar um brinquedo com "areia digital" que reage realisticamente aos movimentos.

O projecto que propomos hoje mostra como se pode criar areia digital animada, combinando alguns elementos electrónicos com uma caixa impressa em 3D. O projecto não é tão complexo quanto possa parecer à primeira vista, sendo bastante acessível até para quem se está a iniciar neste mundo. Já o resultado, será bastante hipnotizante, para miúdos e graúdos, permitindo brincar com o posicionamento do brinquedo para ver o efeito que tem nas partículas luminosas digitais que reagem como se fossem "areia".

EUA recomendam abertura da App Store da Apple

04-02-2023 | 12:00 | Aberto até de Madrugada

Depois de várias tentativas modestas em vários estados, surge um relatório federal que recomenda uma abertura da App Store e mais fácil acesso à plataforma iOS da Apple.

Replicando aquilo que também está a ser preparado na Europa, também nos EUA começa a ser cada vez mais difícil para a Apple agarrar-se à justificação de que a App Store é "imprescindível" para assegurar a segurança dos utilizadores.

Um relatório da NTIA (National Telecommunications and Information Administration) deixa como principais recomendações:
  • Possibilidade de instalar app stores alternativas e instalar apps directamente sem passar por uma app store.
  • Restrições que impeçam developers de usar formas de pagamento alternativas devem ser proibidas.
  • Web Apps devem ter acesso a todas as funcionalidades e não ser limitadas pelo browser.
  • Apps pré-instaladas, opções pré-seleccionadas a favor do fabricante, devem ser reduzidas ao mínimo.
  • Utilizadores devem poder escolher que apps querem usar como default (browser, mail, etc) e remover ou esconder as apps pré-instaladas.
  • Processo de aprovação das apps na App deve ser mais transparente e informativo

Mais do que meras recomendações que poderão ser sumariamente ignoradas, o relatório também refere que será necessário aprovar nova legislação que lhes dê valor efectivo e as permita aplicar na prática.

Parece que será apenas uma questão de tempo até que as muralhas do iOS da Apple sejam derrubadas - algo que acabará por ser mais simbólico do que outra coisa, já que, ao estilo do que acontece no Android, não é por se poder instalar apps de forma alternativa que a maioria dos utilizadores tenha abandonado a Play Store oficial.

Cábula - 1 - Word (versão portuguesa)

04-02-2023 | 11:05 | Carlos Afonso

 

Andei tanto tempo sem usar que tenho dificuldade em lembrar-me...

Como Fazer…

Com o rato

Com o teclado

Abrir um ficheiro

FicheiroAbrir

Ctrl+O

Criar um ficheiro

FicheiroNovo

Ctrl+N

Imprimir documento activo

FicheiroImprimir

Ctrl+P

Guardar o seu trabalho (pela primeira vez ou vezes subsequentes com as mesmas especificações)

FicheiroGuardar

Ctrl+G

Guardar o seu trabalho sob um nome, localização ou tipo diferentes

FicheiroGuardar como

F12

Copiar selecção para a área de transferência

BaseCopiar

Ctrl+C

Cortar selecção para a área de transferência

BaseCortar

Ctrl+X

Colar conteúdo da área de transferência para documento

BaseColar

Ctrl+V

Abrir caixa de diálogo Colar Especial

BaseColar Colar Especial

Ctrl+Alt+V

Mostrar menu de atalhos para o item seleccionado

Clique-direito no item

Shift+F10

Alinhar parágrafo à esquerda

BaseAlinhar à esquerda

Ctrl+E

Centrar um parágrafo

BaseAlinhar ao centro

Ctrl+Y

Alinhar parágrafo à direita

Base Alinhar à direita

Ctrl+H

Tornar o texto negrito

BaseNegrito

Ctrl+N

Tornar o texto itálico

BaseItálico

Ctrl+I

Tornar o texto sublinhado

BaseSublinhado

Ctrl+U

Aumentar o texto

BaseAumentar tamanho do tipo de letra

Ctrl+>

Não esquecer o Shift para obter o sinal de maior que caso não tenha remapiado o teclado

Diminuir o texto

Base→Diminuir tamanho do tipo de letra

Ctrl+<

Anular acção anterior

BaseAnular

Ctrl+Z

Repor anulação anterior

BaseRepetir

Ctrl+R

Inserir ligação

Inserir→Ligação

Ctrl+K

Obter ajuda

Escreva o que pretende na caixa Procurar

F1

ou

Alt-H

Fechar o arquivo activo

FicheiroFechar

Ctrl+F4

Fechar o Word

Botão Fechar na janela da aplicação

Alt+F4

Verificação ortográfica

ReverOrtografia e Gramática

F7

Para quem preferir um pdf um pouco mais ilustrado: cabula.pdf

Gravitilab usa drone para criar microgravidade

04-02-2023 | 11:00 | Aberto até de Madrugada

A Gravitilab efectuou o primeiro teste de microgravidade com sucesso, largando uma carga de um drone a 600 metros de altura.

É difícil, no nosso planeta, escapar à força da gravidade. Para experiências que necessitem de condições de gravidade zero, as opções são bastante reduzidas e, normalmente, também bastante dispendiosas. Poucos têm possibilidade de arranjar lugar para uma viagem até à ISS, e as alternativas são usar os voos parabólicos em aviões especiais, ou as torres de simulação de microgravidade, que largam a carga de uma altura elevada. Mas, a lista de espera para usar essas torres é de vários anos e apenas disponibilizam dois segundos de tempo em microgravidade, motivo que leva a Gravitilab a achar que tem uma solução muito mais atractiva.

A Gravitilab é uma empresa britânica que utiliza um drone modificado para atingir altitudes elevadas, proporcionando entre 5 a 20 segundos de tempo de microgravidade em queda. Além disso, é algo que pode ser feito de forma bastante rápida, em praticamente qualquer lugar, e com custo bastante mais reduzido que as alternativas existentes.


Imagino que também funcionará como bónus, para quem lá trabalha, poder dizer: "o meu trabalho é deixar cair coisas de altitudes elevadas". :)

Júpiter supera Saturno no número de luas

04-02-2023 | 10:00 | Aberto até de Madrugada

Foram descobertas 12 novas luas em Júpiter, que permitem ao gigante do sistema solar tirar o lugar a Saturno nos planetas com mais luas.

Com estas novas luas Júpiter passa a ter um total de 92 luas descobertas até ao momento, superando as 83 luas conhecidas de Saturno, e tornando-se no planeta do sistema solar com mais luas.

Estas luas estavam a ser seguidas há alguns anos, mas foi necessário aguardar que fizessem uma órbita completa para assegurar que estavam de facto numa órbita estável em redor do planeta. Um trabalho que demora o seu tempo, considerando que todas estas novas luas têm órbitas superiores a 340 dias terrestres, e nove delas demoram mais de 550 dias a dar uma volta ao planeta. São também luas de tamanho reduzido; das nove em órbitas mais distantes, apenas cinco terão um diâmetro superior a 8 km.

Ainda assim, passam a ser alvos potenciais para observação em futuras missões que passem por Júpiter, incluindo a missão JUICE da ESA que será lançada já em Abril e a Europa Clipper da NASA que tem lançamento marcado para Outubro de 2024.

Anker admite falta de encriptação nas câmaras Eufy

03-02-2023 | 21:00 | Aberto até de Madrugada

Não é como se fosse necessário constatar o óbvio, mas a Anker finalmente admitiu que as suas câmaras Eufy não usavam encriptação.

Apesar de assegurar que as câmaras utilizavam encriptação end-to-end que só permitia a visualização por cada utilizador, a Anker lidou muito mal com um relato que demonstrava o contrário. Também não terá ajudado que, em vez de admitir o erro e corrigir o problema, a opção da Anker tenha sido simplesmente eliminar as promessas de privacidade das câmaras.

Mas finalmente, e vendo que este é um assunto que não iria ficar esquecido, a Anker lá veio admitir que de facto os vídeos não tinham encriptação - algo que já tinha plenamente demonstrado, ao se poderem ver vídeos destas câmaras usando um programa como o VLC.

A empresa diz que a situação já está resolvida, mas não assegurando que os vídeos tenham encriptação end-to-end. Em vez disso diz que optou por utilizar o WebRTC nas câmaras, que aplica automaticamente encriptação no streaming de vídeo. Algo que, só por si, já representa uma melhoria face ao que se tinha.

Agora resta a questão de saber se os clientes com câmaras Eufy estarão dispostos a confia numa empresa que fez tantos malabarismos neste caso.

Nothing Forever cria episódios infinitos do Seinfeld via AI

03-02-2023 | 18:30 | Aberto até de Madrugada

Este "Nothing, Forever" poderá ser visto como um antecedente daquilo que teremos no futuro, com conteúdos intermináveis criados via inteligência artificial.

Disponível como um canal no Twitch, este Nothing, Forever cria episódios intermináveis de uma série inspirada em Seinfeld. A diferença é que, em vez de depender de pessoas, tudo aquilo que se está a ver foi criado através de uma AI, com o script a ser gerado via GPT-3, a voz a ser gerada via Azure Cognitive Services, e os gráficos a serem gerados através do Unity.

Embora não seja uma série que vá ameaçar outras séries feitas da forma tradicional (pelo menos por agora), será inegável que este tipo de tecnologias será extremamente apelativa para os grandes estúdios e até os serviços de streaming, pela perspectiva de poderem ter conteúdos infinitos gerados praticamente sem qualquer custo, e que abrem a possibilidade de se terem programas feitos dinamicamente em função daquilo que for pedido pelos clientes. Não será difícil antever que daqui por uns anos, poderemos ir à Netflix e pedir para ver um filme feito por medida, com base numa descrição dada por nós.


O verdadeiro problema surgirá quando se chegar a um ponto em que os conteúdos gerados desta forma começarem a ser competitivos em termos de qualidade com os conteúdos tradicionais, ao ponto de serem merecedores de ganhar prémios e afins. :)

Notícias do dia

03-02-2023 | 17:30 | Aberto até de Madrugada

Twitter Blue chega a Portugal por €8 mensais; Anatel lança Qual Empresa Me Ligou para identificar chamadas abusivas de empresas; Instagram e Facebook preparam verificação paga; análise à coluna Sony SRS-XG300; Meta fez scraping de sites durante anos enquanto processava outras empresas que o faziam.

Antes de passarmos às notícias, não deixes de participar no nosso habitual passatempo semanal, que desta vez te pode valer um bloco de tomadas com USB.

Apple remove Damus da App Store na China

Relembrando a necessidade de haver formas alternativas de fazer chegar apps aos iPhones e iPads, a Apple removeu a app Damus da App Store na China.

A Damus é uma app de rede social descentralizada, que dá uso ao protocolo Nostr, e que tem vindo a ganhar tracção após o descontentamento com o Twitter. Enquanto uns têm fugido para o Mastodon, esse serviço também continua a estar sujeito a inúmeras restrições, já que cada servidor está a cargo de uma pessoa ou entidade que, tal como Elon Musk, pode implementar alterações ou restrições a qualquer momento. Já no caso do Nostr, a sua concepção descentralizada dificulta imensamente a censura ou controlo por qualquer pessoa individual - motivo pelo qual a China exigiu a sua remoção (com a justificação de que aloja conteúdo ilegal no país).


Apple supera 2 mil milhões de equipamentos activos

A Apple anunciou ter superado os 2 mil milhões de equipamentos activos. Isto aconteceu a um ritmo crescente, depois de ter atingido os mil milhões em 2016 e os 1.5 mil milhões em 2020.

Comparativamente, a Google contabilizava 3 mil milhões de dispositivos Android activos em 2021, mas referindo-se apenas a dispostivos que acedem à Google Play Store. Se se considerar o número de dispositivos Android na China, que não incluem os serviços Google, o número total será seguramente bastante superior.

De qualquer forma, são valores que deitam por terra qualquer tentativa da Apple dizer que ainda é "pequenina" no mercado, e que poderão ajudar nos processos que exigem que Apple e Google dêem maior abertura no acesso às suas plataformas.


macOS 13.2 deixa de reconhecer drives CD/DVD da Pioneer

Parece que a Apple quer imitar a Microsoft, no sentido em que cada actualização do sistema vem acompanhada de "funcionalidades indesejadas". Quem instalar o macOS 13.2 vai descobrir que o seu Mac deixa de reconhecer drives CD e DVD da Pioneer.

Mesmo tendo em conta que muitos utilizadores já nem se recordarão da última vez que usaram um CD ou DVD, é inegável que isto será extremamente angustiante para os que ainda o fazem. Resta esperar que a Apple seja rápida a reagir e lance uma actualização que volte a possibilitar o seu uso.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: O MiniDisc foi lançado pela Sony em 1992 com o objectivo de se tornar o sucessor digital das populares cassetes áudio, competindo com as cassetes digitais da Philips. Mas o seu custo elevado, acompanhado pela chegada dos CDs graváveis em 1996, tornou-o numa curiosidade tecnológica que nunca chegou a ter oportunidade de mostrar o que valia.

Windows 10 a 11€ com actualização para Windows 11 gratuita

03-02-2023 | 16:30 | Aberto até de Madrugada

Temos nova promoção na cdkeysales.com com diversas versões do Windows e Office a preço reduzido, perfeita para quem prepara a actualização para o Windows 11 ou um Windows a baixo preço.

Desde o lançamento do Windows 11 pela Microsoft, são muitos os utilizadores que querem fazer a transição para este novo Windows. É uma actualização gratuita para quem tiver um Windows 10 activado, mas também é possível fazer uma instalação de raiz usando uma das novas licenças do Windows 11.

Código de desconto 35%: AB35

Windows

Lifetime MS Windows 10 Pro OEM KEY GLOBAL €13,69 (35% off code AB35)
Lifetime MS Windows 11 Pro OEM KEY GLOBAL €18,34 (35% off code AB35)
Lifetime MS Windows 10 Home OEM KEY GLOBAL €11,26 (35% off code AB35)
Lifetime MS Windows 11 Home OEM KEY GLOBAL €17,62 (35% off code AB35)

Office

Lifetime MS Office 2021 Professional Plus Key GLOBAL €43,63 (35% off code AB35)
Lifetime MS Office 2019 Professional Plus Key GLOBAL €37,88 (35% off code AB35)
Lifetime MS Office 2016 Professional Plus Key GLOBAL €22,85 (35% off code AB35)
Lifetime MS Office Home And Student 2019 Key GLOBAL €29,45 (35% off code AB35)

Combos Windows+Office

Lifetime Windows 10 Pro + Office 2016 Pro Plus CD Keys Pack €34,36 (35% off code AB35)
Lifetime Windows 10 Pro + Office 2019 Pro Plus CD Keys Pack €48,02 (35% off code AB35)

O processo de compra é bastante simples, bastando ir adicionando os produtos pretendidos ao carrinho de compras, e inserir o código de desconto no campo respectivo antes de prosseguir para o checkout.
Como activar o código de desconto AB35
Depois de adicionado ao carrinho (botão Comprar Agora), antes de confirmar a encomenda, deverá inserir o código AB35 na caixa "Código de promoção" e clicar em "Aplicar".

É possível fazer o pagamento via PayPal - o que é sempre recomendado como medida de protecção adicional em todas as compras online - e temos à disposição o serviço de suporte via live chat no site ou através do email [email protected]  .


Como activar a licença do Windows 10 / 11
Para activar a licença do Windows 10 ou Windows 11, basta aceder às configurações do Windows e, na secção "Ativação" clicar no botão "Alterar chave do produto". Surgirá uma janela onde se pode inserir o código de activação do Windows que acabou de adquirir.
Ao concluir, será apresentada uma mensagem informando que a licença está activa e validada.
É possível fazer o pagamento via PayPal - o que é sempre recomendado como medida de protecção adicional.

Não se esqueçam que no caso dos Windows e Office, o download continuará a ser feito do site da Microsoft, com a compra a disponibilizar apenas as chaves para activar os produtos:

[Artigo patrocinado por Mediamz]


Shall You Upgrade to the PHP 8.2.2 Version that Was Just Released

03-02-2023 | 15:39 | Manuel Lemos

By Manuel Lemos
PHP 8.2.2 was just released. It is primarily a bug-fixing version.

The fixes of this release can be important to you if you use the PHP extensions that were fixed.

Read this short article to learn about PHP extensions that were fixed, so you can determine if it is worth upgrading to this minor version.

The article also contains a small script for you to use with the current PHP version that you use to test your PHP version.

Twitter Blue chega a Portugal

03-02-2023 | 15:30 | Aberto até de Madrugada

O serviço de subscrição Twitter Blue já está disponível em Portugal, por €8 mensais ou €84 por ano (equivalente a €7/mês).

Apesar de ter sido bastante criticado, por ter passado um serviço de verificação que anteriormente assegurava a identidade do utilizador no Twitter para um que se limita a aplicar o "visto azul" a todos os que paguem esta mensalidade, o serviço Twitter Blue continua a ser expandido a mais países, e chega agora a Portugal, a par de Espanha, França, Itália, Alemanha, e Arábia Saudita.

O Twitter Blue dá acesso a uma série de funcionalidades não disponíveis para os utilizadores gratuitos, como a possibilidade de publicar vídeos de maior duração, ver menos publicidade, e ter prioridade nas pesquisas e respostas.
No entanto, uma das maiores novidades, que poderá ter efeito mais eficaz, é a indicação de Elon Musk que os criadores com Twitter Blue irão receber uma comissão da publicidade que for apresentada nas threads dos seus tweets.

To be eligible, the account must be a subscriber to Twitter Blue Verified

— Elon Musk (@elonmusk) February 3, 2023

Claro que falta conhecer detalhes concretos sobre isto, mas não é difícil antever que para alguns utilizadores isto seja uma forma de pagarem a sua subscrição e ainda tirarem algum lucro do Twitter - e é algo que também poderá ser usado para promover a entrada do Twitter nos serviços de pagamentos, que está a ser preparado há algum tempo.

Para isso, teremos que aguardar algum tempo. Mas para quem quiser um visto azul no Twitter, poderá obtê-lo desde já, desde que esteja disposto a pagar €7 ou €8 por mês.

Instagram e Facebook preparam verificação paga

03-02-2023 | 14:00 | Aberto até de Madrugada

A Meta parece querer seguir o caminho que Elon Musk implementou no Twitter, com sistema pago de verificação de contas.

As empresas podem criticar e censurar a forma como Musk tem liderado o Twitter, mas quando se trata de formas de fazer dinheiro, rapidamente adoptam outra postura. Depois do Twitter passar o sistema de verificação de contas para um sistema pago, também a Meta se prepara para fazer o mesmo no Facebook e no Instagram.

Alessandro Paluzzi, um developer que se tem dedicado a espreitar o que se esconde dentro das apps do Facebook e Instagram descobriu referências a "IG_NME_PAID_BLUE_BADGE_IDV" e "FB_NME_PAID_BLUE_BADGE_IDV" que não deixam grandes margens para dúvidas quanto às intenções da Meta.
Não é difícil imaginar o quanto será a perspectiva de transformar utilizadores gratuitos em subscritores pagos, e onde tendo em conta o vasto número de utilizadores, até uma pequena percentagem de subscritores resultaria em valores significativos.

Parece que chegamos ao ponto em que as empresas já não se contentam com o valor extraído dos utilizadores gratuitos, e agora querem fazer com que ainda paguem por isso.

Anatel lança Qual Empresa Me Ligou para identificar chamadas abusivas

03-02-2023 | 12:00 | Aberto até de Madrugada

No Brasil, a Anatel criou o serviço "Qual Empresa Me Ligou", que visa facilitar a identificação de empresas que façam chamadas abusivas.

Numa medida que bem que poderia ser replicada pela nossa Anacom, este Qual Empresa Me Ligou é um site onde os cidadãos podem facilmente e rapidamente determinar a que empresa pertence um número de telefone.

Ao contrário de outros serviços de identificação de números, aqui trata-se de um serviço oficial, proporcionado pela entidade reguladora de telecomunicações. Só não esperem conseguir usá-lo para identificar números privados, já que o mesmo se destina apenas à identificação dos números de telefones de empresas.
Também já foi disponibilizado uma tabela com a lista dos maiores infractores, com maior volume de chamadas de curta duração (menos de 3 segundos).

Nesta fase inicial o serviço conta com o apoio das operadoras: Oi, Tim, Vivo, Algar e Claro; que se deverá expandir a outras no futuro.


Embora por cá o panorama das chamadas indesejadas não esteja ao nível da praga que é noutros países, infelizmente vamos caminhando nesse sentido, e são já muitas as pessoas que não conseguem passar um dia sem ter que cancelar ou bloquear mais uma chamada indesejada.

Xiaomi lança nova pulseira inteligente

03-02-2023 | 11:32 | Apps do Android


A aposta recai na Redmi Band 2, que chega ao mercado por ~30€, através de uma promoção disponível até 14 de Fevereiro. 

O ano arranca com mais uma novidade da Xiaomi: a nova Redmi Band 2 (PVPR: 34,99€). Trata-se da primeira nova geração de bandsde 2023, destinada para os que pretendem ficar em forma em grande estilo e que podem contar com uma promoção de lançamento de 3 a 14 de fevereiro com o PVPR a fixar-se nos 29,99€.

 

Com lançamento agendado para 3 de fevereiro, a Redmi Band 2 está disponível em duas cores (branco e preto), conta com um vibrante ecrã TFT de 1,47" tornando mais fácil de ver toda a informação através do novo designUI/UX.

 

Graças ao seu corpo leve de 9,99 mm ultra-slim e com um peso de apenas 26,4g, mal irá sentir a nova Redmi Band 2 no pulso, mas esta estará sempre pronta para ser utilizada contando com resistência à água até 50m, duração ultralonga da bateria e duração da bateria até 14 dias para uma utilização diária normal.

 

A primeira nova geração de bands de 2023 chega com 30 modos de treino, incluindo 10 modos de treino profissional, adequados para quem quer começar ou retomar a prática desportiva. De forma a conseguir obter toda a informação, o utilizador da Redmi Band 2 terá ainda acesso à monitorização do ritmo cardíaco durante todo o dia, rastreamento avançado do sono e medição de nível SpO2.

 

 

Especificações Redmi Band 2

 

Peso

26,4g incluindo a bracelete

Tipo de visor

TFT

Tamanho do ecrã

1,47’’

Resolução

172 x 320 247 PPI

Profundidade de cor

16 bit

Brilho do ecrã

Até 500 nit

RAM

192KB

ROM

8MB Nor Flash

Nível de resistência à água

5 ATM

Material da barcelete

TPU

 

Conectividade wireless

BT5.1 BLE

Sensores

Acelerómetro de 3 eixos, sensor PPG

Bateria

LiPo, 210 mAh

Tempo em standby

14 dias para utilização normal

Tempo de carregamento

2 horas

Requisitos do sistema

Por favor aceda à a página do produto em www.mi.com para mais detalhes

Aplicação Suportada

Mi Fitness

Conteúdo da embalagem

Redmi Smart Band 2 x1

Bracelete x1

Guia do utilizador x1

Cabo de carregamento x1

 

 

Análise à coluna Sony SRS-XG300

03-02-2023 | 11:00 | Aberto até de Madrugada


Esta coluna portátil SRS-XG300 da Sony é uma excelente opção para animar uma festa do nascer ao pôr do sol, quer em casa, quer no exterior, com a sua potência e autonomia, a garantir uma utilização sem preocupações.

Unboxing


A coluna, envolta numa bolsa, vem bem protegida, por uma estrutura de cartão.


Por baixo da coluna, a documentação de referência e o cabo para carregamento. 

Especificações técnicas

  • Unidade Tweeter: aprox. φ20 mm, Unidade Woofer: aprox. 61 mm x 68 mm
  • Autonomia: até 25h
  • Bluetooth: Versão 5.2
  • Codecs Suportados: SBC, AAC, LDAC 
  • Alcance máximo de comunicação: aproximadamente 30m
  • Dimensões (L x A x P): 318mm x 138mm x 136mm
  • Peso: ~3 kg

A SRS-XG300 

O corpo, em formato tubular, apresenta-se revestido por um tecido que faz lembrar a ganga, que transmite uma sensação de resistência.


Na frente, à esquerda, uma zona em borracha, com três botões e respectivos leds: on/off, bluetooth e controlo do modo mega bass.


Do lado direito, outros três botões, no mesmo tipo de material: tocar/pausa/atender chamadas e controlo do volume.


Na zona superior, uma pega de borracha semi-rígida, com sistema de auto-retração. 


Na zona inferior, dois pés, com base em borracha, para estabilização da coluna.


Nas laterais, dois radiadores passivos.


Na lateral traseira, uma tampa protege o acesso às ligações.


A coluna portátil SRS-XG300 conta com uma porta USB-A para carregar outros equipamentos (serve de powerbank !), uma entrada de som para jack de 3.5mm, uma porta USB-C para carregamento do equipamento e dois botões, carga da bateria e controlo da luz que circunda os radiadores laterais.

A entrada de som, serve apenas para reprodução, não sendo opção para ligar um instrumento ou microfone, para sobrepor à música. De referir que esta funcionalidade está disponível em outros modelos, mais caros.

Em utilização


A certificação IP67 é uma garantia de descanso para uma utilização próximo de uma piscina, garantindo protecção contra poeira e resistência a um mergulho na água de até 1 metro de profundidade, até 30 minutos.

A pega é altamente útil para movimentar a coluna. Basta pegar pela zona da reentrância e puxar um pouco, para que a pega se estenda, permitindo agarrar confortavelmente e com segurança no equipamento. Quando largarem a pega, a mesma irá retrair-se, para se alojar na cavidade respectiva.


O emparelhamento fica facilitado com o Google Fast Pair Service. Se o equipamento a emparelhar não suportar esta funcionalidade, basta tocar no botão do Bluetooth (o led começa a piscar 2x de forma intermitente) e de seguida, efectuar a configuração manualmente.

O modo Mega Bass permite acentuar os graves de forma significativa. Nada como experimentarem, para avaliar a funcionalidade. Pela parte que me toca, é perfeitamente dispensável, não acrescentando nada em termos de experiência de utilização.

Em termos de som, a potência é suficiente para acordar a rua toda e a qualidade do mesmo não vai desapontar, com a referida prestação dos graves, a ser devidamente acompanhada pelos agudos.


O modo "iluminação ambiente", disponibiliza um efeito ideal para festas com a iluminação que circunda os radiadores, a funcionar de forma sincronizada com a música. O padrão de iluminação pode ser definido através da aplicação Music Center, estando disponíveis vária opções para o efeito.

O carregamento a 3A, demora cerca de 5h a completar. A autonomia, é para "esquecer", podendo a coluna ser utilizada o dia inteiro, sem preocupações. É carregar e desfrutar.


Apreciação Final

A SRS-XG300 da Sony vai por certo estar à altura de quem procura uma coluna para utilização em casa ou no exterior, durante longas horas, sem qualquer preocupação com autonomia, podendo inclusivamente servir para carregar o smartphone de quem tenha abusado dos streams ou jogos.

A potência será suficiente para manter os convidados bem acordados, até final do dia, pelo que em termos de música, a festa estará garantida.

Com um preço na casa dos 200€, não é um produto propriamente barato, mas tendo em conta a sua prestação em termos de som e autonomia, é claramente merecedora de um "ESCALDANTE".

Sony SRS-XG300

Escaldante

Prós
  • Potência de som
  • Autonomia

Contras
  • Modo Mega bass não acrescenta valor ao produto


Coluna Sony SRS-XG300

Escaldante (5/5)

|