Planet Geek

18 de Dezembro, 2017

Passatempo de Natal - Ganha um smartphone com o Apps do Android

18-12-2017 | 11:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Estamos em Dezembro e como não poderia deixar de ser, temos uma tradição para manter. Até final do mês vamos ter quatro passatempos semanais, onde vamos oferecer nada mais nada menos, que quatro smartphones, um por cada semana.




O Geotel A1 é um equipamento de gama de entrada, com processador MediaTek MTK6580, 1GB de RAM e 8GB para armazenamento. Tem como ponto forte a qualidade de construção, isto por um preço muito atractivo.

Para se habilitarem a ganhar este smartphone, basta participarem no passatempo disponível no Gleam, que está aberto para todos que tenham uma morada em Portugal.

Nota: este é um equipamento de testes, pode apresentar algum desgaste e não tem garantia associada.


Passatempo de Natal - Ganha um smartphone com o Apps do Android

topo

DeepCool lança caixa QuadStellar para PCs incomuns

18-12-2017 | 11:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os PCs são habitualmente associados aos "caixotes" que pouco têm evoluído nas últimas décadas, mas a verdade é que um PC não tem que ser assim, e basta olhar para a caixa QuadStellar da DeepCool para o perceber.

Depois da TriStellar, a DeepCool traz-nos a QuadStellar, uma caixa com quatro compartimentos distintos que não só lhe dá um aspecto único como permite uma organização eficiente, mas pouco convencional, dos componentes no seu interior.


Cada um dos compartimentos fica reservado para um conjunto específico. Para além da secção dedicada à motherboard, que pode levar boards E-ATX até 330mm de comprimento, temos uma secção destinada à fonte de alimentação (também "sem limite" de comprimento); uma dedicada aos discos e SSDs, que pode levar até oito discos de 3.5", dois discos de 2.5", e ainda mais três discos de 2.5" na caixa; sendo o último compartimento o mais incomum: um espaço dedicado à instalação de até três placas gráficas em SLI ou CrossFire. Mas, se não desejarem usar este compartimento, terão espaço para montar até quatro placas gráficas na secção principal onde se encontra a motherboard.


O QuadStellar vem equipado com cinco ventoinhas de 120mm pré-instaladas, permitindo a instalação de mais quatro; mas também vem preparado para instalação de radiadores para quem preferir watercooling (um de até 3x120mm e outro de até 2x120mm). Adicione-se a gestão de cablagem que permitirá manter a instalação arrumada e digna de se ver, com iluminação RGB programável... e aqui temos uma caixa de PC de luxo, para quem não se importar de pagar os $399 que irá custar.

topo

Ganha um suporte de smartphone para automóvel

18-12-2017 | 10:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Para este mês de Dezembro preparamos uma dose reforçada de prendas para vos oferecer, e a prenda que temos hoje para dar é um suporte de smartphone para automóvel.


Usar o smartphone no automóvel, como assistente de navegação, requer que o mesmo possa ser posicionado num sítio visível mas que não interfira com a condução em segurança. Por isso, hoje temos para vos oferecer um versátil suporte telescópico que se pode adaptar a todo o tipo de situações, quer se desde fixá-lo no tablier como no pára-brisas, mas perto ou mais distante.

(E não se preocupem, o ponto de apoio inferior é móvel, pelo que podem posicioná-lo num local em que não interfira com a ficha do carregador.)



Para participarem basta responderem à pergunta colocada no formulário, com o vencedor a ser seleccionado aleatoriamente entre as respostas correctas.

Loading...



Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal. O vencedor será contactado por email após o encerramento do passatempo (entre 2-3 de Janeiro).

topo

Huawei Mate 10 Porsche Edition já disponível em Portugal

18-12-2017 | 08:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Em meados de Outubro a Huawei apresentou o Mate 10, disponível em diferentes versões. O Mate 10 Pro foi o escolhido pela Huawei Portugal para o nosso país, mas sabe-se agora que este smartphone vai receber uma companhia de luxo: a versão Porsche Edition que acaba de ficar disponível.

A Porsche Design alarga a sua parceria de prestígio com a inovadora tecnológica Huawei para apresentar o tão esperado HUAWEI Mate 10 Porsche Design.

Sendo o mais exclusivo de todos os smartphones da série Mate 10, combina a estética da Porsche Design com a perícia da engenharia móvel da Huawei. O seu design único, está totalmente revestido por um elegante vidro, e está disponível na cor Diamond Black, luxuosa e exclusiva. Além do seu design distintivo, este smartphone vem com um interface de utilizador especialmente desenvolvido pela Porsche Design, que está disponível em duas versões. Com uma capa de couro de luxo da Porsche Design, destaca a exclusividade. O acabamento elegante e de excelência torna-o na escolha perfeita para os consumidores apreciadores de design e tecnologia.

De acordo com pesquisas feitas em 2016, o utilizador típico de smartphones toca no seu telefone 2617 vezes por dia. Como tal, ambas as marcas partilham um forte compromisso em trazer um design excecional, um aspeto inovador e com tecnologia de ponta para um equipamento que atende um papel tão fundamental no nosso dia a dia. Esta colaboração oferece aos utilizadores mais exigentes uma experiência incomparável e premium com uma velocidade revolucionária, longa duração da bateria e design funcional.


O HUAWEI Mate 10 Porsche Design é muito mais do que um smartphone, utilizando o poder transformador da inteligência artificial (IA) para anunciar o início de uma nova era. Com o processador de Inteligência Artificial dedicado e capacidades de Machine Learning, o HUAWEI Mate 10 Porsche Design é um smartphone super inteligente oferecendo um desempenho superior à velocidade da luz, respondendo a situações do mundo real e aprendendo com o utilizador, permitindo-lhe dar respostas em conformidade. A câmara com lentes Leica, auto-ajuste, fotografias potenciadas com Inteligência Artificial, bem como um modo PRO que permite uma fotografia única para todo o tipo de utilizadores. Este smartphone vem com 6 GB de RAM e 256 GB de ROM, o maior córtex de memória de toda a série HUAWEI Mate 10, ideal para armazenar inúmeras fotos, vídeos e documentos.

As características principais do Porsche Design HUAWEI Mate 10 incluem:
  • Um design verdadeiramente único que enaltece luxo e estilo, graças à estética da assinatura Porsche Design. O design premium atrai até o cliente mais exigente para quem o estilo está em primeiro lugar.
  • Com uma bateria de 4000mAh e um sistema inteligente de gestão de bateria, que aprende com o comportamento do utilizador e aloca recursos de forma inteligente, evita o desperdício de energia e maximiza a vida útil da bateria. A maior bateria, combinada com a tecnologia SuperCharge da Huawei, significa que um único carregamento de 20 minutos pode fornecer bateria para um dia inteiro, tornando este smartphone ideal para aqueles que o utilizam constantemente. Além disso, a unidade de processamento neural gere o consumo de energia e a alocação de recursos, dependendo da sua utilização.
  • O ecrã FullView da HUAWEI permite que os utilizadores usufruam de qualidade premium nos filmes e fotografias captados pela tecnologia inteligente. Um novo e deslumbrante ecrã de 6 polegadas com relação de 18:9, e tecnologia HDR10 possibilita uma experiência de visualização intensa com cores mais brilhantes. Este ecrã impressionante suporta um modo e ecrã dividido, permitindo que os utilizadores executem duas aplicações lado a lado.
  • O design de vidro curvo 3D, a minimização das margens e o acabamento à prova de dedadas resultam num objeto bonito e ergonómico que é forte o suficiente para resistir ao desgaste diário. Estes recursos tornam o HUAWEI Mate 10 Porsche Design ideal para o utilizador apreciador do design, para quem a estética é tão importante quanto o desempenho.
  • A tecnologia Easy Talk faz com que, por mais baixo que fale, no HUAWEI Mate 10 Porsche Design seja ouvido claramente na outra extremidade. A tecnologia IA aumentará o volume das chamadas, enquanto chamadas barulhentas são transformadas em conversas de alta qualidade com a eliminação de ruído ambiente.
  • O tradutor pré-instalador traduz instantaneamente texto, voz, conversas e imagens em mais de 50 idiomas. Um sensor de impressões digital está escondido discretamente na parte de trás do smartphone por segurança e facilidade de uso.

Co-fabricado com a reconhecida marca de máquinas fotográficas profissionais e especialista em óptica a Leica Camera, o HUAWEI Mate 10 Porsche Design garante uma fotografia de nível profissional. O sensor RGB de 12 megapixéis e o sensor monocromático de 20 megapixéis com lentes duplas de abertura f / 1.6, juntamente com os recursos de IA da Huawei, permitem fotografias de alta qualidade.

Potenciado pela tecnologia de IA, a câmara eleva a fotografia, de artística a inteligente, identificando diferentes cenários em tempo real - como plantas, neve, praia e retrato. Ajusta automaticamente a cor, o contraste, o brilho e a exposição para produzir fotografias vibrantes, nítidas. Com o efeito Bokeh alimentado por IA, consegue focar o objecto e desfocar o fundo e editar posteriormente o ponto de foco para retratos e selfies perfeitas

O HUAWEI Mate 10 Porsche Design, com um elegante design, leva o smartphone a um novo nível de inteligência. O equipamento processa a informação mais rapidamente do que nunca, pensando de forma rápida e inteligente e aprendendo os hábitos do utilizador para se tornar uma extensão dele; mais rápido, mais confiável e mais duradouro, ajuda-o a executar no seu melhor. Não é apenas mais um smartphone, mas sim uma máquina inteligente.

Preço e Disponibilidade

O Porsche Design HUAWEI Mate 10 é vendido na Europa por €1395 e está disponível nas lojas Porsche Design e online www.porsche-design.com.

topo

Amazon vai vender Chromecast e Apple TV

17-12-2017 | 21:13 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A guerra entre Google e Amazon pode estar prestes a chegar ao fim, pelo menos no que diz respeito à venda de produtos como o Chromecast, e também a Apple TV.

As birras entre os dois gigantes norte-americanos começava a atingir proporções ridículas, com a Google a bloquear o acesso ao YouTube no Echo Show, e a Amazon - que removeu os Chomecasts e Apple TV das suas vendas há dois anos, para promover os seus próprios Fire TV - a chegar ao ponto de trocar os pedidos de compra de Chromecasts feitos via Alexa por Fire TV.

Começava a ser uma palhaçada que nem os clientes estariam dispostos a aturar, e felizmente parece que a Amazon dá o primeiro passo no sentido de resolver a situação, retomando a venda dos Chromecasts e Apple TV. As páginas dos produtos já surgem na Amazon dos EUA mas ainda como indisponíveis e sem indicação de preço... esperando-se que seja apenas uma questão de tempo até que fiquem à disposição dos clientes.

... Um bonito gesto condizente com o espírito natalício da época... Esperemos que surta um efeito duradouro que se prolongue pelos próximos anos. Já nos chega a ameaça do fim da neutralidade da net, não será preciso ter também a Amazon a relembrar-nos que não há "neutralidade" nas vendas...

topo

Tesla Model S ganha versão carrinha - mas não oficial

17-12-2017 | 18:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Há muito que os fãs pedem que a Tesla lance uma carrinha a par da sua gama actual dos Model S, Model X e Model 3, e aqui está ela... mas não nos chegando pelas mãos da Tesla.

O que se passa é que esta carrinha Tesla é uma obra de transformação feita sobre um Tesla Model S, mas isso não a impede de resultar numa veículo bastante interessante e bem proporcionado (só não concordo com a designação shooting-break, pois parece-me que isso se devia aplicar apenas às carrinhas com três portas, ou que, tendo cinco portas, apresentasse um perfil mais desportivo na traseira, ao estilo do Mercedes CLS Shooting Break - e neste Tesla Model S, parece-me ficar mais próximo duma carrinha convencional.)

Mas pronto, opiniões à parte... eis que ficamos com um Tesla carrinha... por um preço que deverá ser ainda menos convidativo que um Model S novo.

... Por outro lado, até é bom ver que isto não está a ser feito oficialmente pela Tesla; eles já têm coisas suficientes com que se preocupar, como tentar recuperar dos atrasos de produção do Model 3. :P Caso estejam interessados, o plano é de produzir apenas 20 destas carrinhas transformadas, com entregas agendadas para começar em Março de 2018. O preço não foi indicado... mas deve ser suficiente para comprar quase dois Model S... digo eu.

topo

Blue Origin leva manequim até ao espaço

17-12-2017 | 16:33 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Embora sem o mediatismo da SpaceX e Elon Musk, a Blue Origin de Jeff Bezos também está bem encaminhada na sua missão de levar turistas até ao espaço, tendo agora demonstrado como isso seria... usando um manequim.

Há mais de um ano que a Blue Origin não fazia um lançamento, mas a demora parece ter compensado, com o seu foguete New Shepard a ter concretizado com sucesso a missão de levar a cápsula e passageiro (apropriadamente chamado de "Mannequin Skywalker") até ao espaço e fazendo-o regressar são e salvo.

São apenas 11 minutos que se poderão equiparar à de uma viagem num parque de diversões... mas com bilhetes certamente bastante mais caros, e com maior potencial para que algo corra mal. Ainda assim, será fácil imaginar que, demonstrando-se a capacidade de fazer tais lançamentos de forma segura, não haverá falta de interessados em embarcar nesta viagem única de uma vida - nem que seja como uma pequeno "molhar o pé" naquele grande universo misterioso que nos rodeia por todos os lados.

Se tudo correr bem, as primeiras viagens com passageiros poderão começar já em 2019... e depois é esperar que a concorrência entre SpaceX e Blue Origin possa fazer com que os preços dos bilhetes espaciais venha para valores considerados aceitáveis. (E ainda temos a Virgin também a lutar por isso.)

Por via das dúvidas, é melhor comprar uns Bitcoins (que novamente chegaram a máximos históricos). Pode ser que nessa altura já permitam comprar vários bilhetes para estas viagens espaciais, ou até reservar uma suite no primeiro hotel espacial... :)


topo

Android já deixa converter chamadas de voz em videochamadas do Duo

17-12-2017 | 16:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Fazer uma chamada de voz e convertê-la numa videochamada torna-se bastante mais prático de fazer com a última actualização do dialer da Google para Android.



Não é segredo que a Google tem uma grande "salgalhada" de apps de mensagens e video-chamadas, que vão do velhinho Hangouts aos Duo e Allo, passando pela sua app de SMS, por vezes integrada numas apps, outras vezes noutras... enfim... o que falta é por tudo em ordem para que o utilizador saiba o que deve utilizar, e parece que finalmente a Google começa a dar passos nesse sentido.

Com a última actualização do dialer para Android, quando se está a meio de uma chamada, para além das opções habituais de desligar, mudar para alta-voz, fazer mute, etc. passamos a ter também uma opção de videochamada, que na prática lança o Duo da Google.

O Duo é uma excelente app de videochamada (a sério que é, experimentem-na) mas a verdade é que eu próprio sou obrigado a confessar que raramente a uso. Por um lado, por raramente fazer video-chamadas, mas mesmo que as tivesse que fazer mais depressa utilizaria o Hangouts do que o Duo (e quem estiver a usar iOS, tem o seu FaceTime e não precisa de mais nada).

Vamos lá ver se meter o botão da videochamada mesmo à frente dos olhos durante as chamadas ajudará a dar mais visibilidade ao Duo e a cativar mais utilizadores. Afinal, o Messenger do Facebook duplicou o número de videochamadas este ano... é sinal que há interesse neste tipo de comunicações.

Publicado originalmente no AadM

topo

Google ajuda a descobrir novo planeta a 2500 anos luz

17-12-2017 | 14:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Não é fácil descobrir planetas a milhares de anos luz de distância, mas felizmente as ferramentas digitais têm-se tornado cada vez melhores e, graças à ajuda da inteligência artificial da Google, astrónomos descobriram um planeta que tinha passado despercebido.

A descoberta desde novo planeta num sistema solar a cerca de 2500 anos luz de distância não só é significativa por demonstrar que começamos a ter ferramentas de inteligência artificial capazes de superar as capacidades humanas, como se torna particularmente importante por fazer com que este sistema Kepler-90 iguale o número de planetas do nosso próprio sistema solar.


Embora em número de planetas este sistema seja idêntico ao nosso, as semelhanças ficam-se por aí, já que todos estes planetas orbitam o seu sol em órbitas muito mais próximas que as nossas: 7 dos 8 planetas do Kepler-90 estão mais próximo da sua estrela do que a distância da nossa própria Terra ao Sol.

Resta agora aplicar estes mesmos sistemas de inteligência artificial aos milhões de imagens que recolhemos do universo, para potencialmente descobrirem outras preciosidades que poderiam ter passado despercebidas aos olhos humanos ou que nem sequer tinham ainda sido analisadas.




topo

Utilizadores de Firefox indignados com extensão instalada automaticamente pela Mozilla

17-12-2017 | 12:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Aquilo que pretendia ser uma acção de promoção do Mr. Robot, série que alerta para os perigos da actividade digital, acabou por ser ela própria um dos abusos que deveriam ser evitados.

Muitos utilizadores do Firefox ficaram assustados ao depararem-se com uma extensão que foi instalada automaticamente nos seus browsers sem qualquer explicação, e cujo nome "Looking Glass" e descrição inicial de "My reality is just different than yours" apenas serviam para adicionar mais suspeitas de que fosse qualquer coisas indevida e indesejável - potencialmente malware ou spyware.


Na realidade, não se trata de uma extensão maliciosa, mas sim uma acção de promoção à série Mr. Robot, mas que a Mozilla, na ânsia de fazer com que chegasse a todos os utilizadores, acabou por se esquecer de que isto é um grave abuso da confiança dos seus utilizadores - mesmo tendo em conta que a extensão só ficaria activa depois dos utilizadores darem o seu consentimento.

Não faltaram utilizadores a reclamar fortemente nas redes sociais, referindo que, por muito popular que a série seja, muitos milhões de utilizadores do Firefox não verão a série e não terão qualquer interesse nisto (mesmo que a Mozilla se tivesse dado ao trabalho de explicar do que se tratava). Entre eles estavam incluídos diversos funcionários da própria Mozilla, que literalmente desabafavam dizendo: "mas em que é que a direcção estaria a pensar para aprovar algo assim?"

Como bem sabemos, conquistar a confiança das pessoas é algo que demora anos... mas perder essa confiança é algo que pode acontecer num instante. Com este episódio, a Mozilla já terá caído bastante nesse nível de confiança com os utilizadores dos seus produtos... e será melhor que demonstre ter aprendido com este erro e não cometa outra argolada nos próximos tempos.

topo

Como o Tesla Roadster irá fazer 0-100Km/h em 1.9 segundos

17-12-2017 | 11:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O impressionante Tesla Roadster que a Tesla está a prometer para 2020 vem com a indicação de que irá acelerar dos 0 aos 100Km/h em apenas 1.9 segundos; mas... será isso possível para um carro de produção?

A pergunta torna-se pertinente quando, segundo vários cálculos sobre a eventual aceleração máxima possível num automóvel, esse valor teórico seria de 2.05 segundos. Daí que o valor de 1.9 segundos pareça ser demasiado optimista... mas que ainda assim poderá ser possível, como nos explica o canal Engineering Explained.

O valor de 2.05 segundos tinha sido obtido usando por base a velocidade de travagem com ABS mais rápida, que assim nos dá um valor de referência da capacidade máxima de tracção dos pneus - se um pneu não consegue "segurar" um carro também não teria mais capacidade que isso para o acelerar. Mas, mesmo com esse valor, há várias optimizações que a Tesla pode usar e permitiriam poupar algumas décimas de segundo, o que lhes permitiria manter a sua promessa.

Podem ver as questões (técnicas) no vídeo que se segue... mas respostas concretas só teremos lá para 2020... se Elon Musk não se atrasar na produção deste Roadster.



topo

Ganha um microSD SanDisk de 128GB

17-12-2017 | 10:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Para este mês de Dezembro preparamos uma dose reforçada de prendas para vos oferecer, e a prenda que temos hoje para dar é um microSD SanDisk de 128GB.


Quer seja no smartphone, numa câmara digital, numa dash-cam no automóvel, ou numa câmara de vigilância, ter mais memória à disposição é sempre uma daquelas coisas que se aprecia - especialmente quando nos evita ter lidar com os erros de "memória cheia" nos momentos mais inconvenientes. Por isso, hoje temos para oferecer um cartão de memória SanDisk Ultra de 128GB.


Para participarem basta responderem à pergunta colocada no formulário, com o vencedor a ser seleccionado aleatoriamente entre as respostas correctas.

Passatempo encerrado: Fica atento à próxima prenda deste Natal ou aos próximos passatempos.

Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal. O vencedor será contactado por email após o encerramento do passatempo (entre 2-3 de Janeiro).

topo

Corsair lança kit DDR4-4000 SO-DIMM de 32GB... por €615

17-12-2017 | 09:15 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Ter memória RAM com fartura é algo que alguns utilizadores não dispensam, e a Corsair dá resposta a quem tem condicionantes acrescidas, de querer combinar velocidade com o tamanho reduzido das SO-DIMM.

Os fãs dos computadores com muita memória não têm tido sorte nos últimos anos, pois o preço das memórias não tem baixado ao ritmo que o material informático costuma descer... muito pelo contrário, até tem subido consideravelmente. No entanto, as coisas complicam-se ainda mais quando se quer colocar 64GB de memória em formato SO-DIMM e com DDR4-4000; felizmente, a Corsair tem a solução, com as suas Corsair Vengeance 32 GB (4x 8GB) quad-channel SO-DIMM DDR4-4000 (CMSX32GX4M4X4000C19).

... Mas há dois aspectos que é preciso ter em conta: o primeiro é o de que este kit custa 615 euros(!); o segundo, é o de que apenas funciona na motherboard ASRock X299E-ITX/ac.


Bem, quanto ao preço não se pode dizer que seja surpreendente, pois quem for para as DIMMs DDR4 "normais" e escolher as Dominator Platinum Series 32GB (4 x 8GB) DDR4 DRAM 4000MHz também estará a olhar para um preço de 675 euros. E por outro lado, quem estiver disposto a gastar isto em memórias, também não se importará muito com o facto de ter que comprar uma motherboard específica para tirar partido delas.

... Só fico à espera de ver estas mesmas memórias serem aplicadas  módulos de 16GB, pois isto permitiria ter 64GB de memória DDR4-4000 nestes mesmos sistemas mini-ITX e, mais importante ainda, também nas motherboards convencionais com os módulo DIMM normais (e neste caso, podendo-se ir até aos 128GB nas motherboards com 8 sockets... desde que não haja limites de orçamento - para referência, as Dominator Platinum Series 128GB (8 x 16GB) DDR4 DRAM 3200MHz C16 já são coisa para custar 2085 euros, pelo que o valor das 4000Mhz seria seguramente para cima deste valor.

É pena, eu sempre fui fã de meter o máximo possível de RAM num computador (e grande fã dos RAM disks, que ainda hoje utilizo) e imaginava que por esta altura já se pudesse ter 64GB ou 128GB a preços acessíveis. Infelizmente, não é o caso: mesmo indo para as mais baratas memórias DDR4 da Corsair, meter 32GB de memória vai para valores perto dos 500 euros... Definitivamente pouco convidativo para a maioria das pessoas.

topo

Primeiras imagens do Galaxy S9 aparecem sem câmara dupla

16-12-2017 | 21:12 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Fevereiro deverá ser um mês escaldante em termos tecnológicos, com muitos fabricantes a aproveitarem o MWC de Barcelona para nos darem a conhecer os seus novos modelos, e um deles deverá o ser o Galaxy S9 da Samsung.

Ao contrário do que se chegou a pensar, já sabemos que ainda não será neste Galaxy S9 que iremos ter o sensor de impressões digitais no ecrã (que afinal irá ser estreado num smartphone da Vivo). Assim sendo, e face à utilização dos ecrãs Full View, este sensor continuará a ficar posicionado na traseira do equipamento.

Espera-se no entanto, que a Samsung opte por alterar a localização deste, abandonando o local junto à câmara, para passar a utilizar uma zona central, mais abaixo, como é comum ver nos smartphones com sensor da traseira do equipamento.



No render agora publicado, temos efectivamente esta alteração e tendo em conta que a informação nos chega pela mão do @OnLeaks, o seu grau de fiabilidade é bastante elevado. É certo que a mudança não foi ainda aquela que se desejava, mas pelo menos sempre se passará a contar com o sensor numa zona mais central e de acesso mais cómodo... Isto, a não ser que a Samsung reserve alguma surpresa de última hora.

De resto, as alterações face ao anterior S8 são reduzidas, apenas com uma potencial redução das margens na parte inferior do ecrã e, aparentemente, mantendo-se uma única câmara na traseira, o que poderá ser uma desilusão para os que esperavam ver uma câmara dupla.

A grande questão é saber se estas alterações serão suficientes para atrair utilizadores para este novo modelo... ou se são tão reduzidas que muitos interessados poderão continuar a optar pelo Galaxy S8, que neste momento já se pode encontrar por cerca de 560 euros e que seguramente baixará ainda mais de preço assim que este Galaxy S9 chegar.

topo

Interruptor touch "OnOfre" para substituir os interruptores de parede

16-12-2017 | 18:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quando se começa a dar inteligência às casas rapidamente se chega ao ponto de ter que lidar com os interruptores de parede. Este OnOfre, criado pelo Bruno Horta, é um módulo inteligente que mantém o aspecto exterior dos mesmos, mas troca a sua actuação físico por actuação touch (e com actuação remota também).

O BH OnOfre é um pequeno módulo que recorre ao nosso bem conhecido ESP8266 para criar um interruptor touch inteligente que pode ser integrado no Home Assistant (ou outros sistemas com MQTT) e que tem a vantagem de ter um tamanho bastante compacto que lhe permite ser integrado na caixa do interruptor, facilitando a sua instalação.

Seria fácil manter a comutação local do mesmo usando o movimento tradicional do interruptor, mas neste caso troca-se isso por um pequeno sensor touch que detecta os toques feitos através do plástico do interruptor, dando um "toque" de maior modernidade e também eliminando o desgaste mecânico (e neste caso torna-se necessário, para eliminar o volume ocupado pelo sistema de modo a permitir a instalação do OnOfre - embora fique o desafio de se criar um micro-modulo ainda mais compacto, ao estilo dos X10 e Z-Wave, que pudesse ser instalado atrás do interruptor convencional. :)

Um excelente projecto open-source que nos mostra que em Portugal não faltam makers cheios de ideias a fazerem coisas boas e a partilharem-nas. Se se interessam por estes assuntos, ficam convidados a juntarem-se ao grupo Movimento Maker Portugal no Facebook, onde o Bruno Horta está a uma mensagem de distância.




Este era uma das primeiras versões, ainda sem o módulo completo que vemos nos vídeos acima, mas que já permitirá ficar com uma ideia de como fica o resultado final.

topo

Iluminação LED para armários

16-12-2017 | 16:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Querem adicionar iluminação a um armário mas não querem ter trabalho a fazer furos ou passar cabos? Que tal uns pequenos e económicos módulos que basta encaixar sobre as dobradiças e que tratam de tudo?

Este pequenos módulos LED para dobradiças são aquilo que muitas pessoas poderiam desejar há muito para os seus armários, permitindo adicionar facilmente luz onde quer que seja preciso, em poucos minutos e com trabalho reduzido.

Este módulos foram concebidos para encaixarem directamente sobre as dobradiças usadas na porta dos armários, tendo um pequeno braço que actua como interruptor mecânico que apaga a luz quando a porta é fechada, assim evitando esquecimentos. Precisamente por isso, e imaginando que não têm por hábito deixar as portas dos armários abertas durante longos períodos de tempo, podemos esperar uma autonomia bem prolongada da pilha de 12V que alimenta cada um destes pequenos módulos.



A melhor parte é que estes módulos ficam a um preço ridiculamente reduzido, de 8 euros por um lote de 10 (já com pilhas), o que significa que cada módulo fica por apenas 80 cêntimos!

Digam-me lá se arranjam solução mais económica e mais fácil de aplicar, para levar luz até ao interior de qualquer armário. :)


Actualização: têm aqui um que fica ainda mais barato a 7 euros e que permite escolher se querem branco quente ou branco frio.

topo

França vai proibir uso de telemóveis nas escolas

16-12-2017 | 16:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Cumprindo uma das suas promessas eleitorais, em França vai ser proibido que as crianças utilizem telemóveis e smartphones nas escolas, tanto nas salas de aulas como nos recreios, a partir de Setembro do próximo ano.


A medida, como se pode entender, está a gerar polémica entre pais, alunos e professores; sendo que, se por um lado há escolas que já proibiam o uso de smartphones, por outro lado há quem coloque questões de ordem prática, de como é que esta medida irá ser implementada.

Muitos pais referem que os seus filhos levam os seus smartphones para a escola e pretendem que assim continuem a fazer, como forma de se manterem contactáveis até que cheguem à escola e após dela saírem; por isso, como é que todo este processo de proibição irá ser feito? Irão os smartphones ser recolhidos à entrada e entregues à saída? Onde e como serão guardados? Ou será permitido aos alunos mantê-los consigo - e nesse caso, como é que poderão garantir que não serão usados, e/ou que castigos serão dados a quem infringir as regras?

Para um local onde o objectivo é "educar", penso que implementar proibições intransigentes não será a melhor forma de lidar com um problema que será, acima de tudo, educativo. De resto, proibir a utilização do smartphone durante o dia poderá ter como efeito torná-lo ainda mais apetecível para ser usado (em demasia) fora da escola, em jeito de "compensação". Para além de que, poderá ser um pouco hipócrita que se pretenda limitar o uso dos smartphones entre as crianças, quando depois são os adultos que passam todo o tempo com a cabeça enfiada nos smartphones, mesmo quando estão no café ou no restaurante com amigos, ou até mesmo durante o jantar em família...

Mas pronto, trata-se de França, terra que promove a Liberdade... desde que seja aquela que sejam eles a ditar...

Publicado originalmente no AadM

topo

Investigadores fazem jailbreak do mais recente iOS 11.2.1

16-12-2017 | 14:26 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Numa altura em que se pensava que a era dos jailbreaks no iOS já teria chegado ao fim, eis que um grupo de investigadores vem revelar que afinal ainda é possível... mesmo na mais recente versão do iOS (11.2.1) da Apple.

Ao contrário do que seria de esperar, desta vez o jailbreak foi feito por investigadores de segurança do Pandora Labs do Alibaba, e que confirma que o seu recém-descoberto jailbreak do iOS 11.2 se mantém mesmo para a mais recente actualização 11.2.1. Uma descoberta que pode indicar que conseguir estes jailbreaks é uma tarefa bastante mais complicada do que era para versões anteriores do iOS... ou que os grupos que se dedicavam a estas tarefas poderão estar mais interessadas em vender as vulnerabilidades que descobrem do que revelá-las publicamente para permitir a criação de ferramentas de jailbreak.

Como seria de esperar estes investigadores não vão revelar publicamente as falhas que utilizaram, mas alguns dos detalhes que referem poderão servir de ajuda para que aqueles que ainda se dedicam a este trabalho possam replicar os seus resultados e disponibilizar uma ferramenta de jailbreak untethered, possibilitando ter um iPhone X com jailbreak ou, não menos interessante, aplicá-lo também à mais recente Apple TV.

Ainda assim, e conforme indicado no artigo referido no início, o interesse no jailbreak tem caído a pique nos últimos anos pelo que, mesmo sendo possível, suspeito que serão cada vez menos aqueles que se irão arriscar a fazê-lo nos seus iPhones, iPads, ou Apple TVs...

topo

Dept. de Saúde da Califórnia recomenda manter telemóveis afastados do corpo

16-12-2017 | 12:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O tema dos potenciais riscos de saúde causados pelos telemóveis volta a surgir, com o Departamento de Saúde Pública da Califórnia a recomendar que não se mantenham estes equipamentos junto ao corpo, com base num estudo que aponta riscos sério de saúde devido a essa proximidade.

Embora até ao momento ainda não tenha havido nenhum estudo que definitivamente demonstra os riscos de saúde dos telemóveis, a verdade é que não faltam exemplos passados de como muitos efeitos nocivos de outros produtos foram deliberadamente escondidos do público durante décadas (como os flagrantes casos do tabaco e da gasolina com chumbo). Há quem alerte que é apenas uma questão de tempo até que as emissões dos telemóveis também sejam tratadas da mesma forma... sendo por isso importante começar a minimizar esses riscos desde já.

Uma vez que a potência das ondas de rádio se reduz de forma exponencial, o ideal será manter os telemóveis / smartphones afastados do nosso corpo o mais possível, sendo que todos os centímetros contam. A recomendação do Departamento de Saúde Pública da Califórnia é a de que não se mantenham os telemóveis encostados directamente ao corpo, que se evitem fazer chamadas com o telemóvel encostado à orelha - especialmente quando se está numa zona com pouca rede, em que a potência das emissões será mais elevada - e também não manter o smartphone na mesa de cabeceira enquanto se dorme.

A recomendação aplica-se ainda mais às crianças, que vão tendo contacto com estes produtos cada vez mais cedo, e muitas vezes com tendência para falarem durante horas e horas ao telemóvel com os amigos. Neste caso, será importante definir limites, e será mais adequado falarem com os amigos usando mensagens, ou usando o alta-voz.

Que será complicado evitar o uso dos telemóveis e smartphones mesmo que se venha a demonstrar que existem riscos sérios, isso já todos sabemos; mas isso não impede que se possam tomar o máximo de precauções e reduzir essa exposição ao mínimo desde já...

topo

[Grátis] Star Wars Pinball 5

16-12-2017 | 11:35 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Com a chegada aos cinemas de mais um filme Star Wars, nada melhor que um jogo desta saga à borla na Play Store.


O Star Wars Pinball 5 já não é um jogo novo e até já esteve gratuito em Maio, mas agora, com a chegada ao grande ecrã do novo Star Wars - Os Últimos Jedi, este jogo de pinball volta a estar gratuito por tempo limitado.


Portanto, se são fãs da saga Star Wars e gostam de pinball, nada como aproveitar a oportunidade para jogar este Star Wars Pinball 5 completamente à borla.



topo

Como usar um controlo remoto Philips Hue como interruptor de parede

16-12-2017 | 11:31 | A Minha Alegre Casinha | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


No processo de automação das casas nem sempre é fácil compatibilizar os interruptores manuais tradicionais com as lâmpadas inteligentes, mas há casos em que a coisa pode ficar resolvida com um simples adaptador.

Ainda recentemente vimos como transformar um sensor de portas da Xiaomi em interruptor de parede; mas desta vez nem sequer será preciso pegar num ferro de soldar. Quem optar por utilizar lâmpadas Hue poderá utilizá-las como lâmpadas convencionais, mas ficará com o habitual problema de todas as lâmpadas inteligentes instaladas em circuitos tradicionais: quando tiverem a lâmpada desligada no interruptor de parede, deixam de a poder controlar remotamente.

No caso das Philips Hue, para além das automações e app, também é possível controlar as lâmpadas através de um controlo remoto. Daí que uma solução simples e eficaz consiste em simplesmente aplicar o controlo remoto sobre o interruptor de parede já existente usando um adaptador impresso em 3D e alguns imanes.


Neste caso o adaptador foi criado para ficar por cima dos interruptores de parede normalmente utilizados no Reino Unido, mas nada nos impede de criar um à medida dos interruptores que tivermos por casa. Sendo que a vantagem é "não se estragar nada" nem ter que andar a mexer na instalação eléctrica - e continuando a dar acesso fácil ao interruptor físico tradicional caso seja necessário.

Com as impressoras 3D a terem preços próximos dos 100 euros, já não é nada que esteja fora do alcance da maioria dos entusiastas (sendo que em alternativa podem mandar imprimir as peças que necessitarem em sites que providenciam esses serviços online).

topo

DJI partilha hyperlapses voadores

16-12-2017 | 11:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Filmagens em timelapse no solo já são, por si só espectaculares, mas quando se combinam os hyperlapses com drones e uma pitada de efeitos digitais, os resultados podem ser... de outro mundo.

Qualquer pessoa pode pegar num drone e fazer umas filmagens aéreas, mas a verdade é que - tal como acontece com uma câmara fotográfica ou de vídeo no solo - há quem consiga criar sequências que vão para além daquilo que a maioria dos mortais conseguiria fazer. É esse o caso de Rufus Blackwell que se tem especializados em timelapses e hyperlapses, e que com a ajuda dos drones da DJI nos dá inspiração para também irmos mais além na nossa ambição de fazer vídeos mais cativantes. :)

Simplesmente espectacular o que este senhor faz.


topo

Ganha um Oukitel C8

16-12-2017 | 10:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Para este mês de Dezembro preparamos uma dose reforçada de prendas para vos oferecer, e a prenda que temos hoje para dar é um smartphone Oukitel C8.
Temos que agradecer a fabricantes como a Oukitel trazerem para o mercado smartphones cada vez melhores a preços cada vez mais reduzidos, e é isso que nos possibilita hoje termos para oferecer um destes Oukitel C8.

O Oukitel C8 vem com ecrã 18:9 de 5.5" (1280x640), CPU MTK6580A quad-core, 2GB de RAM, 16GB, câmara de 8MP e 2MP (interpolada para 13MP e 5MP), sensor de impressoões digitais na traseira, dual SIM, Android 7.0 e bateria de 3000mAh.



Custando apenas 61 euros... é daqueles smartphone "estilo Galaxy S8" que parece demasiado bom para ser verdade, mas que para o vencedor deste nosso passa tempo será mesmo o melhor smartphone do mundo em relação valor qualidade/preço! :)



Para participarem basta responderem à pergunta colocada no formulário, com o vencedor a ser seleccionado aleatoriamente entre as respostas correctas.

Passatempo encerrado: Fica atento à próxima prenda deste Natal ou aos próximos passatempos.

Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal. O vencedor será contactado por email após o encerramento do passatempo (entre 2-3 de Janeiro).

topo

Huawei anuncia chegada do Mate 10 Porsche Edition a Portugal

16-12-2017 | 09:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Em meados de Outubro, a Huawei apresentou em Munique o seu novo topo de gama, o Mate 10, que como tem vindo a ser habitual, está disponível em diferentes configurações. O Mate 10 Pro foi o escolhido pela Huawei Portugal para o nosso país, mas sabe-se agora que este smartphone vai receber uma companhia de luxo. A marca chinesa acaba de anunciar a chegada da versão Porsche Edition a terras lusas, elevando ainda mais a exclusividade deste produto.


A Porsche Design alarga a sua parceria de prestígio com a inovadora tecnológica Huawei para apresentar o tão esperado HUAWEI Mate 10 Porsche Design.


Sendo o mais exclusivo de todos os smartphones da série Mate 10, combina a estética da Porsche Design com a perícia da engenharia móvel da Huawei. O seu design único, está totalmente revestido por um elegante vidro, e está disponível na cor Diamond Black, luxuosa e exclusiva. Além do seu design distintivo, este smartphone vem com um interface de utilizador especialmente desenvolvido pela Porsche Design, que está disponível em duas versões. Com uma capa de couro de luxo da Porsche Design, destaca a exclusividade. O acabamento elegante e de excelência torna-o na escolha perfeita para os consumidores apreciadores de design e tecnologia.  


De acordo com pesquisas publicadas em julho de 2016¹, o utilizador típico de smartphones toca no seu telefone 2,617 vezes por dia. Como tal, ambas as marcas partilham um forte compromisso em trazer um design excecional, um aspeto inovador e com tecnologia de ponta para um equipamento que atende um papel tão fundamental no nosso dia a dia. Esta colaboração oferece aos utilizadores mais exigentes uma experiência incomparável e premium com uma velocidade revolucionária, longa duração da bateria e design funcional.




O HUAWEI Mate 10 Porsche Design é muito mais do que um smartphone, utilizando o poder transformador da inteligência artificial (IA) para anunciar o início de uma nova era. Com o processador de Inteligência Artificial dedicado e capacidades de Machine Learning, o HUAWEI Mate 10 Porsche Design é um smartphone super inteligente oferecendo um desempenho superior à velocidade da luz, respondendo a situações do mundo real e aprendendo com o utilizador, permitindo-lhe dar respostas em conformidade. A câmara com lentes Leica, auto-ajuste, fotografias potenciadas com Inteligência Artificial, bem como um modo PRO que permite uma fotografia única para todo o tipo de utilizadores. Este smartphone vem com 6 GB de RAM e 256 GB de ROM, o maior córtex de memória de toda a série HUAWEI Mate 10, ideal para armazenar inúmeras fotos, vídeos e documentos.


As características principais do Porsche Design HUAWEI Mate 10 incluem:


      Um design verdadeiramente único que enaltece luxo e estilo, graças à estética da assinatura Porsche Design. O design premium atrai até o cliente mais exigente para quem o estilo está em primeiro lugar.


      Com uma bateria de 4000mAh e um sistema inteligente de gestão de bateria, que aprende com o comportamento do utilizador e aloca recursos de forma inteligente, evita o desperdício de energia e maximiza a vida útil da bateria. A maior bateria, combinada com a tecnologia SuperCharge da Huawei, significa que um único carregamento de 20 minutos pode fornecer bateria para um dia inteiro, tornando este smartphone ideal para aqueles que o utilizam constantemente. Além disso, a unidade de processamento neural gere o consumo de energia e a alocação de recursos, dependendo da sua utilização.


      O ecrã FullView da HUAWEI permite que os utilizadores usufruam de qualidade premium nos filmes e fotografias captados pela tecnologia inteligente. Um novo e deslumbrante ecrã de 6 polegadas com relação de 18:9, e tecnologia HDR10 possibilita uma experiência de visualização intensa com cores mais brilhantes. Este ecrã impressionante suporta um modo e ecrã dividido, permitindo que os utilizadores executem duas aplicações lado a lado.


      O design de vidro curvo 3D, a minimização das margens e o acabamento à prova de dedadas resultam num objeto bonito e ergonómico que é forte o suficiente para resistir ao desgaste diário. Estes recursos tornam o HUAWEI Mate 10 Porsche Design ideal para o utilizador apreciador do design, para quem a estética é tão importante quanto o desempenho.


      A tecnologia Easy Talk faz com que, por mais baixo que fale, no HUAWEI Mate 10 Porsche Design seja ouvido claramente na outra extremidade. A tecnologia IA aumentará o volume das chamadas, enquanto chamadas barulhentas são transformadas em conversas de alta qualidade com a eliminação de ruído ambiente.


      O tradutor pré-instalador traduz instantaneamente texto, voz, conversas e imagens em mais de 50 idiomas. Um sensor de impressões digital está escondido discretamente na parte de trás do smartphone por segurança e facilidade de uso.


Co-fabricado com a reconhecida marca de máquinas fotográficas profissionais e especialista em óptica a Leica Camera, o HUAWEI Mate 10 Porsche Design garante uma fotografia de nível profissional. O sensor RGB de 12 megapixéis e o sensor monocromático de 20 megapixéis com lentes duplas de abertura f / 1.6, juntamente com os recursos de IA da Huawei, permitem fotografias de alta qualidade.


Potenciado pela tecnologia de IA, a câmara eleva a fotografia, de artística a inteligente, identificando diferentes cenários em tempo real - como plantas, neve, praia e retrato. Ajusta automaticamente a cor, o contraste, o brilho e a exposição para produzir fotografias vibrantes, nítidas. Com o efeito Bokeh alimentado por IA, consegue focar o objecto e desfocar o fundo e editar posteriormente o ponto de foco para retratos e selfies perfeitas


"Com a Huawei, temos um parceiro apaixonado e mundialmente respeitado que partilha os nossos valores e metas que serviram de base para a criação do novo HUAWEI Mate 10 Porsche Design. Estamos muitos contentes por continuar esta parceria bem-sucedida com a Huawei e trazer um excelente smartphone para o mercado que responde às expectativas dos nossos clientes exigentes e tecnológicos", afirmou Jan Becker, CEO do Porsche Design Group.


"A nossa parceria com a Porsche Design reflete a filosofia de ambas as marcas de que o design superior é tão importante quanto o desempenho, e com o HUAWEI Mate 10 Porsche Design  estamos orgulhosos de ter alcançado ambos", de acordo com declarações de Richard Yu, CEO da Huawei Consumer Business Group. "Um equipamento que é uma parte tão grande do nosso dia-a-dia, do qual dependemos tão fortemente, deve ser visto como algo absolutamente premium, enquanto também nos facilita as nossas vidas".


O HUAWEI Mate 10 Porsche Design, com um elegante design, leva o smartphone a um novo nível de inteligência. O equipamento processa a informação mais rapidamente do que nunca, pensando de forma rápida e inteligente e aprendendo os hábitos do utilizador para se tornar uma extensão dele; mais rápido, mais confiável e mais duradouro, ajuda-o a executar no seu melhor. Não é apenas mais um smartphone, mas sim uma máquina inteligente.


Preço e Disponibilidade


O Porsche Design HUAWEI Mate 10 é vendido na Europa por € 1.395 e estará disponível nas lojas Porsche Design e online www.porsche-design.coma partir de dia 15 dezembro.





1 Pesquisa conduzida pela Dscout: http://uk.businessinsider.com/dscout-research-people-touch-cell-phones-2617-times-a-day-2016-


topo

Fim da neutralidade promove redes alternativas para acesso à internet

15-12-2017 | 21:13 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O fim da neutralidade da net nos EUA ainda vai enfrentar uma longa batalha, mas os seus efeitos começam a fazer-se sentir desde já, incentivando a criação de redes de acesso à internet que dispensam os operadores tradicionais.

O único ponto positivo que o fim da neutralidade poderá trazer - se assim se pode dizer - é o mesmo que a dos roubos de dados tem tido a nível da promoção de práticas mais seguras entre as empresas. Perante a perspectiva dos operadores passarem a ter o poder de ditar a que sites se pode aceder e a interferir com a velocidade dos serviços que consideram indesejados, resta a solução de ultrapassar os operadores e criar redes alternativas para acesso directo à internet; e nos EUA há quem já esteja a tratar disso.

A Motherboard e a VICE estão a criar uma rede de internet comunitária que servirá a população nas imediações das suas instalações e que se interligará com a rede mesh de Nova Iorque; mas cuja principal vantagem será servir como ponto de ligação directa à internet, sem filtros, e sem necessidade de um ISP tradicional.

Considerando que há muitos municípios e grupos independentes que já trabalham neste tipo de coisas há muito, este fim da neutralidade ajudará a promover este tipo de soluções que, suspeito, depressa se poderão transformar em pacotes pré-feitos, prontos a usar por quem estiver interessado em replicar o sistema na sua área. (E já nem falo em possíveis evoluções futuras, de smartphones que possam suportar de origem redes mesh, e serem eles próprios a infraestrutura de acesso à internet.)


Seria poético que o fim da neutralidade da net viesse a ser a génese de uma internet verdadeiramente livre... de operadores!

topo

Render do Galaxy S9 mostra um smartphone em linha com o esperado

15-12-2017 | 18:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Fevereiro deverá ser um mês escaldante em termos tecnológicos, com os grandes players a revelarem os seus novos trunfos. A Samsung deverá aproveitar a realização do MWC de Barcelona para nos dar a conhecer o Galaxy S9, o qual promete ser ainda melhor que o seu antecessor. Na verdade, não se pode exigir menos a quem ocupa o lugar cimeiro no mundo Android.

Ao contrário do que se chegou a pensar, já sabemos que ainda não ser neste Galaxy S9 que vamos ter um inovador sensor de impressão digital sob o ecrã. Assim sendo, e face à utilização dos ecrãs Full View, este sensor marcará presença na traseira do equipamento. 

Espera-se no entanto, que a Samsung opte por alterar a localização deste, abandonando o local junto à câmara, para passar a utilizar uma zona central, mais a baixo, como é comum ver nos smartphones com sensor da traseira do equipamento.



No render agora publicado, temos efectivamente esta alteração e tendo em conta que a informação nos chega pela mão do @OnLeaks, o seu grau de fiabilidade é bastante elevado. É certo que a mudança não foi aquela que se desejava, mas pelo menos sempre passaremos a contar com o sensor numa zona mais central.

Claro esta que na grande maioria das vezes vamos ter o utilizador a colocar o dedo em cima da câmara, baixando depois para o sensor. As dedadas nas fotografias passam assim a ser uma preocupação. Nada que uma passagem pelo bolso não resolva. :)

topo

Vivo estreia sensor de impressões digitais no ecrã da Synaptics

15-12-2017 | 18:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Afinal não vai ser a Samsung a estrear o novo sensor de impressões digitais Clear ID da Synaptics, mas sim a Vivo.


Contrariamente ao que se suspeitava, não vai ser a Samsung a estrear o sensor de impressões digitais sob o ecrã AMOLED que a Synaptics disse ter desenvolvido em colaboração com um dos 5 maiores fabricantes mundiais, mas sim a Vivo.

Huawei, Xiaomi, Apple, Vivo e Oppo detêm actualmente 91% do mercado na China; sendo que a Vivo, tal como a Oppo e a OnePlus são detidas por um consórcio chinês, o BBK Electronics, podendo ter esta sido esta a razão para que a Vivo não tivesse figurado na lista de hipóteses inicialmente avançada.

No entanto, considerando a actual vaga de smartphones full screen que têm chegado ao mercado, será seguramente apenas uma questão de tempo até que mais fabricantes comecem a aplicar este mesmo sensor (ou equivalentes) nos seus smartphones, fazendo com que a detecção de impressões digitais directamente através do ecrã se torne tão comum quanto a presença dos sensores tradicionais nos smartphones.

... Resta agora esperar para ver se a Samsung também conseguirá incluir um destes sensores já no Galaxy S9, ou se isso ficará reservado para um modelo futuro, como o Note 9.

topo

BQ lança programa beta do Android 8 Oreo para os Aquaris X e X Pro

15-12-2017 | 17:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A BQ nem sempre tem conseguido gerir a questão das actualizações da melhor maneira, mas nos últimos tempos tem mostrado uma nova postura, a querer fazer esquecer as ausências de updates que atormentaram alguns dos seus modelos (com a MediaTek a ter grande responsabilidade neste facto).


 O Android 8 Oreo é ainda uma miragem para a grande maioria dos smartphones no mercado, mas a BQ quer mostrar que efectivamente está empenhada neste assunto, disponibilizando uma versão beta do Android Oreo para o Aquaris X Pro e para o Aquaris X.

Tendo em conta os timmings envolvidos nestes processos, é provável que ainda demore algumas semanas até que a versão final comece a ser distribuída. Tendo em conta o desempenho das outras marcas, a BQ acaba assim por estar na linha da frente, facto que naturalmente se saúda.

topo

Vernee X vem com ecrã completo e 6GB de RAM

15-12-2017 | 17:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Vernee tem um novo smartphone que adere à moda dos ecrãs 18:9 com margens reduzidas, e aplica-lhe alguns extras que pretendem fazer a diferença neste segmento cada vez mais concorrido.

O Vernee X vem equipado com um ecrã Full HD 18:9 de 6", mas que devido às margens reduzidas resulta num tamanho total idêntico ao de um smartphone com ecrã de 5.5" convencional, e no interior recorre a um CPU Helio P23, acompanhado por 6GB de RAM e 128GB de memória flash.



Sabendo que as câmaras são um dos pontos críticos para parte significativa dos potenciais clientes, neste Vernee X a marca instalou dupla câmara traseira de 16MP+5MP e também dupla câmara frontal de 13MP+5MP (que também conta com um flash/iluminador dedicado). Resta apenas saber se desta vez já se consegue tirar verdadeiro partido da segunda câmara para efeitos de aplicação do efeito de "desfocagem" do fundo... ou se nem por isso.



Ainda relacionado com as câmaras e para apelar aos que não são fãs dos sensores de impressões digitais na traseira, este Vernee X também vem equipado com sistema de reconhecimento facial que promete reconhecer o utilizador legítimo e desbloquear o equipamento em apenas 0.2s. Se se demonstrar que funciona de forma fiável, será uma boa alternativa ou complemento à utilização do sensor.


E por fim, temos também uma bateria de 6200mAh, mesmo à medida de quem não quer ter surpresas com avisos de bateria fraca ao longo do dia. A Vernee anuncia uma autonomia de 4 dias em utilização normal e, graças ao carregamento rápido, pode ser recarregado de 0 a 100% em apenas 2 horas e meia.


Nesta fase de lançamento a Vernee dá a possibilidade dos fãs ganharem um destes Vernee X deixando apenas um comentário no seu site oficial, estando o mesmo disponível para compra por 238 euros desde já. No próximo dia 17 haverá ainda uma promoção especial, em que as primeiras 140 unidades estarão disponíveis por 212 euros.





topo

Notícias do dia

15-12-2017 | 16:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

A FCC aprovou fim da neutralidade da net nos EUA; Vodafone oferece 10GB este Natal (ou chamadas e SMS ilimitados); Android já deixa converter chamadas de voz em videochamadas do Duo; Siri vai reconhecer e responder a sussuros; e a triste confirmação do panorama que muitos têm sentido nestes últimos tempos: reclamações de empresas de entregas triplicaram este trimestre.

Neste mês de Natal, não só temos os nossos 31 dias de prendas - hoje com Multigroom Series 7000 da Philips - como temos também quatro smartphones para oferecer no Apps do Android, e no nosso Clube AadM+ temos um fabuloso Xiaomi Mi Mix 2 para oferecer; pelo que a oportunidade para terem algo extra para adicionar os presentes debaixo do "pinheirinho" está a uns cliques de distância.

Alphabet vai espalhar internet na Índia usando... luz



A Alphabet/Google não vai esperar para que o mundo tenha internet por conta dos seus balões, e por isso prepara-se para instalar na Índia um sistema de distribuição de internet que usa o mesmo conceito aplicado nos balões mas em modo terrestre e com instalação fixa. Serão mais de 2000 pontos de distribuição de internet que comunicam usando luz, com uma largura de banda de 20Gbps alcance superior a 10Km.

A ideia é usar esta rede "de luz" como infraestrutura entre torres celulares e hotspots, permitindo levar rede mobile e WiFi a regiões que não teriam acesso a internet de alta velocidade.


Pandora dá acesso Premium gratuito após publicidade de 15 seg



Embora por cá se dê prioridade ao Spotify, nos EUA é o Pandora que mais é associado a serviços de streaming de música, e o serviços está a tentar cativar novos utilizadores oferecendo o acesso premium gratuito... em troca de ouvirem um anúncio de 15 segundos. Se isto se pudesse tornar num método normal de aceder ao serviço, até imagino que pudesse atrair interessados, mas parece-me que será apenas uma oferta promocional e por tempo limitado.

Deste lado do Atlântico, o Spotify está a oferecer 3 meses de serviço premium por €0.99.

iMac Pro vem com chip T2




Depois de ter usado um chip T1 inspirado nos chips usados nos iPhones no MacBook Pro, o iMac Pro vem equipado com um chip T2 da Apple, que também trata de inúmeras funções secundárias e tenta garantir a segurança do sistema. Tal como acontece nos iPhones, também este T2 conta com uma zona "segura" que trata de todas as questões relacionadas com a segurança e encriptação, permitindo fazer com que o iMac Pro possa ficar bloqueado mesmo que alguém tente trocar o disco por um novo - até que o utilizador legítimo valide a sua identidade.

Este T2 também faz processamento de imagem, trata da encriptação dos dados no SSD sem prejudicar o desempenho (nem ocupando tempo do CPU principal), etc.


SpaceX volta a fazer mais um lançamento com sucesso


A SpaceX continua a fazer com que os lançamentos e aterragens dos  seus foguetes se tornem quase numa rotina, e desta vez temos mais um lançamento em que tudo correu como era esperado.

(Lançamento aos 23:50, aterragem aos 31:30 - até parece fácil! :)




Curtas do dia


Resumo da madrugada

topo

Xiaomi revela smartwatch Amazfit 2

15-12-2017 | 16:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O Amazfit original da Xiaomi já tinha atraído as atenções, mas o novo Amazfit 2 vai fazê-lo ainda mais, apostando numa qualidade de construção superior... e com autonomia que obrigará os smartwatches Android Wear a cuidarem-se.


O novo Amazfit Smart Sport Watch 2 continua a recorrer um sistema próprio da Xiaomi, e desta vez tem construção em policarbonato reforçado com fibra de carbono, com vidro safira 2.5D, aro em cerâmica e botões em aço inoxidável. Ou seja... é mesmo feito para durar e não se preocupar com os abusos acidentais (ou propositados) a que for sujeito. É também à prova de água até 50 metros.


No interior temos um ecrã circular de 1.34" com 320x320 pixeis (aparentemente ainda com a parte inferior recortada), CPU dual-core a 1.2GHz, 512MB de RAM, 4GB, GPS, sensor de frequência cardíaca, bateria de 280mAh, e todo o conjunto de sensores de movimento que é habitual vermos nestes equipamentos (incluindo barómetro, bússola digital e sensor de luminosidade). A diferença é que para este smartphone a Xiaomi anuncia uma autonomia de 5 dias; ou de 35h a dar uso ao GPS e sensor de frequência cardíaca em modo contínuo! A comprovar-se, será um valor de referência.



Na China este Amazfit 2 vai ter um preço de CNY 999 (€128) pelo que só nos resta esperar que a Xiaomi não se esqueça da traduções para inglês, para que seja mais atractivo para o público ocidental.

Publicado originalmente no AadM

topo

Análise ao HiSense Rock C30 Lite

15-12-2017 | 15:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Se são daquelas pessoas com especial apetência para deixar cair o smartphone (e a avaliar pelo número de pessoas a andar com smartphones com ecrã rachado na rua, serão muitas) hoje vamos falar de um modelo que promete não se incomodar muito com isso.



A HiSense poderá ser uma marca ainda não muito conhecida no nosso país, mas esta empresa chinesa é um dos gigantes do mundo da tecnologia e electrónica. Quem gosta de visitar as grandes superfícies por certo que já se cruzou com os televisores desta marca, mas a HiSense também está presente no mercado mobile, com algumas propostas bastante curiosas. Ao invés de apresentar um smartphone como tantos outros que encontramos no mercado, esta marca preferiu criar equipamentos que se diferenciam da concorrência através de algumas particularidades específicas. No caso deste Rock C30 Lite, a sua capacidade de resistência a todo o tipo de abusos.

Disponível em azul, vermelho e verde, o HiSense C30 Rock Lite é o smartphone ideal para quem procura um equipamento que resista a umas quedas ou banhos inesperados.

O HiSense C30 Rock Lite




Dentro da caixa, encontramos o habitual conjunto de acessórios, se bem que em versão melhorada, pois além do clip para remover o adaptador de cartões, carregador, cabo USB e auriculares, a HiSense disponibiliza ainda uma capa em silicone e uma protecção para o ecrã.





Do lado esquerdo, encontramos a entrada para o adaptador de cartões, que permite a utilização de dois cartões SIM, ou em alternativa, apenas um cartão SIM e um microSD para expandirem o armazenamento. Em cima temos a entrada para o jack de 3,5mm, em baixo a porta microUSB.


Tendo em conta o facto que este C30 Rock Lite apresenta uma certificação IP67, é um pouco surpreendente que tanto a porta microUSB como a ficha de headphones não apresentem uma tampa que facilitasse a sua estanquidade. Em termos de hardware, este smartphone é todo ele bastante económico: tem um processador MediaTek MT6737, 2GB de RAM e 16GB para armazenamento, ecrã HD (720x1280) de 5", câmaras de 8MP e 5MP e uma bateria de 3900mAh.


Em funcionamento




Estamos na presença de um smartphone de gama de entrada. Este processador MT6737 da MediaTek já tem uns bons anos de mercado e o peso da idade já se faz sentir no desempenho global do equipamento. O armazenamento também não ajuda muito, apresentando valores bastante modestos, mas sempre dentro daquilo que seria de esperar para este segmento de preço.

Em termos globais, temos um smartphone que cumpre, mas sem deslumbrar. Navegar na internet, consultar as redes sociais, ou até mesmo jogar casualmente, não será um problema. Não é de esperar contudo, um desempenho supersónico, bem pelo contrário.


A interface do Android não apresenta grandes alterações, algo que abona em favor da HiSense, que optou por não inventar, apresentando um Android baseado no AOSP. Outra decisão interessante passou pela opção de não (sobre)carregar o smartphone com aplicações. Ainda assim, a HiSense disponibiliza uma app que sugere algumas opções que poderão ser úteis aos utilizadores menos experimentados.



A aplicação da câmara é bastante limitada, assim como o resultado das fotografias. Tendo em conta o segmento de preço em que este smartphone se insere, é algo que se pode aceitar, mas devem ter este facto em conta, caso o pretendam adquirir.

Onde este HiSense C30 Rock Lite brilha, é na sua capacidade de resistência. Um mergulho inesperado não será problema, pois a certificação IP67 garante que o equipamento aguenta meia hora até um metro de profundidade. No primeiro teste que efectuamos, a bateria deixou de carregar. Informámos a marca desse facto, tendo a mesma envido prontamente outro equipamento para novo teste.

[Um mergulho quando estava a instalar uma actualização do Android]

Nos testes de submersão que efectuamos, o C30 Rock Lite comportou-se à altura, não tendo revelado qualquer problema mesmo depois de 40 minutos dentro de um frasco com água. Uns mergulhos na piscina também não foram problema (mas não esquecer de passar por água limpa para evitar potenciais problemas causados pelo cloro e afins - afinal, o objectivo é resistir a uns mergulhos acidentais e não um smartphone para mergulhadores).



O corpo em plástico é rodeado por dois anéis em borracha, que conferem um maior grau de protecção contra quedas inesperadas. A HiSense anuncia este smartphone como tendo uma boa capacidade de resistência ao choque, mas nestas coisas dos smartphones, nada melhor que testar, para ver como se comporta o equipamento.


Foi precisamente isso que fizemos, deixando cair o smartphone desamparado no chão, simulando aquilo que poderia ser uma queda inesperada. O smartphone caiu de esquina, como se pode verificar na imagem em cima (e no vídeo), não tendo o ecrã sofrido qualquer dano. Apenas ficou com uma pequena amolgadela na zona do primeiro impacto no chão - mas como em todas as situações, cada caso é um caso... mesmo minimizando-se o risco de azares, o melhor mesmo será não deixá-lo cair.


Apreciação final



Estamos na presença de um equipamento de gama de entrada, com um preço na casa dos 150€, pelo que as expectativas não deverão ser muito elevadas. O hardware permite uma utilização despreocupada para quem pretende efectuar pesquisas na internet, consultar as redes sociais e até mesmo jogar, desde que não se tratem de títulos muito exigentes em termos gráficos.

Este HiSense C30 Rock Lite é um smartphone bastante curioso. Graças à camada extra de protecção que possui, permite uma utilização em cenários que a grande maioria dos equipamentos terá de evitar a todo o custo. O facto de poder estar submerso até um metro de profundidade durante 30 minutos e ter um corpo capaz de resistir a algumas quedas, são argumentos que lhe permitem diferenciar-se da sua concorrência directa, sendo por isso merecedor de um prestigiado Quente, para todos os que considerem estas qualidades importantes.

HiSense C30 Rock Lite

Quente

Prós
  • Protecção extra contra quedas
  • Resiste a um mergulho inesperado
  • Relação preço/especificações
Contras
  • Câmaras
  • Desempenho mediano



topo

Siri vai reconhecer e responder a sussurros?

15-12-2017 | 14:14 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Os assistentes digitais por voz podem estar connosco há muitos anos, mas há vários aspectos em que ainda pouco evoluíram, e um deles é o volume com que respondem aos nossos pedidos.

Foi revelado um pedido de patente da Apple que nos mostra um sistema que permitiria a uma assistente digital como a Siri reconhecer se o utilizador estará a sussurrar, e assim responder também de forma sussurrada.


Não se pode dizer que seja um ideia que necessitasse de um génio para a criar, mas sem dúvida que seria de grande utilidade. Não há coisa pior do que estar num ambiente silencioso e querer dar uso à Siri, e descobrir que afinal o volume estava no máximo e temos a assistente da Apple a falar em alto e bom som!

Eu até iria mais longe que apenas este sistema de sussurrar, e adicionaria também um sistema de reconhecimento do volume ambiente, ajustando o volume da Siri em conformidade - ao estilo do que alguns automóveis fazem, aumentando automaticamente o volume à medida que se circula a maior velocidade, para compensar os ruídos de rolamento (e não seria incompatível com o sistema anterior, pois tratar-se-ia apenas de falar "ligeiramente" acima do nível de ruído ambiente - ou de "muito acima", consoante os casos).

A patente já foi pedida em 2016... vamos lá ver se em 2018 pode finalmente ser implementada na Siri.

topo

FCC aprova fim da neutralidade da net

15-12-2017 | 12:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Tal como pretendia o novo presidente da FCC, a entidade norte-americana aprovou o fim das regras que obrigavam os operadores a manter a neutralidade da net.

A administração Trump parece continuar a ter como missão desfazer tudo o que foi feito pela anterior administração de Obama, e infelizmente deu mais uma grande passo nesse sentido ao meter Ajit Pai como presidente da FCC e a colocar um ponto final nas regras que garantiam a neutralidade da net nos EUA.

Basicamente, o que isto faz é libertar os operadores de certas obrigações, permitindo que comecem a dar tratamento diferenciado a sites e serviços conforme bem lhes apetecer. Se até aqui eram obrigados a tratar da mesma forma o acesso ao YouTube ou a qualquer outro serviço de streaming (coisa que por vezes já nem cumpriam, como no caso do throttling aplicado à Netflix) daqui para a frente isso deixará de ser um direito garantido. Ou seja, um operador terá total liberdade para limitar a velocidade ao YouTube ou Netflix, dando prioridade ao seu próprio serviço de streaming; para não falar de que, no limite, também poderá simplesmente bloquear o acesso aos serviços e sites que considerar indesejados.

[não há razão para alarme, diz a Comcast]

É isto que nos leva ao frequente exemplo de se começarem a ter tarifários de acesso à internet ao estilo dos pacotes de televisão por cabo: em que se paga X para ter um serviço base, e depois se paga extra para ter acesso a mais canais; mas aqui aplicado a sites da internet: "Pague €10 para ter internet, pague mais €5 para ter YouTube, ou opte pelo pacote video-plus, que por €20 dá acesso ao YouTube, Netflix e Amazon Video!"

Este risco é mais que um receio, considerando que muitos operadores fazem parte de grandes conglomerados que também têm os seus interesses na área da produção e distribuição de conteúdos, o que inevitavelmente faz com que seja inevitável darem tratamento preferencial aos seus próprios serviços: veja-se por cá o exemplo que tínhamos do MEO, com o MEO Music a não contar para efeitos de dados mobile.

A luta pela neutralidade da net não chegou ao fim - pelo contrário, pode dizer-se que só agora está a começar a sério - e esta (des)aprovação da FCC vai ser combatida ferozmente de todas as formas que forem possíveis. Infelizmente, se não conseguir ser travada, parece-me ser inevitável que irá ter um efeito de contágio por todo o resto do mundo... e com a Europa no estado em que está, não me parece que tenha força suficiente para se poder manter como "exemplo a seguir" a esse nível (mas espero estar enganado!)

topo

Afinal não será a Samsung a primeira a apresentar um sensor de impressão digital sob o ecrã

15-12-2017 | 11:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quando tudo apontava para que fosse a Samsung a primeira marca a apresentar um sensor de impressão digital sob o ecrã, eis que surge uma informação que deita por terra esta hipótese, tendo este título de ser entregue outra marca do top 5 mundial.

Huawei, Xiaomi, Apple, Vivo e Oppo detêm actualmente 91% do mercado na China. Em termos globais, a Samsung tem naturalmente assento neste pódio, com a Vivo sair de cena. Este foi na realidade o erro de avaliação cometido aquando da publicação da notícia sobre o sensor da Synaptics, pois a marca que o vai apresentar em primeiro lugar, será a Vivo.

A Vivo, tal como a Oppo e a OnePlus são detidas por um consórcio chinês, o BBK Electronics e poderá ter sido esta a razão para que a Vivo não tivesse figurado na lista de hipóteses que foi inicialmente avançada.

Se estavam a contar com esta inovação no Galaxy S9, vão por certo ficar desiludidos, mas é de esperar que a Samsung tenha preparada um conjunto de hardware à altura dos pergaminhos dos Galaxy S8 e Note 8, pelo que não deverão existir razões para preocupação.

topo

Beam é um pin digital com ecrã AMOLED

15-12-2017 | 11:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

São fãs dos pins na lapela mas acham que já era altura de surgir algo mais moderno? Aqui está ele, o BEAM, um pin digital com ecrã AMOLED circular que pode apresentar imagens e animação ao vosso gosto.

A ideia de usar um ecrã circular digital para apresentar imagens estáticas ou pequenas animações é bem interessante e apela a todo e qualquer geek que se preze, e é isso mesmo que faz este BEAM. Com um sistema de encaixe magnético, ecrã de 400x400 pixeis circular e autonomia anunciada de 24h, este BEAM conta ainda com algumas funcionalidades extra, como o envio de uma mensagem de alerta para números pré-programados (com coordenadas) caso se pressione o seu botão por vários segundos.

O único problema é que estão a pedir $99 por este "pin" digital, o que me parece um valor demasiado elevado, considerando que na prática se trata do hardware idêntico ao que se encontra num smartwatch de baixo custo, e estes já podem ser encontrados por valores inferiores a 25 euros (e já nem falo daqueles de 7 euros ou de 5 euros).

Se tivesse um preço para um patamar mais acessível, até se poderia prever algum tipo de sucesso para este BEAM, mas assim, parece-me demasiado caro para aquilo que faz.


topo

Ganha um aparador Multigroom Series 7000 da Philips

15-12-2017 | 10:01 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Para este mês de Dezembro preparamos uma dose reforçada de prendas para vos oferecer, e a prenda que temos hoje para dar é um aparador Multigroom Series 7000 da Philips.


Para as pessoas que querem ter todos os pelo sob controlo, o Multigroom Series 7000 da Philips (modelo QG3380/16) é um aparador de barba, cabelo e pêlos corporais num só, e que vem com 10 acessórios para que não falte nada.


A Philips apresenta-o como sendo um aparador "da cabeça aos pés" e na realidade não anda longe disso, pois vem com pente para barba e bigode, pente parador  para cabelo, pente aparador para pelos corporais, modo de alta precisão para barca e cabelo, e muito muito mais, tudo com dezenas de possibilidades de afinação, para que não haja qualquer impedimento técnico que vos impeça de obter o corte desejado. Para além disso é wireless e pode ser usado mesmo durante o banho, sem preocupações com a água.

É uma excelente prenda, quer para vocês, quer para oferecerem este Natal... e podem agradecer à Philips a sua disponibilização.


Para participarem basta responderem à pergunta colocada no formulário, com o vencedor a ser seleccionado aleatoriamente entre as respostas correctas.

Passatempo encerrado: Fica atento à próxima prenda deste Natal ou aos próximos passatempos.

Passatempo aberto a todos os participantes com morada em Portugal. O vencedor será contactado por email após o encerramento do passatempo (entre 2-3 de Janeiro).

topo

Cat S41 - um smartphone para os mais aventureiros

15-12-2017 | 09:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Quem procura um smartphone capaz de resistir a quedas e choques, tem nos produtos Cat uma opção a ter em conta. São equipamentos pensados para serem utilizados em múltiplos cenários, sendo a neve um dos ambientes onde foram testados.

Com a chegada do inverno, os entusiastas dos desportos de inverno tão populares nesta época do ano começam a planear o arranque da temporada de esqui e de snowboard,ou simplesmente os passeios de trenó com familiares e amigos. Além das consultas ao estado do tempo, a altura da neve e as previsões de temporal, os adeptos destas modalidades necessitam de rever e analisar o estado de todo o equipamento antes do início de cada temporada. Mas será que todos os smartphones têm a capacidade de resistir ao frio, à humidade, ao gelo e à neve? Os Smartphones da Cat Phones são os mais aconselhados, extremamente robustos, resistem às intempéries e foram especificamente criados para as atividades ao ar livre. Durante anos, estes telefones têm sido escolhidos por desportistas e por profissionais com trabalhos de risco, como bombeiros, motoristas, construtores e equipas de resgate pelo facto de suportarem o clima frios e as condições de trabalho extremas.

Foto: Mario Gattinger; Créditos: Xaver Kröll


Frio e humidade: um verdadeiro desafio para os smartphones
A descida das temperaturas, a neve e a humidade são fatores que comprometem os sensíveis componentes eletrónicos que integram os dispositivos. A autonomia da bateria esgota-se rapidamente quando está num ambiente com temperaturas muito baixas, e os ecrãs táteis não são tão reativos e dificilmente funcionam com as luvas convencionais. Os novos Cat® S41, Cat® S31 e Cat® S60 (com câmara térmica integrada) funcionam sem quaisquer problemas em temperaturas entre os -25ºC e os 55ºC, e podem ser utilizados com luvas. Desta forma é possível manter as mãos quentes na neve, mesmo quando utiliza o dispositivo.


Para os profissionais dos desportos outdoor: à prova de neve e de quedas
Tanto para o esqui na montanha, como para o freeride ou para as grandes descidas, é importantíssimo termos o equipamento de proteção apropriado para desportos de inverno: equipamento para o vento e intempéries, capacete e proteções. No entanto, o smartphone também deve estar protegido contra quedas e humidade. É comum um dispositivo convencional partir o ecrã ou deixar de funcionar após uma queda, mesmo que ligeira. Neste caso, os telefones resistentes da Cat passaram testes de resistência no exterior, possuem a certificação 810G IP68 e Mil-Spec (especificação militar), e integram um acabamento em Corning® Gorilla® Glass oferecendo assim uma proteção abrangente contra a água, impactos violentos ou quedas, mesmo de alturas de 1,80 metros em superfícies duras, como o gelo e o cimento.


Tecnologia glove-on para utilização do telefone com luvas     
Quando as temperaturas baixam o uso de luvas é imprescindível. Mas sempre que é preciso utilizar o telefone para atender uma chamada ou tirar uma foto bonita da paisagem as luvas têm de ser removidas, algo especialmente desagradável na neve. Os modelos da Cat funcionam totalmente com a maioria das luvas. Além disto, as diferentes texturas que envolvem a estrutura do equipamento garantem um manuseamento fácil e firme, especialmente em climas mais húmidos.


Profissionais em todas as áreas   
Uma boa preparação e planificação são essenciais para excursões fora das pistas. Os telefones Cat incluem aplicações especificamente criadas para espaços exteriores, clima e navegação. Algumas delas estão disponíveis na App-Store Cat e pré-instaladas nos telefones. Os modelos Cat têm ligação 4G/LTE para garantirem uma navegação a alta velocidade, em qualquer lado, mesmo no cume da montanha. Para assegurarem a melhor visualização de todos os conteúdos, principalmente quando a combinação entre a brilhante luz do sol e a neve cria desconforto para os olhos graças ao reflexo no ecrã, os telefones Cat oferecem um ecrã tátil brilhante que permite a cómoda visualização de todos os conteúdos mesmo sob luz solar extrema.

O freeriderprofissional Mario Gattinger, que confia totalmente nos Cat Phones, explica: "Como freerider profissional utilizo o novo Cat S41. O telefone está sempre comigo, mesmo quando estou na estrada, e ele resiste a tudo - sejam hits, a pressão, as grandes diferenças de temperatura ou a humidade. Posso analisar as minhas pistas, tirar fotos, gravar vídeos e partilhar todos os conteúdos imediatamente através dos meus canais sociais. Uma das características mais relevantes para mim no Cat S41 é a sua função de partilha de energia: durante a subida posso usar o Cat S41 como um powerbank de energia para a minha câmara de ação e manter o telefone com autonomia suficiente para todo o dia, graças à sua grande capacidade."

Graças à sua experiência de utilização com Smartphones Cat, Mario Gattinger elegeu algumas das aplicações que todos os adeptos dos desportos de inverno devem ter:


Tempo                       Accuweather, Bergfex Ski

Segurança                             Mammut Safety, SnowSafe; Knots-Guide,

Entretenimento:        GPS Speed, Ski Tracks

Social:                        Trace Snow


Disponibilidade e preço     
    
O telefone inteligente Cat S41 está disponível por 449 €. Pode ser adquirido na loja online em www.catphones.com, em lojas especializadas ou nos operadores.


O smartphone Cat S31 tem um preço de € 329 e estará disponível para venda no final do ano na loja online em www.catphones.com, em lojas especializadas ou nos operadores.

topo

Produtos da Semana

15-12-2017 | 09:13 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

A nossa rubrica de Produtos da Semana agrupa uma lista de produtos e notícias que vamos compilando ao longo da semana e que achamos que será do interesse geral.

AOC apresenta as novas "resoluções" de Ano Novo



Se não têm um monitor à medida ou se pensam presentear alguém, a AOC deixa algumas sugestõess para esta época festiva com grandes tamanhos, alta resolução e a maior rapidez de sempre nos painéis.

Lançado esta Primavera, o PDS Series representa a vanguarda do design de monitores, graças à sua excepcional estética conceptualizada em conjunto com o famoso estúdio de design F. A. Porsche. O 24" PDS241 e o 27" PDS271 têm o perfil mais fino de 5,2 mm de espessura e contam com painéis IPS de última geração com resolução Full HD, com um tempo de resposta de 4 mss GtG e uma gama completa de cores de 100% sRGB e 90% de compatibilidade NTSC. A ampla de gama de cores permite que estes monitores não sejam apenas um objecto de design, mas um objecto para “mostrar” também. Para utilizadores diários, de multimédia ou escritório, a AOC também aprimorou a sua linha B2B com o novo 90 Series. Estes monitores em tamanho de 23,8" ou 27" apresentam-se em stands simples ou totalmente ergonómicos; todos os modelos possuem os últimos painéis IPS com amplos ângulos de visão e ampla cobertura de gama de cores (100% sRGB e 90% NTSC). Equipados com painéis "sem moldura" de 3 lados, estes monitores trazem elegância e frescura a qualquer casa ou escritório. O modelo principal, Q2790PQU oferece uma resolução QHD (1440p), enquanto todos os outros monitores da série vêm com resolução Full HD (1080p). Os modelos seleccionados também possuem um USB 3.0 hub, oferecendo assim fácil acesso para periféricos externos, como USB e até mesmo uma porta USB de carregamento rápido para dispositivos móveis.

Para alegrar a temporada deste triste inverno, a AOC tem algo ainda mais apetecível para gamers. Com as grandes referências de Natal que estão a ser lançadas a tempo das férias, os jogadores podem aproveitar as muitas vendas e ofertas especiais nas várias plataformas de e-commerce e revendedores. O melhor momento para adquirir um monitor de gaming é agora.


Série ASUS GeForce GTX 1070 Ti já disponível em Portugal


A ASUS anuncia a disponibilização da série de placas gráficas GeForce GTX 1070 Ti, programada para uma performance ultra rápida, um arrefecimento mais eficiente, um maior grau de confiabilidade e um estilo personalizado que fornecem uma experiência de jogo excepcional.

Os novos modelos incluem a série ASUS ROG Strix GeForce GTX 1070 Ti, com iluminação ASUS Aura Sync para uma potência de gaming e personalização incomparáveis; a série Turbo GeForce GTX 1070 Ti, com uma ventoinha de longa duração; e a ASUS Cerberus GeForce GTX 1070 Ti, uma nova placa gráfica de alta performance, maior compatibilidade e uma segurança premium para sessões de gaming sem interrupções. Todas as placas gráficas da ASUS são fabricadas com a tecnologia Auto-Extreme – um processo de produção 100% automatizado e pioneiro no mercado – e componentes premium Super Alloy Power II que aumentam a eficiência, reduzem a perda de energia, diminuem ruídos e temperaturas termais para garantir uma qualidade irrevogável e um elevado grau de confiabilidade. Incluem, ainda, GPU Tweak II para optimização intuitiva de desempenho. Com apenas um clique, a função Gaming Booster maximiza a performance do sistema, removendo processos redundantes e alocando automaticamente todos os recursos disponíveis ao jogo. Inclui ainda uma licença de um ano de XSplit Gamecaster que permite aos jogadores realizar um stream ou gravar o seu jogo de forma fácil e conveniente. Inclui também um overlay que exibe a velocidade do relógio da GPU, a temperatura e a utilização de RV, incluindo ainda os controlos GPU Tweak II para que os jogadores possam escolher um perfil de gaming e aumentar a performance com apenas um clique.

A nova série de placas gráficas ASUS GeForce GTX 1070 Ti já está disponível em Portugal com preços de venda recomendados a partir de 545 euros.


Colunas activas Bluetooth "Inwall"



A ArtSound, uma das principais marcas Belgas de colunas e sistemas de distribuição de áudio, com soluções inteligentes e personalizadas para os seus consumidores, chega a Portugal através da Smartaudio com a gama de colunas de instalação "Inwall".

Estas colunas activas, com uma robusta amplificação de Classe D e 2x45W, destacam-se pela montagem fácil em várias superfícies, desde a parede do seu pátio ou sala até ao tecto da sua cozinha. De visual sóbrio e quase imperceptíveis, tornam-se um elemento indispensável para a diversão pura, quer seja o convívio entre amigos ou o prazer de escutar as suas músicas favoritas tranquilamente. Porém, as "Inwall" da ArtSound não se limitam apenas a ser um bom sistema de som. Integram as mais recentes tecnologias de áudio sem fios e capacidade Bluetooth para maior conveniência, podendo ser controladas a partir de smartphones ou tablets, e podem inclusivamente reproduzir música a partir de várias fontes, desde ficheiros MP3 a rádios por streaming.

As colunas "Inwall" da ArtSound estão já disponíveis através da SmartAudio por 399 euros (par).


Huawei e Porsche Design apresentam o melhor em design de luxo com o novo Huawei Mate 10 Porsche Design chega hoje... por €1395



A Porsche Design alarga a sua parceria de prestígio com a inovadora tecnológica Huawei para apresentar o tão esperado HUAWEI Mate 10 Porsche Design.

Sendo o mais exclusivo de todos os smartphones da série Mate 10, combina a estética da Porsche Design com a perícia da engenharia móvel da Huawei. O seu design único, está totalmente revestido por um elegante vidro, e está disponível na cor Diamond Black, luxuosa e exclusiva. Além do seu design distintivo, este smartphone vem com um interface de utilizador especialmente desenvolvido pela Porsche Design, que está disponível em duas versões. Com uma capa de couro de luxo da Porsche Design, destaca a exclusividade. O acabamento elegante e de excelência torna-o na escolha perfeita para os consumidores apreciadores de design e tecnologia. O HUAWEI Mate 10 Porsche Design é muito mais do que um smartphone, utilizando o poder transformador da inteligência artificial (IA) para anunciar o início de uma nova era. Com o processador de Inteligência Artificial dedicado e capacidades de Machine Learning, o HUAWEI Mate 10 Porsche Design é um smartphone super inteligente oferecendo um desempenho superior à velocidade da luz, respondendo a situações do mundo real e aprendendo com o utilizador, permitindo-lhe dar respostas em conformidade.

O Porsche Design HUAWEI Mate 10 é vendido na Europa por 1.395 euros e estará disponível nas lojas Porsche Design e online a partir de hoje (15 de dezembro).

topo

Android já deixa converter chamadas de voz em videochamadas do Duo

15-12-2017 | 08:35 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Fazer uma chamada de voz e convertê-la numa videochamada torna-se bastante mais prático de fazer com a última actualização do dialer da Google para Android.

Não é segredo que a Google tem uma grande "salgalhada" de apps de mensagens e video-chamadas, que vão do velhinho Hangouts aos Duo e Allo, passando pela sua app de SMS, por vezes integrada numas apps, outras vezes noutras... enfim... o que falta é por tudo em ordem para que o utilizador saiba o que deve utilizar, e parece que finalmente a Google começa a dar passos nesse sentido.

Com a última actualização do dialer para Android, quando se está a meio de uma chamada, para além das opções habituais de desligar, mudar para alta-voz, fazer mute, etc. passamos a ter também uma opção de videochamada, que na prática lança o Duo da Google.

O Duo é uma excelente app de videochamada (a sério que é, experimentem-na) mas a verdade é que eu próprio sou obrigado a confessar que raramente a uso. Por um lado, por raramente fazer video-chamadas, mas mesmo que as tivesse que fazer mais depressa utilizaria o Hangouts do que o Duo (e quem estiver a usar iOS, tem o seu FaceTime e não precisa de mais nada).

Vamos lá ver se meter o botão da videochamada mesmo à frente dos olhos durante as chamadas ajudará a dar mais visibilidade ao Duo e a cativar mais utilizadores. Afinal, o Messenger do Facebook duplicou o número de videochamadas este ano... é sinal que há interesse neste tipo de comunicações.

topo

Mate 10 Pro bateu recordes de pré-compra na Europa Ocidental

14-12-2017 | 21:32 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Não é só no seu desempenho que o Mate 10 Pro se está a revelar ultra rápido, os resultados da pré-venda na Europa Ocidental foram também os melhores de sempre, com o consumidor a aderir em massa a este novo smartphone da Huawei.


A Huawei anuncia que o Huawei Mate 10 Pro quebrou todos os registos anteriores para o período de pré-compra na Europa Ocidental. O novo smartphone, o primeiro com IA, foi lançado em Munique, na Alemanha, a 16 de outubro, e foi colocado em pré-venda aos consumidores europeus antes do seu lançamento comercial. O equipamento superou todos os registros anteriores de pré-compra na Europa Ocidental, definidos pelos Huawei P10 e P10 Plus, lançados em março de 2017 e excedendo os objetivos de vendas internas para pré-encomendas em mais de 100%.


Walter Ji, presidente da Huawei Consumer Business Group, na Europa Ocidental, disse: "A reação ao nosso novo Huawei Mate 10 Pro tem sido sem precedentes - a imprensa deu ao equipamento avaliações positivas e isso está a resultar na forte procura, mesmo antes de começarmos a sua venda direta em loja. O novo Mate 10 Pro e a sua capacidade de IA mostrara como a tecnologia capacita as nossas vidas, e as pessoas em toda a Europa estão a optar por abraçar esta poderosa mudança no mercado”.


O Huawei Mate 10 Pro esteve disponível nos principais mercados da Europa Ocidental desde o seu anúncio oficial a 16 de outubro de 2017. Os consumidores que pré-encomendaram o equipamento também tiveram acesso à oportunidade única de receber um Moleskine Smart Writing Set, como parte de um acordo europeu entre a Huawei e o reconhecido fabricante de notebooks, Moleskine.


O novo Huawei Mate10 Pro chega ao mercado nacional em 2 cores, Titanium Gray e Mocha Brown, com um PRVP de 879,90€*.



*Preço inclui IVA

topo

Reclamações de empresas de entregas triplicaram este trimestre

14-12-2017 | 21:15 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


O nosso relato sobre o caso da SEUR não é um caso isolado, e com base nas reclamações feitas no Portal da Queixa, são muitas as empresas de correio expresso que parecem não ter conseguido lidar com o trabalho extra por conta da Black Friday e demais promoções.

Desde o início de Outubro, as reclamações de empresas de correio expresso aumentaram mais de 200%, demonstrando as frustrações dos portugueses com estas empresas é bem real e tem atingido proporções muito acima das habituais. As principais queixas são relativas a atrasos, extravios, e retenção das encomendas - panorama que infelizmente muitos dos nossos leitores também conhecerão pessoalmente ou por intermédio de amigos directos.

Esta época de final de ano, com inúmeras promoções (para além das compras de Natal) será sempre uma altura crítica para estas empresas, que certamente se tornará mais complicada à medida que mais e mais portugueses se vão rendendo à comodidade das compras online. Mas, isso deveria ser também um sinal para que estas empresas se adaptassem em conformidade, em vez de esperarem que os seus estafetas possam fazer o triplo ou quadruplo do serviço humanamente possível.

Reclamações na categoria Correio Expresso (desde 1 de Outubro de 2017):
  • CTT - 964
  • GLS - 257
  • Chronopost - 173
  • Seur - 152
  • MRW - 88
  • DHL - 37

De referir ainda que estas queixas são sempre bastante relativas. Uma empresa que possa ter bastantes reclamações em determinada zona do país (por excesso de serviço ou por falta de competência de um colaborador em individual) pode muito bem ter um serviço excelente no distrito ao lado. Ainda assim, a diferença brutal de reclamações que os CTT têm face aos outros parece indicar que há problemas graves que deveriam ser resolvidos.

Do lado positivo, empresas como NACEX, Go Express, FedEx, Rangel e Via Directa, apresentam um alto Índice de Satisfação do Cliente, que poderá servir de exemplo para que as outras empresas do lado oposto possam retirar as suas conclusões. Como já referi, penso que um cliente não ficará muito chateado se lhe telefonarem a dizer que a encomenda que deveria chegar hoje vai afinal chegar amanhã - o que é inadmissível é dizer que "passaram lá mas não estava ninguém", ou que "foi entregue" quando ainda anda na carrinha de transporte ou está parada no armazém.

... Um pouco de respeito pelo cliente é tudo o que se pede.

topo

Brava dança dos heróis

14-12-2017 | 21:14 | Gonçalo Sá | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Da revolta nas ruas à libertação na pista de dança, "120 BATIMENTOS POR MINUTO" mergulha fundo no flagelo da sida a partir da Paris dos anos 90. Mas se a acção é datada, o drama de Robin Campillo tem sido um dos filmes-chave do cinema europeu em 2017, com destaque para o Grande Prémio do Júri na última edição de Cannes - e merecidamente, apesar dos desequilíbrios ocasionais.

 

120BattementParMinute2

 

Cinema de guerrilha? Teria sido fácil tornar "120 BATIMENTOS POR MINUTO" num petardo de militância, tendo em conta que Robin Campillo se debruça aqui na história real da organização activista Act Up, dedicada à prevenção e tratamento contra o alastrar do HIV em França, no início dos anos 90. O realizador franco-marroquino sabe do que fala, uma vez que foi membro da associação nessa época e algumas das suas experiências estão muito próximas das de um dos protagonistas deste drama. Mas se é nítido que o autor de "Les Revenants" e "Eastern Boys" está do lado do grupo de jovens que lutou pelos direitos dos seropositivos face à indiferença quase geral - da classe política, da comunidade médica ou dos meios de comunicação social -, o seu olhar vai muito além de um panfleto com uma visão maniqueísta do mundo.

 

Da mesma forma que denuncia a estigmatização de uma comunidade (e em especial dos homossexuais, que juntamente com as prostitutas, toxicodependentes e imigrantes eram automaticamente associados aos casos crescentes de sida), "120 BATIMENTOS POR MINUTO" também é revelador do modo voluntarioso e incisivo, embora amador e até desastrado, como a Act Up empreendia muitas das suas chamadas de atenção. Mas essa postura crítica não é incompatível com um relato que abraça a obstinação e idealismo do grupo, conjugação especialmente inspirada quando Campillo se concentra nas discussões internas com um nível de detalhe quase documental.

 

120BattementParMinute

 

O filme parte mesmo dessa dinâmica comunitária, com um relato minucioso dos comprissos e antagonismos, ideais e contradições, antes de se focar no diálogo e conflito da Act Up com a sociedade de então e, mais à frente, de forma gradual, na relação gay entre dois dos seus membros. Co-argumentista de "A Turma", de Laurent Cantet, o realizador está familiarizado com o entrosamento narrativo entre o colectivo e o individual e essa alternância volta a ser um elemento distintivo em "120 BATIMENTOS POR MINUTO", mas fica a sensação de que o primeiro elemento é mais conseguido do que o segundo.

 

Apesar de contar com um elenco uniformemente credível, Campillo não tira grande partido de alguns actores e personagens (como a de Adèle Haenel, uma das revelações francesas dos últimos anos), entregando o protagonismo a um relacionamento amoroso que, embora envolvente, não acrescenta muito a tantos outros filmes LGBTQ - sobretudo àqueles marcados pelos dramas da sida, como o também relativamente recente "Um Coração Normal", de Ryan Murphy, que até era menos disperso e mais complexo no retrato íntimo.

 

O argentino Nahuel Pérez Biscayart, que já se tinha destacado em "Glue", de Alexis dos Santos, e "Je Suis à Toi", de David Lambert, exibidos em Portugal no festival Queer Lisboa, impõe-se de vez como actor a seguir na pele de um activista tão revoltado quanto vulnerável, ainda que o arco da sua personagem não se desvie dos moldes de "filme de doença" (por muito que o realizador tente fintar esse conformismo com uma cena "crua" num quarto de hospital, entre outras), e por isso "120 BATIMENTOS POR MINUTO" acaba por não ser uma experiência tão desafiante na segunda metade - e as quase duas horas e meia chegam a acusar a duração em algumas sequências, impressão confirmada na recta final.

 

120BattementParMinute3

 

Entre as acções de protesto nas ruas, escolas ou laboratórios e o drama conjugal de câmara, Campillo encontra ainda espaço para a descompressão na pista de dança, com o hedonismo dos corpos entregue à música electrónica e ao hino synthpop "Smalltown Boy", clássico dos Bronski Beat pioneiro na abordagem à temática gay (com enfoque na marginalização) em terreno mainstream.

 

A nível formal, estes episódios são alguns dos mais inventivos do filme, com a fuga para a frente das personagens a ter cruzamentos inesperados com o lado mais clínico desta história num cenário nocturno. Só é pena que a fusão vá perdendo o impacto à medida que é repetida, com ligeiras variações que não disfarçam o cansaço do modelo. Não é que "120 BATIMENTOS POR MINUTO" não conte com mais imagens fortes, com menção inevitável para uma vista do Sena inédita e arrepiante, mas Campillo mostrava outra capacidade de manter essa energia visual (e até emocional) em "Eastern Boys", filme mais livre e imprevisível. O estatuto de cineasta a ter debaixo de olho, no entanto, não sai beliscado num drama ainda pessoal e transmissível q.b. - e nos seus melhores momentos, urgente como pouca oferta a chegar às salas este ano.

 

3/5

 

 

topo

Vodafone oferece 10GB este Natal (ou chamadas e SMS)

14-12-2017 | 18:30 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Já é tradição a Vodafone oferecer aos clientes alguma coisa durante o Natal, e este ano a oferta surge sob a forma de 10GB de dados; ou minutos, SMS e MMS ilimitados, para gastar nesses dias.

Os clientes Vodafone podem escolher entre as seguintes opções: para os fãs da internet e das apps, 10GB de dados; para todos os outros, chamadas de voz, SMS e MMS gratuitas. Em ambos os casos, aplicam-se apenas ao uso feito nos dias 23, 24 e 25 de Dezembro, sendo esta oferta válida para os primeiros 500 mil clientes particulares que aderirem até quinta-feira, dia 21, na App My Vodafone (seleccionando a opção "Oferta de Natal" no menu) ou ligando para o número 1275.

Também através da App My Vodafone, até ao dia 21, os clientes vão poder oferecer a um familiar ou amigo com serviços Vodafone, uma das seguintes opções: comunicações de Voz, SMS, MMS; 5GB de dados para acesso à internet; voucher de 20€ de desconto em smartphones ou acessórios na loja online; ou um voucher com um filme grátis no videoclube da Vodafone. Para os Clientes Yorn haverá ainda a opção exclusiva de oferta de cinco "shakes" para utilizarem no Yorn Shake It. Estas ofertas poderão ser usufruídas entre 26 e 31 Dezembro, com excepção dos Shakes que têm uma validade de 72h após a sua activação.

No entanto... escolham bem o destinatário, pois só poderão fazer esta oferta uma vez a uma única pessoa (caso estivessem já a imaginar distribuir gigabytes extra por toda a família! :)

topo

Receptor AnyCast WiFi-HDMI por €11

14-12-2017 | 17:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Se já sentiram necessidade de enviar conteúdos do vosso smartphone ou tablet para o televisor, tudo o que precisam é de algo tão simples e económico como este receptor AnyCast.

Algumas pessoas já poderão ter Smart TVs que trazem de origem funcionalidades como o DLNA e Miracast e que permitem usá-la como receptor das transmissões feitas a partir dos smartphones, mas muitas outras continuam a ter televisores sem essas capacidades e não estão interessadas em trocar de televisor tão cedo. Para elas, a solução mais simples será recorrer a um destes pequenos dongles HDMI estilo Chromecast... mas mais barato.

O AnyCast M2 custa apenas 11 euros e anuncia compatibilidade com o Miracast, DLNA e Airplay. O que isto significa é que poderão usá-lo para transmitir o ecrã de praticamente todos os smartphones e tablets dos últimos anos, para qualquer televisor (ou projector) com entrada HDMI - para além de também o poderem usar apenas para visualizar fotos ou até para jogarem alguns jogos "em grande".

Há no entanto um pequeno detalhe que importa referir: pois devido à questão do DRM, não é possível usá-lo para transmitir vídeos do YouTube, Netflix e Amazon Video directamente a partir das apps nativas; sendo no entanto possível fazê-lo a partir das páginas web. DRM... sempre a ajudar as pessoas, certo? ;P

topo

Notícias do dia

14-12-2017 | 16:32 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

Apple começa a vender iMac Pro, que em Portugal vai dos 5599 aos 16 mil euros(!); VESA cria certificação DisplayHDR para monitores HDR; Xiaomi revela smartwatch Amazfit 2 - e também temos grande promoção do Xiaomi Mi A1 a €159; o Google Translate achou (por momentos) que os lisboetas são loucos por sexo; e a França vai proibir uso de telemóveis nas escolas.

Neste mês de Natal, não só temos os nossos 31 dias de prendas - hoje com uma luz nocturna Millennium Falcon - como temos também quatro smartphones para oferecer no Apps do Android, e no nosso Clube AadM+ temos um fabuloso Xiaomi Mi Mix 2 para oferecer; pelo que a oportunidade para terem algo extra para adicionar os presentes debaixo do "pinheirinho" está a uns cliques de distância.

Agências noticiosas Europeias querem Google, Facebook e Twitter a pagar pelos links para as suas notícias



Numa espécie de déjà-vu, nove agências noticiosas europeias estão novamente a exigir que empresas como a Google, Facebook e Twitter paguem por utilizarem as suas notícias (provavelmente também se referindo à questão destes sites exibirem pequenos excertos das mesmas quando alguém partilha um link).

... É simples, vamos por a Google, Facebook e Twitter a bloquearem todos os links destas nove agências noticiosas, e depois que sejam elas a pagar quando decidirem que afinal preferem continuar a estar disponíveis nestas plataformas, pode ser?


ESET revela as mais recentes ameaças informáticas




A ESET partilhou as ameaças informáticas mais comuns das últimas semanas, para que os utilizadores fiquem mais atentos e informados sobre os ataques a que podem estar sujeitos.
  1. JS/Adware.AztecMedia - o JS/Adware.AztecMedia é adware – uma aplicação cujo objetivo é a transmissão de anúncios não solicitados. O código deste malware é normalmente inserido em páginas HTML.
  2. JS/Adware.Imali - o JS/Adware.Imali também é adware geralmente inserido em páginas HTML.
  3. JS/Chromex.Submelius - o JS/Chromex.Submelius é um Trojan – malware que se faz passar por um programa legítimo para enganar os utilizadores. Este Trojan redireciona o navegador web para um URL que distribui software malicioso.
  4. HTML/FakeAlert - HTML/FakeAlert é um nome de deteção genérico para uma página HTML que mostra uma mensagem de alerta falsa, normalmente sobre um vírus inventado ou outro problema que supostamente está a prejudicar o computador do utilizador. O utilizador é depois aconselhado a contactar uma linha de suporte técnico falsa ou executar uma solução de segurança falsa para evitar “danos”. Este tipo de página costuma ser usado como ponto de partida para fraudes de suporte técnico.
  5. SMB/Exploit.DoublePulsar - SMB/Exploit.DoublePulsar é o nome que a ESET dá a deteções que previnem a exploração de sistemas vulneráveis ao malware Win32/Exploit.CVE-2017-0147.A e Win32/Filecoder.WannaCryptor.
  6. LNK/Agent.DV - LNK/Agent.DV é um nome de deteção para um ficheiro LNK que executa malware e é criado com o nome especial "%nome_do_disco% (%tamanho_do_disco%GB).lnk", convencendo os utilizadores que é uma ligação legítima para conteúdo do disco.
  7. JS/ProxyChanger - o JS/ProxyChanger é um Trojan que bloqueia o acesso a certos websites e desvia o tráfego para outros endereços IP. O Trojan pode também redirecionar a vítima para websites do atacante.
  8. LNK/Agent.CX - LNK/Agent.CX é um nome de deteção semelhante ao LNK/Agent.DV.
  9. Win32/Bundpil - o Win32/Bundpil é um worm que se propaga através de armazenamento removível. O worm contem um URL a partir do qual faz download de vários ficheiros maliciosos. Os ficheiros são depois executados e é usado HTTP para comunicar com o servidor de comando e controlo (C&C).
  10. LNK/Agent.DA - LNK/Agent.DA é um nome de deteção para um ficheiro LNK que executa o Trojan Win32/Bundpil.DF. O ficheiro LNK é criado da maneira descrita no LNK/Agent.DV, apontando na verdade para “%system32%\\rundll32.exe” com um DLL Bundpil como parâmetro.


BQ lança programa beta de Android 8 Oreo para Aquaris X e X Pro



A BQ quer fazer esquecer as ausências de actualizações que atormentaram alguns dos seus modelos (em grande parte por culpa dos chips MediaTek) e para isso quer ser dos primeiros a trazer o mais recente Android 8 Oreo para os seus modelos. Neste caso em concreto, já está disponível o Android Oreo para o Aquaris X Pro e para o Aquaris X para todos os que o quiserem experimentar.

Como sempre... fica o aviso de que, sendo versões beta, estão sujeitos a enfrentar alguns bugs e outros fenómenos curiosos; pelo que, para a maioria das pessoas o mais recomendável será aguardar até que chegue a versão final.


VR Zero Latency abre no Dolce Vita Tejo a 18 de Dezembro


Lembram-se de vos ter falado da sala VR Zero Latency? Finalmente já temos data de abertura oficial ao público, que será já na próxima segunda feira, 18 de Dezembro. Uma excelente forma para se entreterem enquanto outros vão fazer as compras de Natal... :)



O Centro Zero Latency está localizado no Dolce Vita, ao lado da KidZania, junto à zona de restauração. O horário de funcionamento será de segunda a quinta-feira das 14:00 às 22:00, e na sexta-feira das 14:00 às 23:00. No sábado estará aberto das 11:00 às 23:00 e no domingo das 11:00 às 22:00. A idade mínima para participar na experiência imersiva de realidade virtual é de 13 anos. O preço por pessoa por uma hora de sessão é de 24,95€ ( o tempo de jogo é de aproximadamente 30 minutos, podendo variar consoante o tempo que os jogadores demorarem a equipar-se). Além das bilheteiras no centro, será também possível comprar bilhetes on-line, bastando a qualquer pessoa deslocar-se ao site do Zero Latency, escolher o dia, a hora, número de pessoas e proceder ao pagamento. Sugere-se, no entanto, a reserva on-line atempada do dia e hora da sessão pretendida.


Curtas do dia


Resumo da madrugada


topo

Google lança 3 apps experimentais para foto e vídeo

14-12-2017 | 16:21 | Apps do Android | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Google, de vez em quando, lá nos vai surpreendendo com algumas apps curiosas (como o Motion Still), e desta vez traz-nos três apps dedicadas à fotografia e vídeo que vale a pena experimentar.


Não é segredo que a Google tem feito forte investimento na fotografia "computacional" que permite captar imagens de forma que seria tradicionalmente impossível, captando múltiplas exposições e criando uma imagem final que as combina da melhor forma. Como tal, é apenas natural que a Google queira explorar diferentes vertentes do que este tipo de processamento possibilita, e foi isso que fez com estas três novas apps.

Storyboard



A app Storyboard (Android) transforma vídeos em páginas de banda desenhada com diferentes estilos, recorrendo ao reconhecimento de imagem para seleccionar automaticamente as imagens do vídeo que melhor se adequam a este tipo de transformação.

Selfissimo!



Para quem prefere as selfies a Google propões a Selfissimo! (iOS, Android) funciona como um verdadeiro fotógrafo profissional automatizado, captando fotos sempre que e pessoa parar por instantes enquanto vai testando múltiplas poses. No final o utilizador pode ver todas as capturas e escolhendo quais as fotos que deseja manter (ou todas).

Scrubbies



A Scrubbies (iOS) aplica o efeito do "scratching" na mistura de músicas ao vídeo, permitindo aos utilizadores arrastarem vídeos para a frente e para trás e permitindo a gravação desses padrões para criar vídeos divertidos.

... Pessoalmente acho que as duas outras apps estão melhor conseguidas e com maior potencial para serem úteis de forma semi-regular... mas os fãs do vídeo poderão achar mais piada a esta.

Publicado originalmente no AadM

topo

Samsung revela Notebook 9 e Notebook 9 Pen

14-12-2017 | 15:31 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


A Samsung já revelou a sua nova linha de portáteis Notebook 9 e Notebook 9 Pen, com o nome a indicar que o primeiro mantém o formato de portátil tradicional, e o segundo a ser um transformável que vem com caneta.

O sector dos portáteis pode estar relativamente estagnado face à pouca evolução que tem havido nos últimos anos, mas as marcas lá vão refrescando os seus modelos com os mais recentes CPUs e é precisamente isso que a Samsung fez com estes Notebook 9 e 9 Pen para 2018.


O Samsung Notebook 9 Pen aposta no formato convertível 2-em-1, podendo ser usado como portátil ou tablet, e vem com chassis em Metal12 - uma liga de alumínio e magnésio que lhe garante rigidez e baixo peso (995g). Nas características, temos um ecrã Full HD de 13.3", CPUs Intel Core i7 de 8ª geração, até 16GB de RAM, até 512GB NVMe PCIe, USB-C, USB 3.0, bateria de 39Wh e claro, a S Pen (com 4096 níveis de pressão e bico de 0.7mm). Tem também uma câmara IR frontal para reconhecimento de rosto e login automático via Windows Hello.

Já nos modelos Notebook 9 normais, vêm em três modelos: um com ecrã de 13.3", e os outros dois com ecrãs de 15" - com um deles a contar com placa gráfica NVIDIA GeForce MX150 em vez de depender da gráfica integrada (em todos os casos, são ecrãs Full HD.) Estes portáteis também são feitos na mesma liga Metal12, e têm características de hardware idênticas, mas contam com uma bateria de 75Wh - a maior e mais potente que a Samsung já colocou dentro de um portátil, e que conta com carregamento rápido.

Estes modelos ficarão disponíveis já este mês na Coreia do Sul, devendo chegar ao resto do mundo nos primeiros meses de 2018.

topo

Ok, a Disney comprou a Fox. E agora?

14-12-2017 | 15:28 | J. B. Martins | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos

disneyfox.jpg

Finalmente aconteceu. Depois de semanas de especulação, a Disney anunciou oficialmente a compra da 20th Century Fox pela módica quantia de 52 mil mihões de dólares (o comunicado completo aqui). E agora? O que é que isso significa para a indústria? 

Vamos por partes.

Para além da Marvel ficar praticamente toda reunida no mesmo sítio (os X-Men, o Deadpool e os Fantastic Four podem finalmente juntar-se ao MCU), o acordo tem alguns contornos que me parecem mais relevantes.

Em primeiro lugar, este acordo é a prova de que a Disney pretende ir com tudo o que tem e não tem para cima da Netflix. A Disney já tinha anunciado os planos de expansão para o mercado do streaming, com o fim anunciado do acordo com a Netflix e a criação de uma plataforma própria. Com este negócio, quando a anunciada Disneyflix for lançada (não se vai chamar assim, obviamente, mas percebem a ideia), vai ter o apoio do catálogo da 20th Century FoxMarvel Entertainment, Lucas Films, ABC, ESPN, Disney Channel, Disney Animation, Disney Motion Pictures, Pixar e Blue Sky. Coisa pouca portanto.

Por outro lado, a Disneyflix não só pode chegar mais cedo do que se pensa, como pode já estar aqui. Este acordo dá à Disney mais 30% da Hulu. Ou seja, passa a ter 60% da plataforma de streaming, uma maioria jeitosa que lhe vai permitir evoluir uma marca que tem vindo a ganhar algum prestígio (The Handmaid's Tale é um original Hulu, por exemplo), em vez de criar do zero.

Caso o Departamento de Justiça dos Estados Unidos venha a colocar entraves no negócio (recorde-se que, recentemente, os reguladores impediram a aquisição da Warner pela AT&T), a Disney pretende defender-se precisamente com o facto de precisar de aumentar os ativos para se defender da Google, Facebook, Amazon.com e Netflix (para além de que, se o negócio não acontecer, a Disney tem de indemenizar a Fox em 2500 milhões de dólares).

Há ainda uma novidade que me parece trazer algumas implicações interessantes. A Disney vai ficar com a Blue Sky, o estúdio responsável pelos Ice Age, Rio, Ferdinando, The Peanuts Movie e uma das (poucas) alternativas à casa do Rato Mickey no mercado norte-americano. Não me parece que a animação da Disney possa ser assim tão fragmentada. A diferença entre a própria Disney Animation e a Pixar começa a esbater-se e tenho dúvidas que as três possam conviver durante muito tempo. Pelo menos nestes moldes.

E passamos para aquilo que mais tem preocupado a Internet. O que vai acontecer com o filmes mais "adultos" da Fox? Sinceramente não acredito que venham a sofrer alguma espécie de censura. Não nos podemos esquecer que nos anos 90, a Miramax, a Dimension e a Hollywood Pictures pertenceram à Disney. Ou seja, o Scream, o The Crow e até um Halloween foram aprovados pela Disney. 

O problema é que inconscientemente, só o facto de saber que os Simpsons, o catálogo MacFarlane e o Alien estão dependentes de uma companhia tão familiar e possessiva como a Disney, causa-me um pequeno arrepio na espinha.

E afinal de contas a concorrência estimula a criatividade, não é? E quando acabar esta bolha dos super heróis, com o que é que vamos ficar? 

 

 

 

Para mais críticas, notícias, passatempos e outras coisas fofas acompanhe-nos no Facebook. Prometemos manter os níveis de indignação e de selfies controlados.

topo

VESA cria certificação DisplayHDR para monitores

14-12-2017 | 14:14 | Aberto até de Madrugada | Sapo Tags del.icio.us Adiccionar aos Bookmarks / Favoritos


Depois das resoluções 4K (e superiores), é tempo de se começar a por alguma ordem no HDR, que por enquanto tem sido uma grande confusão no campo dos monitores.

Enquanto nos televisores os modelos HDR já começam a popularizar-se (embora com standards diferentes que obrigam a algum cuidado), nos monitores de computadores as coisas têm estado mais lentas e ainda mais confusas, principalmente porque cada fabricante têm tido a liberdade de decidir o que é o seu HDR... e que poderá não ser exactamente aquilo que o utilizador esperava.

Para evitar isso, a VESA (Video Electronics Standards Association) já anunciou um programa de certificação DisplayHDR que irá garantir alguns patamares mínimos naquilo que se pode esperar destes monitores:
  • DisplayHDR 400 - exige uma qualidade mínima de imagem de 8-bits (sem dithering), global dimming e luminosidade de pico de pelo menos 400cd/m2.
  • DisplayHDR 600 - qualidade de imagem de 10-bits, full-screen flash, local dimming com ajuste de contraste em tempo real, luminosidade de pico de 600cd/m2, e gama de cores superiores às do DisplayHDR400.
  • DisplayHDR 1000 eleva os requisitos do HDR 600, com luminosidade de 1000cd/m2 e local dimming mais avançado.
Esta primeira versão da certificação DisplayHDR foca-se nos monitores LCD, que constituem a esmagadora maioria dos monitores actuais, mas estando previsto que no futuro sejam ajustadas a monitores OLED caso se venham a popularizar (e onde certas coisas estão implícitas, como o "local-dimming" por pixel). Por agora, o que interessa é manter na memória que, nos próximo anos, quando quiserem trocar de monitor, optem pelo menos por um que seja DisplayHDR600.

topo

Página 1 de 5627

Subscrever

Autores

Disclaimer

O Planet Geek não é responsável pelos seus conteúdos, apenas os replica a partir de cada blog.
Os artigos são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.