Planet Geek

18 de Julho, 2019

Redes sociais mais perturbadoras para os jovens que os jogos

17-07-2019 | 20:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Muitas vezes se critica os jovens por passarem demasiado tempo agarrado aos jogos, mas um estudo revela que o tempo passado nas redes sociais poderá ser bem mais problemático para os jovens.

Um estudo realizado ao longo de quatro anos e que acompanhou mais de 3800 jovens no Canadá, analisou o tempo que passaram nas redes sociais, em jogos, e a ver TV. Os resultados indicaram que o número de jovens com sintomas de depressão era maior entre aqueles que passavam mais tempo nas redes sociais e a ver TV - um factor atribuído ao descontentamento de comparar a sua vida com a vida ilusória que outros partilham.

Curiosamente, os que passavam mais tempo em jogos pareciam estar imunes a este fenómeno, e não sendo um caso de "isolamento social", já que 70% optava por jogos multiplayer, tanto online como na vida real. Um resultado inesperado mas que valida a ideia de que os jogos contribuem para a boa disposição e não para a frustração dos jogadores.

Os investigadores dizem que não se devem atirar completamente as culpas para as redes, mas que os resultados aconselham que haja um acompanhamento e monitorização mais cuidada entre os jovens que usam redes sociais - algo que é praticamente inevitável, já que em média os jovens passam entre 6 e 7 horas por dia em frente a um ecrã.

topo

Xiaomi apresenta Mi A3 com Android One

17-07-2019 | 17:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Xiaomi já revelou o Mi A3, que vem dar continuidade à linha de smartphone com Android One da marca, iniciada com o A1 - mas com um grande ponto negativo, a resolução do ecrã.

Este novo Mi A3 vem com muitas coisas melhoradas, mas outras que surpreendentemente deixam a desejar. Por exemplo, o ecrã de 6.088" é agora um AMOLED, mas a sua resolução é de apenas 1560x720 (HD+) o que já não será muito comum no segmento de gama média onde se insere. No CPU temos um Snapdragon 665 com GPU Adreno 610, acompanhado por 4GB de RAM e 64GB ou 128GB de capacidade + microSD. Temos ainda um conjunto de câmara tripla de 48MP f/1.79 + 8MP f/2.2 ultrawide + 2MP para sensor de profundidade; enquanto na frente ficamos bem servidos com uma câmara de 32MP f/2.0 para as selfies e videochamadas.


A bateria subiu dos 3000mAh para os 4030mAh, carregada via USB-C (QC 3.0 18W), e temos também o regresso da ficha de 3.5mm para os headphones que tinha desaparecido no Mi A2. Com o sensor de impressões digitais integrado no ecrã, a única ausência a lamentar é o NFC. Resta agora saber se a baixa resolução do ecrã será sinal de que a Xiaomi prepara um modelo Mi A3 "Pro" com ecrã melhorado, ou se se vai limitar a deixar ficar assim; ou ainda se irá lançar um Mi A3 lite mais modesto. Tivesse este Mi A3 um ecrã Full HD+ e a proposta seria muito mais tentadora...

O Mi A3 de 64GB terá um preço de 249 euros e estará disponível em lojas como a MediaMarkt e Worten, com a versão de 128GB a custar 279 euros.

topo

Resultados da Huawei sofrem forte queda nos principais mercados europeus

17-07-2019 | 16:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Não se pode dizer que esta seja uma notícia inesperada, bem pelo contrário. A ofensiva do governo americano não poderia ter outro resultado que não este, com a prestação da Huawei em solo europeu a sofrer um forte revês, isto depois de ter conseguido ultrapassar a Apple no segundo lugar do mercado mobile.


Segundo os dados agora apresentados pela Kantar, uma empresa dedicada à análise e investigação dos mercados, o mercado mobile europeu cresceu +0,6% , com os resultados em solo francês a contribuírem decisivamente para os 80,1% de quota do Android.

Apesar deste crescimento, a Huawei não conseguiu evitar uma forte queda nos seus resultados, com a marca chinesa a enfrentar um período bastante negro. No segundo trimestre de 2019, a Huawei sofreu uma série de reveses, fruto da sua inclusão na "Entry List" do governo americano, ficando desta forma impossibilitada de adquirir software e hardware às empresas americanas. Este bloqueio dos EUA, não tardou em ter impacto em outras zonas do globo, como foi o caso ARM, com resultados ainda por esclarecer.



Pese embora tenha conseguido um crescimento face ao período homólogo do ano anterior, a quota de mercado da Huawei baixou quase 2% no conjunto dos 5 principais mercados europeus (Reino Unido, Espanha, França, Itália e Alemanha).

Samsung e Xiaomi, são as marcas que mais lucraram com esta situação, com a Apple a registar um crescimento inferior, algo que também aconteceu nos EUA, fruto da chegada de um novo iPhone, até final do presente ano.

São dados de alguma forma preocupantes para a Huawei, que continua envolta num mar de dúvidas, mesmo depois de o Presidente Trump ter anunciado a intenção de agilizar as restrições impostas à marca chinesa. Caso esta situação não ganhe contornos mais esclarecedores, é bem provável que o cenário não se altere, com os resultados a continuarem a cair vertiginosamente.

topo

Mala de viagem Xiaomi a €185

17-07-2019 | 16:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


As viagens nem sempre são muito amigas dos gadgets electrónicos, pelo que importa que os mesmo viagem com a protecção adequada, como a de uma mala como esta Xiaomi 90FUN.

Não é difícil encontrar na internet vídeos que mostram o tipo de tratamento que é dado à bagagem durante as viagens, pelo que este é o tipo de coisa em que importa investir o suficiente para garantir não só a sobrevivência do que vai no interior da mala como também da própria mala - para que não se tenha que andar gastar dinheiro numa nova mala de cada vez que se vai viajar.

Esta Xiaomi 90FUN de 20" é uma mala ultra-resistente em liga de alumínio-magnésio, com rodas para facilitar o transporte, e zonas de impacto especialmente reforçadas para superar todas as adversidades.


Neste momento podemos apanhar esta Xiaomi 90FUN por €185.76 com envio gratuito da Alemanha.


A liga de alumínio-magnésio garante que a mala é resiste mas leve (não queremos pagar por peso excessivo devido ao peso da mala) e o tamanho de 20" standard facilita o processo de embarque e evita complicações. A única coisa que fica a faltar é a opção para se poderem comprar mais uns gadgets que fossem despachados já no interior da mala, juntando o útil ao agradável.

A Xiaomi 90 Fun pesa 4.2kg e mede 55 x 38.3 x 20.3 cm.

topo

Notícias do dia

17-07-2019 | 15:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Neuralink de Elon Musk vai começar a ligar cérebros a computadores em 2020; Facebook adiciona identificador às fotos dos utilizadores; Tesla vai aumentar preço do Autopilot completo em Agosto; Sony A7R IV chega com sensor full-frame de 61MP; alertas do 5G e cancro assentam em estudo com falhas; e ainda a polémica desnecessária da app FaceApp que envelhece o rosto e manda fotos para a Rússia - como se isso fosse algo inédito.

Antes de passarmos às notícias do dia, esta semana temos para oferecer uns earphones Xiaomi AirDots no passatempo de gadget da semana; participa e partilha.

Hackers roubaram dados de (todos?) os contribuintes na Bulgária



O serviço de finanças búlgaro revelou que hackers conseguiram entrar no sistema e roubar dados referentes a "milhões" de contribuintes, mas que potencialmente podem afectar todos os contribuintes nas suas bases de dados.

Os hackers terão contactado vários jornalistas a oferecer parte dos dados roubados, dizendo que conseguiram roubar mais de uma centena de bases de dados, incluindo várias com informação confidencial de importância crítica. Não sei que tipo de segurança a Autoridade Tributária aplicará por cá aos seus dados, mas esperemos que estes incidentes lá fora sirvam de alerta para evitar que situações idênticas aconteçam em Portugal.


Google Maps expande apresentação de bike sharing a mais países



Não seria interessante poder ver directamente no Google Maps se as estações de aluguer de bicicletas têm realmente bicicletas disponíveis ou não? É isso que já acontece em Nova Iorque e que a Google agora expande a mais países, incluindo o Brasil (mas infelizmente, Portugal ainda não está na lista).

As seguintes cidades passam a contar com informação detalhada sobre os pontos de aluguer de biciletas partilhadas: Barcelona, Berlim, Bruxelas, Budapeste, Chicago, Dublin, Hamburgo, Helsínquia, Kaohsiung, Londres, Los Angeles, Lyon, Madrid, Cidade do México, Montreal, New Taipei City, Rio de Janeiro, San Francisco Bay Area, São Paulo, Toronto, Viena, Varsóvia, e Zurique. A expansão a mais cidades está prometida para breve.


Google expulsa CooTek da Play Store



A Google fechou as portas da Play Store à CooTek, responsáveis pelo teclado TouchPal e centenas de outras apps, depois da empresa chinesa continuar a implementar práticas de injecção de publicidade abusiva mesmo depois de ter sido avisada para parar de o fazer.

Os sistemas utilizados pela CooTek permitiam que os dispositivos Android apresentassem publicidade mesmo quando não se estivesse a utilizar a app e mesmo quando o smartphone não estivesse a ser utilizado, acelerando o consumo de dados e da bateria de forma significativa.


Nintendo lança nova Switch com maior autonomia



Poucos dias depois de anunciar a Switch Lite, a Nintendo revela também uma nova Switch, com melhor autonomia.

A Nintendo não dá detalhes sobre o que mudou por dentro, mas imaginar-se que esta nova versão, em tudo idêntica à original recorra a um chip Nvidia actualizado - sem as falhas de segurança que facilitaram "crackar" a consola - e que também tem vantagens em termos de eficiência. Esta nova versão anuncia entre 4.5 a 9 horas de utilização, face às 2.5 a 6 horas da actual, o que será uma excelente notícia para quem passar a maior parte do tempo a jogar em modo "portátil".


Novo MacBook Air vem com SSD 35% mais lento



Quem pensasse que um novo MacBook seria automaticamente melhor que o anterior irá ficar desapontado com o mais recente MacBook Air. Embora venha com um novo ecrã True Tone e um preço $100 mais barato, vem também com um SSD substancialmente mais lento que a geração anterior.

Enquanto o modelo anterior conseguia atingir velocidades de 2GB/s em leitura, o novo SSD de 256GB fica-se por 1.3GB/s; enquanto que nas escritas as velocidades permanecem praticamente idênticas mas com uma pequena melhoria para o novo (0.9GB/s vs 1GB/s). São velocidades que continuam a poder considerar-se "rápidas", e certamente que a maioria dos utilizadores preferirá o desconto de $100 aos 700MB/s de diferença nas leituras. Ainda assim, não deixa de ser um mau sinal para futuros MacBooks... se tivermos novos modelos a chegarem com piores prestações que os anteriores.


Curtas do dia


Resumo da madrugada

topo

Quando os nossos dados têm muito pouco de anónimos

17-07-2019 | 15:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os nossos smartphones podem ser extremamente convenientes, mas o seu potencial para abusos de privacidade é extremamente preocupante - e temos mais um relato que nos mostra o tipo de coisas que tem estado a ser feito nas costas dos utilizadores, relativamente à informação da sua localização.


Desde sempre que a tecnologia dos telefones e telemóveis tem a componente que permite saber a localização dos seus utilizadores. No caso dos telemóveis, é algo que os operadores há muito usam para inferir padrões de tráfego e outras coisas, mas que não preocupam demasiado os utilizadores, uma vez que a precisão desse método é razoavelmente vago, podendo posicionar apenas o utilizador numa área com vários quilómetros quadrados. Mas com a chegada dos smartphones, equipados com GPS e repletos de apps dispostas a tudo em troca de lhe darmos acesso à localização, o caso muda de figura.

Existem empresas que se dedicam a obter e comercializar informação sobre a localização das pessoas, com precisão assustadora - não só permitindo saber onde moram, mas até em que sala de um edifício trabalham. Nalguns casos essas bases de dados contam contam com milhares de registos diários para cada utilizador, e que mesmo sendo vendidos de forma anónima, sem referência a que pessoa pertencem, de pouco consolo serve aos visados. Isto porque, como já foi demonstrado no passado, saber todo o percurso de uma pessoa ao longo de dias, ou meses, permite identificá-la sem grandes dificuldades: quantas pessoas moram no local A, trabalham no local B, e fazem o percurso C?


A questão, é que estes dados permitem fazer muito mais. Que tal saber que uma pessoa visitou um determinada clínica especializada em planeamento familiar e por lá permaneceu par de horas? Ou saber que em determinada noite, em vez de ir para casa como seria habitual, a pessoa foi para um motel onde a sua localização coincidiu com a de um(a) colega, ou patrão, ou etc.? Ou então, que tal analisar os padrões de deslocações de pessoas que trabalhem em locais específicos, como centrais nucleares, e saber exactamente quando estão em casa, fora de casa, quando tomam café e onde, quando deixam os filhos na escola, etc?


Se noutros tempos se dizia que não havia motivos para recear que se estivesse a ser espiado por isso não ser praticável para milhões de pessoas, este tipo de dados faz com que esse tarefa se resuma a alguns comandos de pesquisa. Que tal procurarmos por pessoas que estiveram em determinada manifestação e que também tenham por hábito reunir-se regularmente em determinado local onde também estão presentes outros manifestantes ou activistas? Ou então, que tal pessoas que costumam andar de carro no início do mês, mas que passam a andar de transportes públicos no final do mês? Ou até aqueles que mensalmente passam pela segurança social, mas que no resto do mês passam a vida na esplanada de um café? Ou...qualquer uma outra coisa que vos passe pela cabeça!


O grande problema é que este tipo de recolha de dados é feita por todos os lados. Já vimos que a Google muito gosta de saber pode onde andamos, e que nem sequer a desculpa de que este tipo de dados só está acessível a pessoas que se sabem comportar nos serve de muito. Este tipo de dados pode ser recolhido por apps que aparentam ser tão inocentes quando uma app de meteorologia - como acontecia com a app do The Weather Channel, de uma subsidiária da  IBM, que usava estes dados para extrair informações que eram vendidas a empresas de gestão de fundos.


Mesmo sabendo-se que pouco se poderá fazer quanto a isso, no mínimo poderemos exigir que estas empresas sejam obrigadas a ser mais claras e transparente quando ao uso que fazem dos nossos dados. Está mais que visto que não se deverá permitir que seja utilizada a desculpa de que se tratam de dados "anonimizados" para que fiquem livres de todas as directivas do RGPD - já que, mesmo sem um nome associado, a informação sobre a nossa localização continua a ser informação pessoal que deveria estar abrangida pelas mesmas protecções que tudo o resto.




topo

DJI lança estabilizador Ronin SC

17-07-2019 | 14:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A DJI já tem um novo estabilizador giroscópico de 3 eixos - Ronin SC - que se destina a ser utilizado com câmaras mirrorless.

Com apenas 1100g, o Ronin SC pesa cerca de metade do Ronin S, facilitando a sua utilização em todo o tipo de ambientes - mas por isso também podendo suportar câmaras com peso até 2 kg (cerca de metade do Ronin S) durante 11 horas. Conta também com alguns detalhes bem vindos, como sistema de fixação para manter o estabilizador fixo para transporte, evitando o habitual conjunto de braços "soltos" que complicam a vida aos utilizadores.

A DJI também investiu no "inteligência" deste estabilizador, podendo seguir automaticamente um alvo, usando um smartphone encaixado no suporte de flash da câmara com a app da DJI. É também possível controlar remotamente o gimbal através da funcionalidade Force Mobile, a uma distância de até 25 metros via Bluetooth 5.0.


Como seria de esperar, temos também a modos de timelapse, motionlapse, motion controlo (movimentos pré-programados) e panorama.

O Ronin-SC tem um preço base de 359 euros, mas está também disponível na variante Ronin-SC Pro Combo, que adiciona um motor adicional para ajuste do foco em lentes manuais e anel de focagem por 459 euros.

topo

Alertas do 5G e cancro assentam em estudo com falhas

17-07-2019 | 13:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


As redes 5G não têm escapado à polémica de que as frequências mais elevadas poderão aumentar o risco de cancro, mas o estudo utilizado para esse efeito - para além de ser contrariado por muitos outros - parece conter uma falha fatal que o seu investigador se recusa a reconhecer: que temos pele a proteger-nos.

O receio de que os telemóveis e redes WiFi possam provocar cancro é algo que vai ressurgindo de tempos a tempos nas notícias, e é natural. Depois de já termos passado por casos em que diversas indústrias (tabaco, petrolíferas, etc.) manipularam o mercado para esconder os efeitos nocivos dos seus produtos, não se pode censurar quem se interrogue se não estaremos perante um novo incidente, desta vez referente às comunicações wireless. E de facto, há quem alerte que as rede 5G são perigosas... mas que parece ter esquecido um detalhe importante.

Um estudo feito por Bill P. Curry revelou que frequências mais elevadas aumentam o risco de dano no tecido cerebral.


É este estudo que tem estado na base dos alertas que apregoam que o WiFi e os telemóveis são um perigo para a saúde pública, e que aumentam de tom com a chegada do 5G com frequências mais elevadas e exponencialmente mais problemáticas... mas que falha ao se esquecer de um pequeno pormenor: que os nosso tecido cerebral está protegido por pele e osso, e que as frequências mais elevadas têm ainda mais dificuldade em chegar até ele.

O estudo foi feito expondo tecido cerebral directamente às frequências de rádio, sem qualquer protecção, e não é representativo daquilo que acontece em circunstâncias reais. As frequências superiores utilizadas no 5G terão ainda mais dificuldade em penetrar a pele.


Embora Bill P. Curry se recuse a reconhecer que há falhas no seu estudo - dizendo que terão que ser novos investigadores e estudos a demonstrá-lo - do campo oposto dizem que a situação é automaticamente explicada pela realidade, e que mesmo após décadas de exposição aos telemóveis e WiFi, não houve qualquer aumento do número de casos de cancros que pudessem ser atribuídos a essa exposição.

Só o futuro poderá esclarecer se é mesmo assim. Mas considerando o actual panorama no nosso planeta, acho que de momento temos problemas bem mais graves que necessitam de atenção mais urgente, senão não restará ninguém para se preocupar com os potenciais riscos eventuais do 5G e WiFi.

topo

EDP oferece tomada inteligente que poupa electricidade

17-07-2019 | 12:24 | A Minha Alegre Casinha | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A EDP está a oferecer gratuitamente um bloco de tomadas inteligente com o qual poderá poupar dezenas de euros em electricidade por ano, e tudo o que tens que fazer é pedir a tua antes que esgotem na tua área - sendo a oferta válida mesmo para clientes de outros fornecedores de energia.

A EDP está a repetir a campanha de oferta de tomadas com sistema de poupança de energia que já realizou no passado; e quem na altura não foi a tempo de apanhar uma pode agora voltar a tentar a sua sorte. Quem já obteve uma tomada na edição anterior não poderá voltar a inscrever-se.

Esta é uma daquelas extensões com tomadas múltiplas que conta com inteligência acrescida para cortar completamente a energia às tomadas com base no consumo do equipamento instalado na primeira ficha; e a EDP estima que possa resultar numa poupança de 44 euros anuais no caso de um computador tendo como periféricos um monitor, impressora, modem, e colunas.



Ou seja, quando ligam o computador (ou dispositivo ligado na primeira tomada), é activado o fornecimento de energia às restantes tomadas; quando o desligarem, será cortada a energia a todos os restantes dispositivos, evitando ter que ligar e desligar manualmente esses aparelhos, e evitando também os indesejados consumos em standby que facilmente se vão acumulando e acabam por representar dezenas e dezenas de watts (e euros) gastos sem qualquer necessidade.

A oferta destina-se a todos os consumidores domésticos de energia eléctrica, independentemente do seu fornecedor de energia, em Portugal Continental; que não se tenham inscrito na edição anterior.

topo

Neuralink vai começar a ligar cérebros a computadores em 2020

17-07-2019 | 11:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Elon Musk já revelou os planos da sua misteriosa empresa Neuralink, que pretende criar sistemas de interligação do cérebro directamente com computadores, e começar a fazê-lo já em 2020.

A ideia de criar um interface directo com o cérebro, através do qual se pudesse interagir com dispositivos electrónicos não é nova. O problema é que os sistemas existentes são pouco fiáveis (utilizando sensores externos), ou demasiado intrusivos (obrigando a complicadas e arriscadas intervenções cirúrgicas, e com materiais que obrigam a cuidados redobrados na sua utilização no dia a dia). Problemas que a Neuralink acredita ter superado.


Com o seu chip N1, a Neuralink propõe um chip de tamanho diminuto que poderá ser ligado ao cérebro utilizando cabos ultra-finos  de apenas 4 a 6 μm - muito mais finos que um cabelo - e que permitirão criar um canal com largura de banda elevada para comunicação com o cérebro. A ideia é que o processo de o ligar ao cérebro seja feito por um robot, sem necessidade de cirurgias complicadas, usando lasers para fazer microperfuração para a inserção dos cabos. A alimentação seria feita por uma bateria externa, num módulo que ficaria atrás da orelha.

Os testes têm sido feitos em ratos, mas no final Elon Musk revelou que também já foi feito um teste com um macaco, permitindo-lhe controlar um computador apenas com o pensamento. A primeira aplicação num humano poderá ser feita já no próximo ano, sendo uma tecnologia que previsivelmente começará por ser aplicada em pessoas paralisadas ou com dificuldades motoras... mas eventualmente com potencial para ser considerada uma expansão da capacidade cerebral, cativando clientela bem mais vasta.

... Por outro lado, depois será altura dos "implantados" preocuparem-se com a possibilidade de terem vírus electrónicos a tentarem manipular os seus pensamentos? Imaginem um ransomware que baralhe todas as memórias de alguém, e só as recupere se se pagar um resgate? :)




topo

Notable PHP package: PHP Benchmark Tool

17-07-2019 | 10:54 | Manuel Lemos | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

By Manuel Lemos
Many developers want to optimize their applications so they make a more efficient use of server resources.

Often developers are just concerned with the speed of their code but the RAM memory usage level is also important because when a server runs out RAM it starts using memory swap space in the system swap disc and the whole system starts getting too slow.

This package provides means to not only measure the time PHP code takes to execute so you can find any bottleneck and opportunities to make it faster, but also how much memory the code of a PHP script is taking so you can also focus your efforts in reducing the RAM memory usage.

Read this article to learn more details about how this notable PHP package works.

topo

Asus ROG Phone 2 vem com ecrã de 120Hz

17-07-2019 | 10:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Asus quer que o seu próximo ROG Phone 2 tenha tudo o de melhor que há no momento, e a nível do ecrã poderemos contar com um ecrã capaz de funcionar a 120Hz.

Nos últimos dias ficamos a saber que o ROG Phone 2 seria um dos primeiros smartphones a utilizar o recém-apresentado Snapdragon 855 Plus para atingir o melhor desempenho do momento. Agora, ficamos a saber que esse desempenho poderá ser utilizado para nos apresentar alguns jogos com uma fluidez acima do normal, graças ao seu ecrã de 120Hz.


A confirmação vem dar validade às imagens que surgiram na internet e revelavam um ecrá de 120Hz, tendo sido anunciada oficialmente a propósito de uma parceria com a Tencent ~Games, de que o jogo "Under One Person" irá suportar o modo de 120Hz no ROG Phone 2.

Embora os smartphones da Razer já utilizassem ecrãs de 120Hz, a diferença é que este ROG Phone 2 poderá vir equipado com o primeiro ecrã AMOLED a 120Hz - ao contrário dos LCDs da Sharp utilizados pela Razer. A velocidade de resposta dos OLED seria excelente para este tipo de aplicação... pelo que se prevê que este ROG Phone 2 vá ser mesmo um prazer de "ver" em acção.

... E esperemos que, aos poucos, também vá ajudando o mercado a exigir que TVs e cinema também evoluam para os 120Hz. :P

topo

Tesla aumenta preço do Autopilot completo em Agosto

17-07-2019 | 09:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Elon Musk está a alertar os potenciais interessados de que a opção de Condução Autónoma Total do Autopilot, que actualmente custa €6500 irá sofrer um agravamento de cerca de €1000 a 16 de Agosto.

Ainda ontem a propósito do reajuste da gama e preços dos Tesla falávamos da intenção de Elon Musk aumentar o preço do Autopilot com o opcional de "condução autónoma total" (mesmo sendo uma opção sem data marcada para realmente conduzir de forma autónoma nos próximos anos), e aqui está a confirmação.

As mentioned earlier this year, cost of the Tesla FSD option will increase every few months. Those who buy it earlier will see the benefit.
— Elon Musk (@elonmusk) July 16, 2019


Não só isto é uma má notícia para quem pensar comprar um Tesla com Autopilot completo depois de Agosto, como fica a "ameaça" pendente de que este aumento do modo de condução autónoma total irá repetir-se regularmente ao longo dos próximos meses.

Se por um lado se pode aceitar uma coisa deste tipo, mediante as capacidades acrescidas que o Autopilot irá ganhar - e bem vistas as coisas, nem se pode dizer que seja um valor exagerado, quando noutras marcas a simples selecção do sistema de navegação mais avançado e assistente de condução inflaciona o preço em quase 8000 euros!

Num BMW 318d, seleccionar o "BMW Live Cockpit Professional" e "Assistente condução Profissional" inflaciona o preço dos opcionais para 7875 euros - e ainda haveria muitos mais milhares de euros a gastar em extras, como faróis LED (€1000) ou laser (€2000), ou assistente de estacionamento (€570) ou acesso sem chave (€620), entre muitos, muitos mais.

Mas mesmo assim, o aumento regular do preço do Autopilot não consegue esconder que é uma forma dos novos clientes pagarem os upgrades gratuitos do hardware do Autopilot prometido aos clientes mais antigos.

... Por via das dúvidas, se estavam a pensar comprar um Tesla depois das férias, talvez seja melhor anteciparem a encomenda para antes do dia 16 de Agosto, e sempre poupam mil euros que seguramente serão melhor utilizados noutras coisas.

topo

Huawei lança campanha de verão com oferta do Watch GT Sport, na compra dos P30 e P30 Pro

17-07-2019 | 08:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos



Até 18 de Agosto, pode receber a oferta do Huawei Watch GT Sport, na compra do Huawei P30 ou P30 Pro.


As férias de verão chegaram e está na altura de escolher o melhor smartphone que lhe vai permitir registar todos os momentos em fotografia ou vídeo, partilhando nas redes sociais os post ou stories mais incríveis. A partir de hoje, 11 de julho e até 18 de Agosto, quem comprar umHuawei P30 ou P30 Pro recebe de oferta um Huawei Watch GT Sport.
A série Huawei P30 apresenta novas cores inspiradas nas maravilhas da natureza. Os quatro matizes – Amber Sunrise, Breathing Crystal, Black e Aurora – refletem os diferentes momentos do dia, quer seja o sol que surge no horizonte, as salinas intermináveis que se estendem em direção ao céu, o anoitecer e o imponente céu noturno. Esta série utiliza um processo pioneiro para criar camadas extra-finas de cor que se combinam perfeitamente entre si, aumentando a sua durabilidade. Descubra algumas das caraterísticas que fazem dos smartphones Huawei P30 e P30 Pro um ‘must have’ para este verão.

Huawei P30
Inspirado nas cores da natureza relembrando os tons de uma aurora ou do céu ao amanhecer, o Huawei P30 tem um ecrã OLED de 6,1'' P30. O sistema de Câmara Tripla Leica conta com uma Super Sensing Camera de 40 MP, uma objetiva ultra grande angular de 16 MP e uma teleobjetiva de 8 MP.
Este modelo oferece 5x zoom híbrido com ótima resolução e detalhes impressionantes.  Já o zoom digital de até 30x do Huawei P30 aproxima a lua até bem revelando um nível de detalhe e clareza impressionante.
Com o Kirin 980, o primeiro processador móvel de 7nm do mundo, oferece um elevado desempenho e menor consumo com até 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento de memória.

topo

Sony A7R IV chega com 61MP

17-07-2019 | 08:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Sony revelou a mais recente geração da sua câmara A7R IV, que agora chega com um imponente sensor full-frame de 61MP e capacidades impressionantes de tracking em tempo real mesmo em vídeo 4K.

Se no passado câmaras com tal quantidade de pixeis se tornavam num suplício de utilizar em situações de fotografia normal, tal o tempo necessário para captar e processar cada foto, nesta A7R IV a Sony apostou em fazer sentir o que a evolução tecnológica dos últimos anos permitiu fazer. Nesta câmara podemos captar fotos a 10 fps com tracking AF / AE, e até contar com sistema de auto-foco Eye AF (que foca no rosto e olhos) em tempo real, mesmo durante a gravação de vídeo 4K - e que funciona tanto para pessoas como também para animais.


Para os casos em que os 61MP não forem suficientes, podemos tirar partido de um modo multi-shot que utiliza pixel-shifting para captar 16 imagens ligeiramente desfasadas (num total de 963.2MP) que serão combinadas numa imagem final de 240MP - por pouco quase chegávamos ao processamento de imagens Gigapixel numa câmara destas! (Actualização: afinal a combinação é para ser feita posteriormente num PC utilizando o software "Imaging Edge".)

O visor é um OLED Tru-finder UXGA (5.76 milhões de pixeis - a resolução mais elevada de sempre numa câmara da Sony), podendo funcionar a 60 ou 120 fps para melhor resposta em função do alvo a fotografar. Conta ainda com USB-C (USB 3.2 Gen 1) e WiFi, permitindo transferências FTP mesmo enquanto se está a fotografar.

A Sony A7R IV irá ficar disponível em Setembro, com um preço de $3500, que facilmente se pode ampliar ao juntar alguns extras: o punho vertical (com duas baterias) custa $400, microfone ($350), adaptador XLR ($600), etc.

topo

Huami Amazfit GTR chega com autonomia para 24 dias

17-07-2019 | 07:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quem adiou a compra de um smartwatch por causa da autonomia poderá querer rever a sua posição com a chegada dos Amazfit GTR da Huami, já que contam com autonomia de até 24 dias em utilização normal.

Os Amazfit GTR chegam em versões de 42 e 47mm, com ecrãs AMOLED circulares de 1.2" (390x390 px) e 1.39" (454x454 px) com Gorilla Glass 3 e aro cerâmico. Mas desta há uma grande vantagem em optar pelo modelo maior, já que vem com uma generosa bateria de 410mAh em vez da de 195mAh do modelo mais pequeno.

Graças a esta bateria, o Amazfit GTR de 47mm pode funcionar em modo de GPS contínuo durante 40 horas, ou modo de funcionamento normal por 24 dias - sendo que este modo "normal" consiste em ter monitorização de frequência cardíaca, sleep tracking, utilização de GPS durante 15 minutos por dia, activar o ecrã 30 vezes, receber 150 mensagens, e utilização diversa por 5 minutos. Pelo que, se nem derem este tipo de uso, poderão prolongá-lo por ainda mais tempo; e isto sem entrar no modo de funcionalidade reduzida, só como relógio, que pode chegar aos 74 dias. (No caso do relógio mais pequeno, podem assumir metade destes valores.)

O Amazfit GTR 42mm vai ter um preço (na China) de 105 euros, com a versão de 47mm a ficar pelos 130 euros. Há ainda uma versão titânio que custará 170 euros e uma versão limitada "Iron Man" com cores exclusivas com preço ainda por anunciar.

topo

FaceApp envelhece o rosto e manda fotos para a Rússia

16-07-2019 | 20:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A FaceApp tem estado nas notícias, não por permitir fazer manipulação de fotos para envelhecer os utilizadores, mas sim por "enviar as fotos para a Rússia". Algo que na verdade se limita a replicar os termos de utilização de praticamente toda e qualquer app e site da actualidade.

A app FaceApp é uma nossa velha conhecida - já por cá passou quando colocava pessoas a sorrir - que voltou a ter uma ronda de popularidade por permitir envelhecer o rosto dos utilizadores (também os pode fazer parecer mais novos, se assim quiserem). Mas, há quem tenha ficado chocado ao espreitar as condições de utilização da app, e visto que a app pede autorização para receber as fotos dos utilizadores, ou que "monitorize" os acessos feitos aos seus servidores, incluindo os famigerados cookies.

No fundo, está a fazer-se uma tempestade num copo de água, com a app a limitar-se a guardar apenas a mesma informação que qualquer utilizador cede ao visitar um qualquer site web; para além de obviamente também precisar do acesso às fotos que vão ser manipuladas para aplicar os devidos efeitos. Se ficarem chocados com a informação que a FaceApp supostamente recolhe, poderão ficar ainda mais chocados por descobrir que praticamente toda e qualquer outra app ou site faz o mesmo, ou mais ainda - e nem vamos falar do tipo de permissões que serviços como o Facebook e Google pedem, ou o que fazem com os nossos dados.

Aliás... será que alguém já se deu ao trabalho de ler a política de privacidade que está associada à mera utilização do smartphone que estão a utilizar para correr a FaceApp? Pois é... se calhar está alguém preocupado com a chuva que está a entrar por uma janela aberta, numa casa que nem sequer tem telhado.

topo

Da Rússia com fulgor (e algum mau feitio)

16-07-2019 | 17:54 | Gonçalo Sá | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Apesar de ser realizado por Ralph Fiennes e de contar com Liam Neeson entre os produtores executivos, "O CORVO BRANCO" tem tido um percurso relativamente discreto. Mas este olhar sobre o bailarino Rudolf Nureyev é mais interessante do que alguns biopics que levam a corridas às bilheteiras.

 

O Corvo Branco 2.jpg

 

Depois de "Coriolano" (2011) e "The Invisible Woman" (2013), a terceira aventura de Ralph Fiennes atrás das câmaras arrisca um retrato de um dos ícones da dança do século passado. E se o resultado é bastante mais modesto do que a pedrada no charco que foi Rudolf Nureyev, não desmerece ao acompanhar os primeiros anos do bailarino russo até à entrada na idade adulta, partindo do livro "Rudolp Nureyev: The Life", de Julie Kavanagh, aqui adaptado por David Hare ("As Horas", "O Leitor").

 

A primeira visita do protagonista a Paris, nos anos 60, marca o centro de uma narrativa que vai recuando até à infância e adolescência, na sua terra natal. Essa opção, se por um lado contraria o formato linear de muitos biopics, nem sempre é a mais eficaz para ajudar a situar o espectador na cronologia de Nureyev, com os saltos temporais a quebrarem algum impacto dramático na primeira metade do filme. Também não ajuda que as sequências centradas no bailarino ainda criança, numa pequena localidade, estejam entre as mais estereotipadas, com os filtros sombrios da fotografia a reforçarem um isolamento e solidão que Fiennes ilustra com mão pesada.

 

O Corvo Branco 3.jpg

 

Nas outras fases da vida do protagonista, contudo, "O CORVO BRANCO" mostra-se substancialmente mais desenvolto, embora boa parte do mérito seja de Oleg Ivenko. Na sua primeira experiência como actor, o bailarino profissional ucraniano revela-se uma escolha de casting certeira, não só pelas parecenças físicas (surpreendentes) com Nureyev mas sobretudo pela espontaneidade e garra com que se entrega ao papel.

 

Tão insolente como obstinado, e movido por uma capacidade de deslumbramento que o filme sabe explorar ao recordar outros "grandes" das artes em paralelo, o protagonista não facilita a empatia do espectador, embora isso seja mais feitio do que defeito - o lado temperamental da estrela russa ficou bem documentado em várias ocasiões, e é bom ver que o filme não a ignora.

 

Ivenko surge bem acompanhado num elenco coeso, com destaque para o próprio Fiennes, que na pele do contido professor de dança de Nureyev opta por se expressar em russo, um dos detalhes que asseguram a verosimilhança da maioria das cenas (além de uma lição que produções como a série "Chernobyl" poderiam ter em conta, em vez de optarem pelo inglês). Adèle Exarchopoulos também convence enquanto cúmplice do protagonista em Paris, ainda que outras personagens secundárias pudessem ter sido mais exploradas, sobretudo os rapazes com quem Nureyev se vai relacionando (seja platonicamente, como o colega de quarto e um bailarino francês, ou um rapaz alemão com o qual se envolve de forma mais íntima).

 

O Corvo Branco.jpg

 

Embora desequilibrado, "O CORVO BRANCO" ganha outro fôlego na recta final, ao abandonar o recurso a flashbacks sucessivos para se concentrar num único acontecimento: o da tentativa de detenção de Nureyev pelo KGB em Paris, que pretendia levá-lo para Moscovo e impedi-lo de prosseguir para Londres juntamente com a sua companhia de dança.

 

De repente, Fiennes salta do drama iniciático para o thriller de contornos políticos e assina as sequências mais empolgantes do filme, mantendo-se fiel ao mergulho no individualismo e ao grito de liberdade (pessoal e artística) que percorre os momentos anteriores, também assentes nos contrastes da Guerra Fria e na repressão soviética. E consegue fazê-lo com um acumular de tensão que não desemboca no retrato hagiográfico, deixando bem evidentes as nuances da personalidade de Nureyev, que acabariam por ser determinantes para que o seu génio performativo (vincado pela diluição entre o masculino e o feminino) pudesse ter, finalmente, um palco global. 

 

3/5

 

topo

Facebook adiciona identificador às fotos dos utilizadores

16-07-2019 | 17:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quem enviar uma foto para o Facebook ou através do Messenger não terá, à partida, grandes expectativas de privacidade. No entanto poderá não saber que essas fotos passam a conter um identificador único que permitirá seguir o seu percurso pela web.

O caso surgiu recentemente quando alguém detectou a presença de uns códigos "FBMD" adicionais nas fotos que enviara para o Facebook, mas depressa descobrindo-se que o caso já tinha sido detectado há alguns anos e que a prática permanece desde então.

#facebook is embedding tracking data inside photos you download.

I noticed a structural abnormality when looking at a hex dump of an image file from an unknown origin only to discover it contained what I now understand is an IPTC special instruction. Shocking level of tracking.. pic.twitter.com/WC1u7Zh5gN
— Edin Jusupovic (@oasace) July 11, 2019


Quando alguém envia uma foto para o Facebook, ou através do Messenger, o Facebook adiciona um código e um identificador único à foto, com o qual conseguirá fazer todas as associações e tracking que se puder imaginar.


Ou seja, se qualquer outro utilizador publicar uma foto que foi descarregada ou partilhada via Facebook, o FB saberá de onde ela veio e quem a enviou ou partilhou. De forma idêntica, qualquer foto na web que tenha tido origem no Facebook poderá também ser seguida até à origem.

Se uns considerarão esta sistema como sendo um abuso, há também quem relembre que este tipo de "identificação" está presente em muitos mais locais, até no mundo real: como as marcas "secretas" impressas pelas fotocopiadoras e impressoras e que permitem identificar a sua origem.

Para o bem e para o mal, é apenas um reflexo do mundo em que vivemos; sendo que a nossa única opção é continuar a utilizar, ou deixar de utilizar, consoante o que acharmos aceitável ou não.

topo

Relógio Xiaomi TwentySeventeen a €16

16-07-2019 | 16:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quem for fã de relógios, e falo daqueles feitos apenas para dar horas e data, pode querer considerar o Xiaomi TwentySeventeen, ao estilo dos Casio G-Shock desportivos que nos fascinavam no século passado.

O Xiaomi TwentySeventeen pode não contar com sistemas de tracking de actividade nem alertas de notificações via Bluetooth, mas por outro lado também não se têm que preocupar com ter o smartphone por perto ou duvidar do tipo de informação que esteja a recolher. Temos um relógio desportivo puro e simples, com ecrã duplo de ponteiros e digital (iluminado), e resistência à água até 50 metros.


Neste momento podemos apanhar o Xiaomi TwentySeventeen por cerca de 16 euros.

Este relógio está disponível em versões preto e verde e em dois tamanhos:
  • S: 50mm(diâmetro), 250mm(comprimento), 17mm(espessura), 60g (peso)
  • L: 54mm (diâmetro), 255mm (comprimento), 18mm (espessura), 72g (peso)

E felizmente, desta vez estamos a falar de relógios a preço que não causarão grande incómodo se os levarmos para o meio da areia, ou para nadar no mar, ou que levem umas pancadas acidentais ou propositadas. :)

topo

Notícias do dia

16-07-2019 | 15:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Hisense apresenta primeiro televisor ULED XD com duplo LCD; EDP oferece tomada inteligente que poupa electricidade; SpaceX explica origem da explosão da Crew Dragon; Tesla acaba com Model S e X mais baratos; carregador USB 2+3 da Hama leva fichas USB a todos os ocupantes do automóvel; e ainda a complicada situação da condução autónoma na Europa.

Antes de passarmos às notícias do dia, esta semana temos para oferecer uns earphones Xiaomi AirDots no passatempo de gadget da semana; participa e partilha.

Huawei oferece Watch GT Sport na compra de um P30 ou P30 Pro



Até 18 de Agosto, quem comprar um Huawei P30 ou P30 Pro recebe de oferta um Huawei Watch GT Sport. A Huawei quer tornar os seus P30 mais apetecíveis, e para isso reforça a proposta com a oferta de um smartwatch na compra de um dos seus smartphones.

Tanto o P30 como o P30 Pro são modelos perfeitos para quem quiser garantir a máxima qualidade nas fotos e vídeos destas férias; e com um Watch GT Sport no pulso fica também garantido que poderão manter um registo detalhado de toda a actividade, para além de não perderem notificações importantes mesmo quando estão afastados do smartphone.


Serviço de transferência de dinheiro Xoom da PayPal chega a Portugal



A PayPal já fez chegar à Europa o seu serviço de transferência de dinheiro Xoom. Este serviço permite aos utilizadores do PayPal fazerem depósitos em qualquer conta bancária ou enviar dinheiro para recolha directa em milhares de parceiros em todo o mundo. Nalguns países é também possível utilizar o Xoom para fazer carregamentos do saldo do telemóvel e pagar contas de diversos serviços - mas isso ainda não se encontra disponível no nosso país.

O Xoom permite fazer transferências de até 10 mil euros por transacção, e promete uma maior velocidade na transferência face aos bancos tradicionais, assim como comissões mais reduzidas..


Clientes Crédito Agrícola com acesso ao Apple Pay



O Apple Pay chegou a Portugal há algumas semanas, mas só agora os clientes do Crédito Agrícola receberam a actualização da app que lhes permite associar as suas contas à carteira Apple Pay para poderem utilizar este método de pagamento.

Resta agora saber que outros bancos nacionais se irão juntar a ele... ou se irão continuar a insistir na utilização das suas próprias apps para se poder utilizar o MB Way com a ameaça de custos adicionais caso se utilize a app oficial do MB Way. :P


Huawei regista nome Harmony na Europa para o seu sistema operativo



Independentemente do HongmengOS da Huawei estar realmente apto (ou não) a substituir o Android, uma coisa é certa: não tem um nome que seria apelativo aos utilizadores ocidentais. Por isso, a Huawei parece ter optado por um nome mais simples de recordar - Harmony - para o qual já terá pedido o registo na UE.

O registo refere expressamente que o nome se destina a sistemas operativos para dispositivos móveis e computadores, pelo que não deixa grande margem de dúvidas quanto às suas pretensões. Agora só resta saber quanto tempo faltará até que este "Harmony" mostre o que vale.


Lançamento de 5000 foguetes simultâneos tenta bater recorde do Guinness


Para celebrar o 50º aniversário do lançamento da missão Apollo 11 que nos levou à Lua pela primeira vez, vamos também testemunhar a tentativa de lançamento de 5000 foguetes simultaneamente - que constituirá um novo recorde mundial do Guinness.

Mesmo tratando-se de foguetes em escala reduzia, ter 5000 deles a serem lançados ao mesmo tempo será garantidamente um espectáculo a não perder. (Actualização: vídeo com o lançamento já disponível a seguir.)




Curtas do dia


Resumo da madrugada

topo

Panorama dos headphones USB-C continua a estar num verdadeiro caos

16-07-2019 | 15:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos



Alguns fabricantes de smartphones começaram por criticar o desaparecimento da ficha áudio de 3.5mm dos equipamentos, mas praticamente todos eles se têm deixado contagiar por isso. A ideia é que os velhos headphones com uma ficha que garantia compatibilidade com quase meio-século de produtos, passassem a utilizar a mais moderna e versátil ficha USB-C, ou fossem substituídos por versões wireless via Bluetooth.


 A questão é que, se no campo do Bluetooth as coisas até têm funcionado relativamente bem... quem preferir usar headphones ou uma ligação de som por cabo, está em pior situação que nunca.

O panorama dos headphones USB-C continua a estar num verdadeiro caos, havendo modelos que funcionam nuns smartphones mas não nos outros (e o mesmo se aplicando aos dongles USB-C para ficha de 3.5mm), modelos que adicionam atraso perceptível no som, uns que funcionam em modo digital, outros em modo analógico... enfim... ninguém se entende - não sendo o tipo de evolução que se desejaria para algo que anteriormente funcionava, sem preocupações com drivers, versões, ou compatibilidades.


Nem todos os fabricantes irão reconhecer isto como sendo um grande falhanço, provavelmente preferindo apostar na vertente wireless - a Qualcomm já lançou o seu chipset TrueWireless Stereo Plus, para facilitar a criação de earphones wireless realmente stereo sem retransmissões entre os earphones. Mas, alguns poderão estar a reconsiderar a sua opção: fala-se que o próximo Huawei P30 poderá vir novamente com ficha de 3.5mm, o que seria um gesto significativo.

Se assim for, será que outros fabricantes se seguirão, e assistiremos ao triunfo da velha ficha de 3.5mm sobre o USB-C (para efeitos de headphones e som)?

topo

SpaceX explica origem da explosão da Crew Dragon

16-07-2019 | 14:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A SpaceX e a NASA acreditam já ter descoberto a origem do problema que levou à explosão da cápsula Crew Dragon durante o teste do sistema de afastamento de emergência no início de Maio.

Os planos da SpaceX de lançar uma missão tripulada quanto antes foram interrompidos em Maio, quando um teste aparentemente simples resultou numa "anomalia" que causou a explosão da cápsula Crew Dragon. Dois meses depois, a SpaceX e NASA revelam publicamente os resultados preliminares da sua investigação, dizendo que tudo se deveu a uma falha numa válvula que separa o oxidante do combustível no motor SuperDraco.

Foi o tipo de "azar" que acaba por ser uma boa notícia, já que permite rectificar um problema e tornar a cápsula mais segura para os futuros astronautas que transportará; e que teve a vantagem de acontecer durante um ensaio no solo, cuidadosamente monitorizado com câmaras de alta-velocidade, e facilitando a recolha de todos os componentes, facilitando a investigação. Caso isto tivesse acontecido num lançamento real, com os destroços espalhados pelo fundo do mar, teria sido muito mais complicado chegar à origem do problema.

Com tudo isto, os planos para lançar uma missão tripulada na Crew Dragon ainda este ano ficam muito mais complicados. Embora os responsáveis não digam que isso é impossível, referem que será pouco provável que tal aconteça. Quer seja este ano ou no próximo, o que importa é que quando isso acontecer haja total confiança de que foram feitos todos os testes e alterações para tornar a cápsula o mais segura possível - mesmo se para tal for necessário assistir a uma série de explosões nos testes.

topo

Tesla acaba com Model S e X mais baratos

16-07-2019 | 13:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Tesla voltou a fazer alguns ajustes na sua gama de automóveis e preços, acabando com as variantes mais económicas dos Model S e Model X, mas também ajustando o preço do Model 3.

Para simplificar a produção (e também o processo de escolha) a Tesla passa a disponibilizar o Model S e Model X apenas nas versões Long Range e Performance, desaparecendo as versões Standard Range. Um remodelação acertada, considerando o público alvo destes modelos, que seguramente não se importarão de pagar mais alguns "euritos" pela autonomia alargada ou desempenho acrescido. Para compensar isso, nos EUA o preço base do Model 3 cai para os $38900, tornando-o ainda mais acessível.

Quanto aos preços em Portugal, a gama da Tesla fica posicionada da seguinte forma:
Model S 
Long Range a 89.800 €
Performance a 106.600 €

Model X
Long Range a 95.400 €
Performance a 112.000 €

Model 3
Standard Range Plus a 48.900 €
Long Range a 59.600 €
Performance a 64.790 €

A opção de "condução autónoma total" do Autopilot representa um acréscimo de 6500 € para todos eles.

De notar que Elon Musk tem frisado a ideia de que comprar um Tesla neste momento é um excelente investimento, já que a prometida capacidade de condução autónoma permitirá colocar o carro a trabalhar em vez de estar estacionado; e que a partir do momento em que isso seja possível, o preço dos Tesla irá aumentar substancialmente. A única questão é que ninguém poderá dizer se isto é algo que acontecerá daqui por um ou dois anos, ou se daqui por uma década ainda se estará a dizer que isso está para breve.

topo

How to Create a Ms Word Document using PHP in 2019 Very Quickly

16-07-2019 | 11:06 | Manuel Lemos | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

By Clement Sam
Many PHP applications need to generate word processing documents in Microsoft Word format so they can be served to the application users in a way that their browser can make it opens in the Microsoft Word program.

Fortunately, nowadays this is very simple. Read this article to learn how to can do it with a few lines of PHP code.

topo

Hisense apresenta primeiro televisor ULED XD com duplo LCD

16-07-2019 | 11:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Hisense prepara-se finalmente para fazer chegar ao mercado os seus televisores ULED XD, que recorrem a dois painéis LCD para criar um sistema de local dimming capaz de rivalizar com o contraste dos OLEDs.

Depois de ter revelado a sua tecnologia ULED XD no início do ano, a Hisense apresentou finalmente ao público o seu novo televisor U9E que estreia este tecnologia num modelo disponível para o público.

Nos últimos anos temos visto os fabricantes a investirem em sistemas de "local dimming" para aproximarem os LCDs dos níveis de contraste dos OLEDs, aplicando retroiluminação por zonas atrás do painel LCD. O problema é que mesmo que se tenham centenas de zonas de iluminação, isso origina um efeito de "halo luminoso" devido a cada zona ser muito maior que a dos pixeis iluminados no ecrã - e daí a Hisense ter apostado numa táctica diferente.



Em vez de tentar criar um sistema de local dimming com milhões de zonas, a Hisense procurou o mesmo objectivo de forma diferente: aplicando um painel LCD secundário, monocromático, atrás do LCD principal. Dessa forma, por trás do ecrã 4K temos um LCD Full HD cuja única missão é controlar o nível de luz que chega a cada bloco de quatro pixeis. O efeito prático resulta num ecrã LCD cujos níveis de contraste e níveis de negro rivalizam com o dos painéis OLED.

A grande questão que se coloca agora é saber se esta complexidade acrescida conseguirá chegar ao mercado com preços que rivalizem com os ecrãs OLED que vão ficando cada vez mais baratos. Mas independentemente do preço, haverá aplicações onde poderá ser vantajoso optar por um ULED XD, para evitar preocupações com as questões de retenção de imagem - no caso de aplicações onde seja necessário apresentar conteúdos estáticos durante longos períodos.

topo

MS vai permitir outros assistentes de voz no lock screen do Windows 10

16-07-2019 | 10:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A MS está a ter uma atitude bastante aberta quanto à utilização de outros assistentes de voz no Windows 10, e na próxima actualização prepara-se para os deixar funcionar até no lock screen do Windows.

Talvez por culpa dos episódios por que já passou no passado (quando foi forçada a apresentar ecrãs de selecção de browsers no Windows), a Microsoft está a ter uma relação bastante mais generalista no que diz respeito aos assistentes de voz no Windows 10. Em vez de bloquear o sistema à utilização da sua Cortana, a MS tem tratado o assunto como sendo apenas mais um serviço que fique à escolha de cada utilizador, e que a nível técnico é demonstrado pela "separação" da Cortana do sistema, passando a ser uma app na Windows Store.

Por isso mesmo, não será surpresa que para Setembro, com a chegada da próxima actualização do Windows 10, a MS queira permitir que outros assistentes que se instalem - como a Alexa da Amazon - possam estar activos mesmo com o ecrã de bloqueio do Windows 10. Desta forma, mesmo estando um PC "bloqueado", será possível dizer algo como "Alexa, what time it is?" ou outros comandos, sem que seja necessário manter o computador continuamente desbloqueado para esse efeito.

Vamos lá ver se será incentivo que chegue para que a Google lance uma app Google Assistant dedicada para Windows 10, ou se continuará a ignorar este segmento e a deixar que seja a Amazon a captá-lo com a Alexa.

topo

Ganha uns earphones BT Xiaomi AirDots

16-07-2019 | 09:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Todas as semanas temos gadgets para vos oferecer, e desta vez são uns earphones BT Xiaomi AirDots.

Os Xiaomi AirDots estiveram recentemente em promoção, mas hoje temos uma promoção ainda melhor - pelo menos para um dos nossos leitores. Quer sejam fãs de earphones bluetooth ou não, há alturas em que estes se tornam bastante valiosos e indispensáveis, nem que se seja para aquelas situações em que querem ouvir algo no smartphone sem ter o smartphone a incomodar todos os que estão por perto.



Já sabem como funcionam os nossos passatempos semanais: ao longo dos próximos dias iremos colocando diferentes perguntas no formulário que se segue, e no final o mesmo será oferecido aleatoriamente entre os participantes que tiverem acertado correctamente pelo menos numa delas (sendo que mais respostas certas melhorarão as vossas probabilidades de ganharem - mas atenção, pois apenas conta a primeira resposta que derem a cada pergunta.)

Loading...



Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal.

topo

Asus garante processador Qualcomm Snapdragon 855 Plus no ROG Phone II

16-07-2019 | 08:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A próxima geração do smartphone gaming da Asus, vai estar na linha da frente para utilizar a mais recente plataforma móvel Snapdragon 855 Plus, que segundo a Asus, "promete revolucionar o desempenho dos jogos ao nível das frame rates".


A próxima versão do inovador smartphone para jogos ROG integra a primeira utilização a nível mundial da plataforma móvel Qualcomm Snapdragon 855 Plus de 7 nm. O núcleo Qualcomm® Kryo™ 485 Prime da CPU tem frequência máxima de até 2.96GHz para um desempenho record a nível mundial. O GPU Adreno 640 do Snapdragon 855 Plus oferece desempenho gráfico 15% mais rápido do que a atual plataforma móvel Snapdragon 855.

A ASUS Republic of Gamers (ROG) anuncia hoje que a próxima geração ROG Phone II apresentará o primeiro smartphone equipado com a nova plataforma móvel Snapdragon 855 Plus. O ROG Phone II oferecerá aos utilizadores a melhor experiência em jogos móveis, complementando as inovações do mundialmente aclamado ROG Phone, lançado em 2018. Os detalhes e as especificações deste novo smartphone para jogos serão anunciados nas próximas semanas, mas a atualização para o Snapdragon 855 Plus garante que o desempenho geral está um passo à frente. O CPU Kryo 485 no Snapdragon 855 Plus funciona até 2.96GHz, enquanto que o GPU Adreno 640 tem um clock 15% mais rápido do que o atual Snapdragon 855. Com esta base de alto desempenho complementando uma série de novos e fantásticos recursos melhorados, o ROG Phone II está, mais uma vez, pronto para enfrentar o mundo dos jogos móveis.

DISPONIBILIDADE E PREÇO
Todos os detalhes do ASUS ROG Phone II serão anunciados brevemente.

topo

Carregador USB 2+3 da Hama leva fichas a todos os ocupantes do automóvel

16-07-2019 | 08:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Hama tem a solução ideal para acabar com as guerras pelo acesso à ficha USB no automóvel para carregar o smartphone ou gadget de cada ocupante. O carregador de isqueiro 2+3 Power Extension certifica-se que todos poderão contar com uma ficha USB só para si.

A vida de condutor, em termos de acesso a uma ficha USB para carregar smartphone, tablet ou demais gadgets, complica-se de forma proporcional ao número de ocupantes e passageiros. Num carro preenchido com adolescentes a caminho das férias, não serão necessários mais que uns poucos minutos para que se comecem a ouvir queixas sobre quem deverá ter acesso à ficha USB para carregar os seus aparelhos.

O 2+3 Power Extension (referência Hama: 00136666) trata do assunto, fazendo chegar uma ficha USB a cada ocupante, para que ninguém se possa queixar.


Consistindo em dois módulos, um que fica ligado à ficha do isqueiro com duas portas USB, e um segundo módulo com três portas numa extensão que permite a sua instalação acessível ao banco traseiro. As fichas USB são compatíveis com os mais variados dispositivos, desde smartphones e tablets a portáteis, leitores de MP3, colunas Bluetooth e até a GPS.

Na frente as portas suportam potências de até 2.4A cada uma; enquanto no módulo adicional temos acesso a um potência total de até 5.2A (distribuída inteligentemente pelas três portas USB).

O carregador 2+3 Power Extension da Hama já está disponível no mercado português com um preço indicativo de 33,39 euros.

topo

Qualcomm apresenta Snapdragon 855 Plus acelerado

16-07-2019 | 07:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A evolução nos chips para o segmento mobile teve uma grande evolução na última década mas também começa a enfrentar dificuldades em manter o ritmo, e a demonstrá-lo está este Snapdragon 855 Plus, que basicamente não passa de um 855 com um ligeiro overclock.

Enquanto o Snapdragon 855 se ficava por uma velocidade máxima de 2.84GHz, este 855 Plus pode funcionar até 2.96GHz. O modem integrado continua a estar limitado a LTE, pelo que a sua utilização em equipamentos 5G continuará a depender de um modem 5G X50 externo; pelo que a sua utilização está claramente orientada para aplicações onde seja desejável ter todas as vantagens, por poucas que possam ser, face ao 855 normal - como aplicação em óculos VR/AR, ou smartphones dedicados ao gaming.

Não será por isso surpresa que na lista dos fabricantes interessados neste chip acelerado esteja a Asus, que o irá aplicar no seu próximo ROG Phone II - sendo que provavelmente muitos outros se seguirão.

Ter em conta que nesta fase em que nos encontramos, já é bastante comum ter smartphones que dificilmente conseguem lidar com o funcionamento a "100%" do chip que utilizam, quer devido ao calor gerado, quer devido à gestão eficiente dos consumos. Por outro lado, para os fabricantes de chips, é normal que ao longo da produção de um chips sejam feitas melhorias que permitam puxar um pouco mais pela sua velocidade - e é precisamente isso que a Qualcomm está a fazer, limitando-se a vender esses chips melhorados com uma nova designação, em vez de se limitarem a ser chips que habitualmente poderiam levar "overclock" sem qualquer problema.

topo

A complicada condução autónoma na Europa

15-07-2019 | 20:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os automóveis autónomos têm evoluído a bom ritmo nos EUA, mas na Europa são muitas as startups que não receiam enfrentar os gigantes tecnológicos norte-americanos, relembrando que por cá se enfrentam problemas completamente diferentes.

Uma coisa é criar um sistema capaz de navegar em auto-estradas ou vias rápidas, com boas condições climáticas - ou que até possam circular nas largas estradas das grandes cidades norte-americanas; outra bem diferente é criar um automóvel autónomo que seja capaz de enfrentar as tortuosas estradas das cidades europeias, condimentadas com trânsito caótico a condizer e onde muitas vezes a chuva não é um acontecimento ocasional mas quase permanente.

As dificuldades são muitas mas há quem acredite estar à altura de resolver o problema; e sem receio de enfrentar os gigantes tecnológicos com bolsos ilimitados. O co-fundador da Wayve diz que por cá é necessário adoptar uma postura diferente. Tecnologia como o LIDAR, que tem sido presença constante nos automóveis autónomos, não é adequada para lidar com a chuva torrencial, obrigando a seguir aquilo que Elon Musk tem dito, de apostar mais nas câmaras convencionais (embora há quem demonstre a validade dos mesmos, mesmo com chuva e neve). E quanto à concorrência norte-americana, diz que "se têm estado há uma década a fazer testes em Phoenix e mal se conseguem expandir para outras cidades, como podem sequer pensar em enfrentar as cidades europeias?"

Infelizmente, não há soluções fáceis, nem mesmo para quem se dedica exclusivamente à condução autónoma cá na Europa. E o resultado é que a promessa dos automóveis autónomos se arrisca a ser uma repetição daquela que também era feita a propósito dos automóveis eléctricos - quando em 1999 também nos diziam que os automóveis eléctricos "estavam a chegar", e só passados 20 anos é que finalmente se começa a ver alguma mudança a esse respeito. Veremos se só lá para 2040 é que começaremos a ter carros verdadeiramente autónomos, ou se Elon Musk estará correcto a dizer que isso é coisa para acontecer "já no próximo ano"...

topo

EDP oferece tomada inteligente que poupa electricidade

15-07-2019 | 17:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A EDP está a oferecer gratuitamente um bloco de tomadas inteligente com o qual poderá poupar dezenas de euros em electricidade por ano, e tudo o que tens que fazer é pedir a tua antes que esgotem na tua área - sendo a oferta válida mesmo para clientes de outros fornecedores de energia.

A EDP está a repetir a campanha de oferta de tomadas com sistema de poupança de energia que já realizou no passado; e quem na altura não foi a tempo de apanhar uma pode agora voltar a tentar a sua sorte. Quem já obteve uma tomada na edição anterior não poderá voltar a inscrever-se.

Esta é uma daquelas extensões com tomadas múltiplas que conta com inteligência acrescida para cortar completamente a energia às tomadas com base no consumo do equipamento instalado na primeira ficha; e a EDP estima que possa resultar numa poupança de 44 euros anuais no caso de um computador tendo como periféricos um monitor, impressora, modem, e colunas.



Ou seja, quando ligam o computador (ou dispositivo ligado na primeira tomada), é activado o fornecimento de energia às restantes tomadas; quando o desligarem, será cortada a energia a todos os restantes dispositivos, evitando ter que ligar e desligar manualmente esses aparelhos, e evitando também os indesejados consumos em standby que facilmente se vão acumulando e acabam por representar dezenas e dezenas de watts (e euros) gastos sem qualquer necessidade.

A oferta destina-se a todos os consumidores domésticos de energia eléctrica, independentemente do seu fornecedor de energia, em Portugal Continental; que não se tenham inscrito na edição anterior.

topo

Balança Xiaomi com BT 5.0 a €21

15-07-2019 | 16:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Se procuram uma forma fácil e económica de manter o registo da evolução do vosso peso, podem contar com a ajuda desta balança da Xiaomi, que está disponível apenas por 21 euros.

Há cada vez mais pessoas que recorrem aos tracker de actividade no pulso para registarem os seus movimentos ao longo do dia, no entanto há um detalhe igualmente importante que fica a faltar para manter um registo acertado da sua forma física: o peso. Em vez de terem que manter esse registo manualmente, nada como simplificar a vida com uma balança "inteligente" capaz de transmitir esses dados para o nosso smartphone.

Os valores que são automaticamente registados no smartphone usando a Xiaomi Sports app (para Android ou iOS). Pode também identificar automaticamente até 16 pessoas individuais (desde que tenham pesos suficientemente diferenciados).


Esta balança Xiaomi está disponível por 21 euros.

Como curiosidade, esta balança conta também com um modo para medir o equilíbrio - o que poderá fazer recordar velhas memórias a quem tiver usado o Balance Board da Nintendo Wii no Wii Fit - com a balança a determinar se estamos a colocar demasiado peso num dos lados ou se mantemos uma postura devidamente equilibrada. Por vezes, pode ser um alerta que permite identificar e corrigir desvios antes que se tornem problemas mais sérios passados alguns anos.

... Mas acima de tudo, nem que seja por dispensar o preenchimento manual do peso no smartphone, já vale a pena. :)

topo

Notícias do dia

15-07-2019 | 15:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Portugueses lentos a adoptar pagamentos conctactless; serviço de "GPS" europeu Galileo está inoperacional há 4 dias; as Promoções Amazon Prime Day 2019 já começaram; Facebook multado em 5 mil milhões de dólares pela FTC; Hotel com simulador de voo no quarto no aeroporto de Tóquio; a evolução da política de privacidade da Google ao longo das décadas; França aprova taxa digital de 3%; porque nunca se deve abrir o radiador de um automóvel a quente; Solein da Solar Foods quer ser comida feita a partir do ar; e o curioso caso dos Japoneses que alugam carros - mas não para andar com eles.

Antes de passarmos às notícias do dia, esta semana temos para oferecer um módulo de tomada inteligente BlitzWolf no passatempo de gadget da semana; participa e partilha.

HongmengOS não é alternativa ao Android - diz Huawei



Liang Hua, presidente da Huawei, fez algumas revelações que levantam grandes dúvidas sobre a possibilidade do HongmengOS poder ser utilizado como alternativa ao Android num futuro próximo. Depois de ter sido dito que o HongmengOS seria mais rápido que o Android, Liang diz que este sistema foi desenvolvido para ser utilizado em dispositivos IoT e que ainda não foi decidido se poderá ser aplicado a smartphones - referindo que o Android continua a ser a primeira opção para esse efeito.

A comprovar-se esta situação, parece que se estaria mesmo perante a situação do HongmengOS estar a ser utilizado como "bluff" para desvalorizar a dependência no Android. Algo que só se poderá comprovar a médio/longo prazo, ou eventualmente nunca, se a redução das restrições dos EUA à Huawei lhe voltar a dar o acesso ao Android. (Por outro lado, não sabemos que movimentações estarão em curso para tentar garantir que tal situação não se repita no futuro...)


MS Word para Android supera mil milhões de instalações



Demonstrando que não se deve subestimar o MS Word, a sua versão para Android torna-se na primeira app da Microsoft a superar os mil milhões de instalações na Play Store da Google. Um resultado que não será propriamente inesperado, já que há pouco mais de um ano se tinha tornado na primeira app da MS a atingir os 500 milhões de instalações.

Mesmo se parte deste sucesso se possa dever ao facto da MS ter acordos com fabricantes (como a Samsung) para ter as suas apps pré-instaladas de fábrica nos seus smartphones e tablets; não deixa de ser um marco que muitos poucos conseguem atingir.


Tesla Roadster SpaceX com propulsores "discretos"



Elon Musk diz que a versão mais radical do Tesla Roadster (que de base já conseguirá acelerar dos 0 aos 100km/h em 1.9s) equipada com jatos de ar será visualmente bastante discreta, em resposta a imagens que têm circulado e que o equiparavam à traseira do DeLorean do Regresso ao Futuro.


Musk diz que as saídas de ar traseiras ficarão escondidas por trás da matrícula; sendo que potencialmente haverá outras saídas espalhadas pelo veículo, já que também foi referido que o mesmo sistema poderia auxiliar noutras manobras - e eventualmente até tendo capacidade para fazer o automóvel pairar no ar.


Promoções Amazon Prime Day esquentam o Verão



Caso vos tenha passado despercebido, estamos nos dias de descontos Amazon Prime Day e temos um post dedicado às melhores promoções, onde podemos encontrar coisas como uma TV LCD Sharp 4K de 55" por €399 euros, precisamente o mesmo valor pelo qual também podem encontrar um Huawei P30. Ou então um Nokia 3.1 Plus por apenas €99, entre muitas outras coisas.

O único requisito é serem membros Amazon Prime, coisa que se pode resolver rapidamente com a adesão ao Amazon Prime e tirando partido do período de 30 dias gratuitos. Pessoalmente, entre os descontos que vão surgindo ao longo do ano e o acesso ao Amazon Prime Video, considero que ser membro Amazon Prime compensa; mas cada um terá que tomar a sua própria decisão.

E não se esqueçam que temos um grupo no FB dedicado às promoções diárias.


Curtas do dia


Resumo da madrugada




topo

Política de privacidade da Google está cada vez mais complexa e difícil de se entender

15-07-2019 | 15:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A evolução da política de privacidade da Google ao longo das últimas duas décadas, passando de 600 para 4000 palavras, é também um retrato de como a internet muito se transformou neste espaço de tempo.


Em 1999 bastavam 600 palavras para a Google dizer o que fazia com os dados recolhidos. Passados dez anos esse número já tinha triplicado e, em 2019, situa-se agora nas 4000 palavras. Mas mais importante que a quantidade é o que lá é dito, e aí as mudanças na forma como se lidam com os dados dos utilizadores são ainda maiores.

A melhor maneira de o demonstrar é ver que dados eram recolhidos em 1999 e os que são recolhidos actualmente.

1999 2019
aggregated search activity
personal information you provide
clickthrough information
cookies
Things you create or provide to Google
your name
password
phone number
payment information
content you create, upload, or receive from others when using our services
If you use Google services for calls or messages
telephone information
phone number
calling-party number
receiving-party number
forwarding numbers
time and date of calls and messages
duration of calls
routing information
types of calls
Your activity
terms you search for
videos you watch
views and interactions with content and ads
people with whom you communicate or share content
Chrome browsing history
activity on 3rd party sites and apps that use our services
voice and audio information when you use audio features
purchase activity
Apps, browsers, and device data
unique identifiers
browser type and settings
device type and settings
operating system
mobile network information including carrier name and phone number
application version number
IP address
crash reports
system activity
date, time, referrer URL of your request
Data from publicly accessible sources
Data from partners

trusted partners
marketing partners
security partners
advertisers
Location data
from GPS, IP address, device sensor data, wifi access points, cell-towers, Bluetooth-enabled devices
From Android devices with Google apps, collected periodically
device type
carrier name
crash reports
which apps are installed

É certo que tudo isto advém dos muitos serviços que a Google foi lançando desde a sua origem, como o Gmail, Chrome, Google Docs, e a mina de ouro de dados que é o Android - mas não deixa de ser assustador tomar consciência de tudo o que está a ser recolhido, dia após dia, sobre cada um dos utilizadores dos seus smartphones e/ou dos seus serviços.

Sem no final do século passado uma empresa como a Google se contentava em ter dados agregados daquilo que os utilizadores faziam como um todo (médias de visitas, pesquisas mais populares), actualmente têm um retrato ultra-completo de cada utilizador individual, sabendo as suas preferências, por onde andam, com quem comunicam, que fotos tiram (se usarem o Google Photos), e até aquilo que dizem em casa (se tiverem um Google Home).

... Juntando a isto a remoção do "Don't be evil" do seu código de conduta o ano passado, vale a pena repensar se não se estará a pagar um preço demasiado alto pelo acesso aos seus serviços gratuitos.

topo

Microsoft lança extensão para imagens RAW

15-07-2019 | 14:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os fotógrafos que preferirem o formato RAW vão ficar com a vida facilitada em Windows, com a nova extensão da Microsoft para o Windows 10 que permite visualizar esse formato directamente sem necessidade de usar outros programas para o efeito.

A Raw Image Extension já está disponível na Windows Store. Depois de a instalarem no Windows 10 não só passam a poder abrir ficheiros RAW na app photos, como passam a contar também com os previews das imagens directamente no File Explorer - desde que estejam na vista dos ficheiros "small", "large" ou "extra large" em vez dos icons habituais.

Torna-se assim dispensável a utilização de outras extensões feitas por terceiros, ou a necessidade de usar um programa mais "pesado" para fazer algo tão simples quanto ver se uma foto é exactamente aquela que pretendemos.

A Microsoft diz que esta extensão é compatível com um "vasto número de câmaras", mas há formatos RAW que ainda não são suportados - como o .CR3 e .GPR - o que poderá obrigar a utilizar as soluções alternativas. Por outro lado, será de esperar que a MS vá adicionando mais formatos a esta extensão, pelo que será conveniente manterem-na instalada.

Há ainda quem recomende a sua utilização em combinação com a extensão QuickLook, para facilitar o acesso ao preview das imagens com um simples toque na tecla de espaços.

topo

Portugueses lentos a adoptar pagamentos conctactless

15-07-2019 | 13:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A utilização dos pagamentos contactless tem vindo a aumentar em Portugal, mas a um ritmo bastante inferior ao verificado noutros países, parecendo demonstrar que os portugueses têm algum receio em fazer pagamentos com demasiada facilidade de "tocar e pagar".

Os pagamentos contactless permite acelerar o pagamento de transacções, bastando tocar com o cartão no terminal de pagamentos sem necessidade de introduzir um código PIN no caso de se tratarem de valores reduzidos (menos de €20). No entanto em Portugal a taxa de penetração deste tipo de pagamentos, segundo um estudo da VISA, é inferior a 10%.

Fora dos Estados Unidos da América, cerca de metade das transacções Visa em pagamentos acontecem com recurso à tecnologia Contactless para pagamentos rápidos, seguros e convenientes com os seus cartões de débito e crédito. Uma vez introduzidos os cartões Contactless, a adopção do consumidor geralmente acontece rapidamente. Muitos mercados evoluem de uma taxa de penetração Contactless de um dígito para mais de 50% em apenas 18 a 24 meses.

A nível internacional, assistimos a elevados valores de penetração do Contactless na Austrália (>90%), Reino Unido (>60%) ou Canadá (>50%). Na Polónia a taxa de aceitação encontra-se mesmo perto dos 100%. Em Portugal, a taxa de penetração de pagamentos Contactless é substancialmente inferior (<10%) ocupando o penúltimo lugar do ranking europeu apenas à frente de Israel.

Imagino que parte da resistência à adopção desta tecnologia resulte de, por vezes, não funcionar tão bem quanto deveria. Cerca de metade das vezes que tento utilizar o pagamento wireless a coisa não funciona à primeira, acabando por causar uma situação de desgaste tanto para o utilizador como para o comerciante, que quase sempre já "desaconselha" a utilização do contactless e opta pela forma tradicional. E sendo então nos casos em que deveria ser utilizado, locais com grande fluxo de pessoas e onde se deseja desperdiçar o menos tempo possível, estar a tentar uma e outra vez para ver se aquilo funciona, torna-se "impossível".

... Curiosamente, acho que de meia dúzia de locais onde faço pagamentos regulares, apenas num o pagamento contactless funciona como seria de esperar. E com vocês, que tal tem sido a experiência com os pagamentos contactless em Portugal?

topo

Notable PHP package: YII D3 PHP PDF Object

15-07-2019 | 12:54 | Manuel Lemos | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

By Manuel Lemos
PDF files are frequently used by many applications to display documents that can be used for printing in paper.

If you just want to display those documents in a Web page before you decide if you want to print them, it is useful to make them be rendered in a way that can be viewed clearly by the users.

This package can generate the necessary HTML and JavaScript to display PDF documents embedded in a Web page using widgets provided by the YII framework.

Read this article to learn more details about how this notable PHP package works.

topo

Raspberry Pi 4 vem com bug no USB-C

15-07-2019 | 12:22 | A Minha Alegre Casinha | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O recém-lançado Raspberry Pi 4 torna-se na mais recente vítima das complicações do USB-C, podendo não funcionar com determinados cabos ou fontes de alimentação.

O Raspberry Pi 4 mudou a ficha de alimentação para uma ficha USB-C, mas infelizmente não se deu ao trabalho de seguir os requisitos definidos para esse efeito. O resultado é que, quando utilizado com cabos USB-C preparados para maiores potência de carregamento, o RPI 4 vai ser detectado como sendo um "adaptador áudio" e não receberá a energia pretendida.

A origem desta falha é incrivelmente simples. A especificação USB define que devem ser utilizadas duas resistências independentes em dois dos pinos da ficha, mas o Raspberry Pi 4 partilha a resistência com ambos os pinos, e isso é o que basta para que não funcione correctamente.

Benson Leung, que é conhecido por analisar todas as complicações (de má implementação) em torno do USB-C relembra que os developers e fabricantes se devem abster de querer "reinventar" seja o que for a respeito do USB-C, e se limitarem a copiar integralmente os exemplos disponibilizados pelo standard USB-C.

O Raspberry Pi 4 junta-se assim à lista de "famosos" com portas USB-C complicadas - no qual encontramos outros produtos, como a Nintendo Switch - ficando prometida uma versão corrigida para o futuro. Até lá, há que ter o cuidado para não utilizar cabos "power delivery", mas apenas cabos USB-C simples que não façam a distinção entre equipamentos.

topo

O insustentável peso da pop

15-07-2019 | 11:59 | Gonçalo Sá | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Marika Hackman.jpg

 

O novo e terceiro álbum de MARIKA HACKMAN, "Any Human Friend", parece vir a dar prioridade a um rock entre o grunge e a new wave e não tanto à escola folk que dominou as primeiras canções da britânica. O primeiro (e óptimo) single, "I'm Not Where You Are", já tinha apontado nessa direcção, aliás confirmada pela cantautora, e o segundo aprimora a sensibilidade pop num dos temas mais directos desta discografia.

 

A confirmação chegará a 9 de Agosto, data de lançamento do registo, e até lá "THE ONE" vai abrindo o apetite enquanto ganha lugar entre os singles mais orelhudos da temporada, que não destoaria ao lado de canções dos Blondie ou dos Metric.

 

O salto melódico da calma ao caos tem eco num videoclip a apelar à revolta na rotina laboral, com aproximações a uma cena-chave de "O Insustentável Peso do Trabalho" ("Office Space", de 1999), filme de culto de David Slade que também sacrificava uma fotocopiadora a certa altura:

 

 

topo

Serviço de "GPS" europeu Galileo sem localização há 4 dias

15-07-2019 | 11:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O serviço europeu de localização via satélite Galileo tem estado em modo de localização degradada desde o dia 11, não havendo ainda indicação de quando voltará a estar disponível.

Quem depender dos serviço de localização via satélite terá que depender do serviço norte-americano GPS ou do Glonass russo, já que o serviço europeu Galileo tem estado fora de serviço desde o dia 11.

O problema não estará relacionado com os satélites em si, mas sim com a estação terrestre Precise Timing Facility em Itália, responsável por gerar o GST (Galileo System Time), a referência de tempo exacto que é enviada para os satélites e que permite fazer a localização. Embora tenha sido dito que a situação seria resolvida "o mais rapidamente possível", a verdade é que já se passaram quatro dias e o serviço continua sem permitir a localização. Felizmente, o serviço SAR (Galileo Search and Rescue) utilizado para localizar pessoas em situações de emergência continua operacional e sem ser afectado por esta falha.

Para a maioria dos utilizadores a situação nem se fará sentir, já que a maioria dos dispositivos - smartphones, sistemas de navegação nos automóveis, etc. - são capazes de utilizar todos os sistemas em simultâneo, limitando-se a recair sobre o GPS ou Glonass no caso do Galileo não fornecer uma localização adequada. Por outro lado, estar o serviço indisponível há tantos dias, faz levantar sérias dúvidas quanto à resiliência do sistema e de como, de forma acidental ou deliberada, não será boa ideia depender exclusivamente dele.

topo

Dynabook lança hub USB-C 10-em-1

15-07-2019 | 10:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Para lidar com a variedade de ligações (e ausência de portas USB-C), a Dynabook lançou um novo hub USB-C 10-em-1 que deverá resolver todos os problemas que se possam ter.

O USB-C pode ter por objectivo uniformizar as fichas físicas, mas não invalida que em muitos casos continuem a ser necessárias fichas de outros formatos - e isto para não falar de que, muitos dos novos equipamentos insistem em disponibilizar um número bastante reduzido de portas USB-C. Por isso, nesta fase o USB-C tem feito proliferar a necessidade de recorrer a hubs, e a Dynabook (anteriormente Toshiba) também já tem um.

O hub USB-C da Dynabook vem bem apetrechado com fichas, 10 delas para ser exacto, para além do leitor de cartões SD. Temos:
  • Ethernet Gigabit
  • 4x USB 3.1 Type-A (uma delas suportando carregamento)
  • 1x USB 31. Type-C
  • Leitor de cartões SD
  • Ficha 3.5mm para headsets
  • DisplayPort
  • HDMI
  • VGA (D-Sub)

Nas saídas de vídeo, podemos utilizar todas elas em simultâneo para ligar até três monitores em Full HD, ou utilizar resoluções 4K se utilizarmos apenas DisplayPort.

O maior problema é que todo este tipo de fichas que em tempos se esperaria serem comuns em qualquer portátil, são agora algo que obriga a investimentos adicionais. No caso deste hub Dynabook estamos a falar de um preço avultado de 199.99 dólares - e mesmo que se vá para outros hubs USB-C mais económicos, estamos sempre a falar de algumas dezenas de euros a que será difícil escapar.

topo

Observação do eclipse parcial da Lua no Porto

15-07-2019 | 09:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os fãs da astronomia têm mais uma excelente oportunidade de verem mais de perto os nossos vizinhos do sistema solar, dos mais próximos aos mais distantes, aproveitando o eclipse parcial da Lua que vai ocorrer já amanhã (dia 16 de Julho).

LUA AQUI TÃO PERTO - Eclipse da Lua e observações astronómicas com telescópios

No dia 16 de Julho de 2019 ocorre um eclipse parcial da Lua. O Planetário do Porto - Centro Ciência Viva e o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) organizam uma sessão de observação com telescópio para ver este fenómeno, no Centro de Educação Ambiental da Quinta do Covelo, no Porto. A observação, inserida no programa Ciência Viva no Verão em Rede, será acompanhada por especialistas do IA.

Embora a Lua já nasça, ao anoitecer, com o eclipse a decorrer, este será visível até por volta da meia-noite. O máximo ocorre por volta das 22:30, altura em que a sombra da Terra estará a cobrir 65% da superfície da Lua.

A actividade é de entrada livre e gratuita, com abertura de portas às 21:00, sendo a entrada feita pelo portão lateral da Quinta do Covelo, junto ao nº 330 da R. Álvaro de Castelões. Na Quinta do Covelo, a Lua só deve ficar visível acima das árvores por volta das 21:30, mas além do Eclipse da Lua, será ainda possível observar com os telescópios o planeta Júpiter e as suas luas, e os anéis de Saturno.

Entrada livre e gratuita.

Nota: A actividade só se realiza se as condições meteorológicas o permitirem.

topo

Nokia 2.2 chega ao mercado com um preço competitivo

15-07-2019 | 08:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A HMD mantém a sua aposta num alargado leque de produtos, por forma a estar presente em todos os segmentos de mercado. O Nokia 2.2, vem reforçar o seu portefólio de produtos para a gama de entrada, mantendo a aposta no Android One, que surge reforçado com algumas funções apoiadas num sistema de Inteligência Artificial.




HMD Global, the home of Nokia phones, anuncia hoje a chegada ao mercado português do Nokia 2.2, que oferece um sistema em IA para imagens com pouca luminosidade e um botão para aceder ao Google Assistant, tudo isto a preço surpreendente. O Nokia 2.2 é o primeiro smartphone Nokia da série 2 que faz parte do programa Android One, e que oferece a mais recente experiência completa de Android num ecrã moderno de 5.7” com um discreto selfie-notch. O Nokia 2.2 está preparado para Android Q e receberá dois anos de atualizações do sistema operativo e três anos de atualizações de segurança mensais, o que garante o acesso às últimas inovações Android.

Juho Sarvikas, Chief Product Officer, HMD Global, referiu:
“Acreditamos que as mais recentes e melhores inovações da indústria devem estar ao alcance de todos. Com o Nokia 2.2, trouxemos o auge das experiências em IA a mais utilizadores do que nunca. Para além disso, incorpora funcionalidades como o desbloqueio facial biométrico com deteção vivaz que acrescenta segurança extra ao telefone, imagens de IA, Google Lens e um botão para aceder ao Google Assistant, com o objetivo de revolucionar a forma como os nossos fãs interagem com o telefone.  O Nokia 2.2 une-se à nossa família Android One e, como todos os smartphones Nokia, oferece uma experiência que se mantém atualizada por mais tempo. Com dois anos de atualizações do sistema operativo e três anos de atualizações de segurança mensais garantidas, o Nokia 2.2 está preparado para Android Q e continuará a melhorar”.

Imagens com pouca luminosidade e tecnologia IA para superar-se a si mesmo
Graças à sofisticada fusão de imagens com pouca luminosidade impulsionada por IA nesta gama de preço, o Nokia 2.2 consegue captar fotos com grande detalhe inclusivamente em condições mais complicadas de pouca luminosidade. As camaras captam várias imagens em simultâneo e, através de algoritmos avançados, criam uma única imagem com mais luz, mais detalhe e menos ruído. A fotografia HDR capta cores vivas com uma maior faixa dinâmica em cada disparo. Faz com que as fotografias se destaquem através das funcionalidades do Google Photos IA como Color Pop, para chamar a atenção para o tema, Colourise, que permite que as imagens monocromáticas se convertam a cores, e Beautify, que realça as características naturais para conseguir a melhor selfie.

Para além disso, os utilizadores têm acesso às últimas tendências tecnológicas com o “desbloqueio facial” e o Google Lens. O Nokia 2.2 é um dos primeiros telefones nesta categoria que vem equipado com uma função biométrica de desbloqueio facial, que permite desbloquear o dispositivo sem esforço. E comparativamente a outros telefones nesta faixa de preço, o avançado sistema de desbloqueio facial impulsionado por IA, utiliza algoritmos de aprendizagem e deteção vivaz para obter uma experiência precisa e à prova de falsificações. O Google Lens permite procurar o que se vê. Assim, quando se vê um produto de que se gosta, basta apontar a lente  da camara para saber como pode comprá-lo, ou direcionar a camara para um álbum para descobrir uma nova música e transmiti-la através de serviços musicais como o Spotify.

O Nokia 2.2 também oferece as últimas tendências em design, com um ecrã de ponta a ponta com selfie-notch moderno e discreto, maximizando a superfície do ecrã enquanto mantém um formato que cabe no bolso. O ecrã HD de ponta a ponta de 5.71” oferece um grande ecrã, ao mesmo tempo que se garante que o Nokia 2.2 é compacto para utilizar apenas com uma mão. O ecrã, com um brilho de 400nits, permite uma experiência de visualização mais vibrante. Tudo isto vem potenciado por um chipset MediaTek A22 de quatro núcleos, que está desenhado para oferecer uma otimização da bateria, de forma que a bateria do telefone dure um dia inteiro.

O Nokia 2.2 dá aos utilizadores a oportunidade de se expressarem, trazendo de volta o estilo de um smartphone personalizado com capas amovíveis Nokia Xpress. As capas utilizam a mesma nano tecnologia de revestimento para oferecer um visual brilhante de primeira qualidade numa gama de cores vivas. As capas Nokia Xpress-on podem trocar-se facilmente em segundos e estão disponíveis nas cores Rosa Areia, Azul Gelo e Verde Bosque.

Acesso rápido com o botão Google Assistant
O Nokia 2.2 traz o melhor do Google Assistant através de um botão de acesso direto e ao preço mais baixo até ao momento. Coloque questões ao Google Assistant, obtenha indicações, efetue chamadas e diga-lhe que faça as coisas mais rápido que nunca. Ao pressionar uma vez tem acesso imediato ao Google Assistant, e ao pressionar durante mais tempo é possível realizar pedidos mais detalhados e executar múltiplas tarefas.

Telefones Nokia, cada vez melhores
O Nokia 2.2 é o primeiro smartphone Nokia da série 2 que faz parte da família Android One. Com um historial comprovado de oferecer a mais recente experiência de Android e Google em todo o portefólio de smartphones Nokia, o Nokia 2.2 é compatível com Android Q.

Com Android 9 Pie, o Nokia 2.2 oferece acesso a novas ferramentas de bem-estar digital, incluindo um painel de controlo, um temporizador de aplicações, o modo Wind Down e a função “Não incomodar” melhorada. O smartphone ajuda a controlar a utilização do dispositivo e desativa todas as interrupções visuais, o que permite desconectar sempre que desejar. Outras funções como Slices e App Actions antecipam próximos movimentos, oferecendo integração de aplicações e acessos diretos que ajudam a realizar a próxima tarefa mais rapidamente e facilmente do que nunca. Para além disso, a bateria adaptativa limita a utilização da bateria pelas aplicações que são menos utilizadas.

O Nokia 2.2 une-se à gama de smartphones Nokia que fazem parte da família Android One, o que significa que oferece a última versão das inovações Android e as experiências de software associadas. Os telefones Nokia com Android One oferecem uma grande capacidade de armazenamento e duração da bateria desde o primeiro momento, e para além disso, vêm com três anos de atualizações de segurança mensais e duas atualizações do sistema operativo garantidas. À semelhança de todos os smartphones Nokia, o Nokia 2.2 não tem bloatware, nem capas nem alterações de interface de usuário adicionais e processos ocultos que consomem a vida da bateria ou enchem o armazenamento.

Preço e disponibilidade
O Nokia 2.2 já está disponível em Portugal nas versões de 2GB e 16GB em Preto Tungsténio com um PVP recomendado de 129,99€.

topo

Promoções Amazon Prime Day 2019 arrancam hoje

15-07-2019 | 08:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Este ano a Amazon alargou a campanha Prime Day a dois dias - 15 e 16 de Julho - e portanto está na hora de tirarem partido do período de adesão gratuita ao Amazon Prime por 30 dias para usufruírem dos descontos e promoções disponíveis.

As promoções destes Prime Days 2019 são mais que muitas - havendo as ofertas flash, ainda mais apetecíveis, que estão sempre a variar. A única constante é que para poderem dar-lhes uso será necessário serem membros Amazon Prime, o que não é assim tão complicado:

Podem aderir ao Amazon Prime com direito a 30 dias gratuitos (€3.99/mês ou €36/ano após isso, se desejarem manter) o que já permite aproveitar estas promoções e, potencialmente, poupar mais do que o valor anual da adesão ao Amazon Prime.

Algumas das promoções:

Já sabem que nem sempre uma promoção pode ser tão boa quanto se queira fazer passar, e nesses casos nada como um salto ao Keepa, que nos dá acesso ao histórico de preço de cada produto para saber se realmente está a bom preço - e até comparar com o preço noutras lojas da Amazon (Espanha, França, Itália, Alemanha, etc.) para ver se realmente estamos a fazer o melhor negócio.

E não se esqueçam que temos um grupo do FB dedicado às promoções diárias.

topo

Windows 10 a €9 na promoção de Verão da Goodoofer

15-07-2019 | 07:00 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Depois das promoções de Natal e ano novo, temos agora nova oportunidade para apanhar o Windows, Office, software e anti-vírus e outros a preço de saldo na promoção de Verão da Goodoffer.

A Goodoffer24 está a levar a cabo uma mega promoção de Verão, que dá acesso a descontos para todos os seus produtos de software.

Temos um desconto de 25% para a maioria dos produtos de software usando o código: JGM25.

Nos pacotes com Office 2019 podemos ter até 30% de desconto com o código JGO24OFFICE2019.

E por fim, quem quiser reforçar a segurança do seu computador também pode espreitar a nova categoria de antivírus, que também conta com 30% de desconto com o código JGM30.


O processo de compra é bastante simples, bastando ir adicionado os produtos pretendidos ao carrinho de compras, e inserir o código de desconto no campo respectivo antes de prosseguir para o checkout.



É possível fazer o pagamento via PayPal - o que é sempre recomendado como medida de protecção adicional - e que também demonstra que a Goodoffer24 não tem receio de dar essa facilidade aos seus clientes. Um dos nossos leitores disse recentemente que uma das chaves que tinha tentado utilizar (alguns meses após a compra) estava a dizer que era inválida, e que bastou contactar o suporte em info@goodoffer24.com para que rapidamente lhe enviassem uma nova chave, funcional, sem qualquer complicação.

Não se esqueçam que no caso dos Windows 10 e Office, o download continuará a ser feito do site da Microsoft, com a compra a disponibilizar apenas as chaves para activar os produtos:

topo

Manual da Palantir revela o poder do cruzamento de dados

14-07-2019 | 20:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A omnipresença de sistemas como os que vimos em séries de ficção como "Person of Interest" estão cada vez mais próximos da realidade, e a confirmá-lo temos um manual do sistema de recolha de dados da Palantir ao dispor das autoridades norte-americanas.

Há muito tempo que vivemos num mundo de "informação", mas a informação apenas é útil quando pode ser processada e trabalhada. De nada nos serve ter informação sobre todas as chamadas telefónicas no mundo se não tivermos forma de extrair os dados relevantes para aquilo que quisermos procurar, e é precisamente isso que o software da Palantir pode fazer, com muitas mais informação e de muitas mais formas.

O sistema da Palantir consegue ir buscar informação a inúmeras bases de dados, incluindo registos bancários, registos criminais, registos escolares, registos hospitalares, bilhetes de viagens, registos de alojamento, e muito mais. Depois, saber tudo sobre uma pessoa torna-se algo que pode ser feito de forma imediata com alguns cliques. De certa forma, podemos considerar a versão "administrador" das pesquisas que qualquer pessoa pode fazer nas redes sociais para tentar descobrir um pouco mais sobre alguém - mas neste caso actuando como um verdadeiro Big Brother capaz de vasculhar toda a sua vida - e a de pessoas com quem tenha contacto, familiares, amigos ou meros conhecidos. E sem esquecer a parte da geolocalização das matrículas, que revela o histórico por onde andou e quando.

A única diferença face ao Person of Interest é que por agora, tanto quanto se sabe, esta ferramenta está disponível para ser utilizada (e/ou abusada) por agentes da autoridade. Mas, ao melhor estilo das previsões feitas pela ficção científica, parece-me inevitável que um destes dias alguém se lembre de aplicar uma camada de inteligência artificial a tudo isto, para tentar identificar automaticamente os cidadãos suspeitos... se é que isso não está já a ser feito.

topo

Solein da Solar Foods quer ser comida feita a partir do ar

14-07-2019 | 17:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A startup finlandesa Solar Foods quer revolucionar o mundo com uma energia saudável criada a partir de energia solar, água e ar: a Solein.

A ideia pode parecer louca, mas caso se venha a tornar realidade poderá impulsionar a entrada numa nova era alimentar. O processo é idêntico ao da fermentação da cerveja, recorrendo a micróbios que conseguem transformar a água (convertida em dióxido de carbono e hidrogénio usando electricidade) num composto com 50% de proteínas e com aspecto e sabor idêntico à da farinha de trigo.

A Solar Foods diz que este processo é 10 vezes mais eficiente que a produção vegetal (fotosíntese) por hectare e pode ser facilmente multiplicado para produzir as quantidades que forem necessárias, em qualquer ponto do mundo, sem requisitos especiais de infraestrutura. A empresa diz ainda que uma das grandes vantagens do seu sistema é a de conseguirem extrair directamente carbono do dióxido de carbono e convertê-lo em amino-ácidos e proteínas de alta qualidade, sem necessidade de uma fonte de açúcar para os micróbios.

A primeira fábrica é esperar para o final de 2021... e logo ficaremos a saber se terá o impacto que se desejaria que tivesse.

topo

China expande reconhecimento facial a cães

14-07-2019 | 15:29 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Uma empresa chinesa que fornece tecnologia de reconhecimento facial ao programa de vigilância do governo chinês está a expandir as suas capacidades de reconhecimento também aos cães.

A Megvii diz que o seu sistema de reconhecimento facial para cães (que utiliza o seu nariz para os identificar) tem uma precisão de 95%, bastando tirar uma dezena de fotos do nariz de múltiplos ângulos. Aparentemente, o nariz dos cães é suficientemente diferente de cão para cão, ao estilo das impressões digitais nos humanos.

As potencialidades desta tecnologia são imensas, permitindo que uma pessoa que encontre um cão perdido possa encontrar o dono através do "reconhecimento" do nariz do cão; mas tratando-se da China, há também outras vertentes que irão ser exploradas, como identificação de cães que estejam a passear sem trela em espaços públicos, e para identificar os donos "não civilizados" que não apanhem os dejectos dos seus animais.

... Por cá já nem seria preciso tanto, bastava apanhar a quantidade de animais de duas patas que continuam a atirar lixo para a estrada enquanto conduzem (cigarros, caixas de cigarros, restos de fruta, e tudo o mais); ou que continuam a conduzir com o telemóvel encostado à orelha, e rapidamente deixava de existir défice público e podíamos baixar o IVA e IRS para valores mínimos históricos. ;P

topo

Página 1 de 6064

Subscrever

Autores

Disclaimer

O Planet Geek não é responsável pelos seus conteúdos, apenas os replica a partir de cada blog.
Os artigos são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.